Página Principal Barossa Valley Vinícolas de Barossa Valley, Austrália | Quais vale a pena visitar!

Vinícolas de Barossa Valley, Austrália | Quais vale a pena visitar!

por Mirella Matthiesen
0 comment

Se você, assim como eu, gosta de unir viagens com degustação de vinhos, coloque no radar as vinícolas de Barossa Valley na Austrália, especialmente se curtir uma boa taça de Shiraz e/ou Grenache.

Os vinhos de Barossa começaram a ser produzidos na Austrália por volta de 1840, isto é quando os primeiros imigrantes europeus chegaram na região.

Desde o início, houve um claro comprometimento em desenvolver uma indústria de qualidade e que fizesse jus a natureza fértil da Barossa. Tanto é, que das 12 empresas de vinho mais antigas e ainda em operação na Austrália, quatro estão localizadas em Barossa, são elas: Penfolds, Orlando, Seppeltsfield e Yalumba.

Além de Barossa, o estado de South Australia, abriga outras regiões vinícolas de destaque, incluindo Adelaide Hills e McLaren Vale. Podemos dizer que é uma terra abençoada por Baco, o deus do vinho!

Lavandas e parreiras da vinícola Yalumba
Lavandas e parreiras próximas a vinícola Yalumba

Antes de fazer as malas para a Australia, não esqueça de adquirir um bom Seguro Viagem!

Viajar sem ele é o barato que pode sair muito caro! Clique aqui para receber 5% de descontos no pagamento em cartão (parcelado ou não) ou 10% de desconto para pagamento à vista no boleto!


Como chegar em Barossa Valley?

O aeroporto mais próximo de Barossa fica na cidade de Adelaide (ADL), há pouco mais de hora de distância de carro. Pela minha experiência, a região merece pelo menos dois ou três dias, pois assim você pode mesclar as visitas nas vinícolas com outras atrações.

Se você for por conta, recomendo alugar um carro para ter a liberdade de explorar a região no seu tempo. Contudo, fique atento com a quantidade de bebida para não levar multa sem necessidade. Lembre-se que o limite de velocidade das estradas é de 100km/h e nas ruas abertas entre as cidades 50km/h, do contrário estará sinalizado.

Caso só tenha um dia disponível e quiser fazer um bate e volta desde Adelaide, procure um tour para fazer o transfer, assim você pode beber sem preocupar. Pesquisando por aí, eu escolheria esse tour aqui que leva poucas pessoas e achei bem completinho, mas esse outro também pareceu interessante. Enfim, opções não faltam, veja aqui mais algumas.

Se quiser usar ônibus ou trem, recomendo pesquisar a empresa LinkSA.com.au, mas vale lembrar que o sistema de transporte público entre as cidezinhas de Barossa não é dos melhores. Há pessoas que curtem fazer o roteiro interno de Barossa de bicicleta, se você estiver em forma, acredito que seja uma boa opção (ainda não testei).

Vinícolas para visitar em Barossa, na Australia

+ Hunter Valley : vinícolas perto de Sydney (Australia)

+ As regiões vinícolas mais bonitas da França


Quando ir para Barossa Valley

Barossa Valley pode ser considerada uma região para se visitar em qualquer época do ano, mas certamente o outono australiano é a melhor estação para curtir a região, seguido da primavera. Então, entre os meses de março a maio e de setembro a novembro, você vai acertar em cheio.

O verão costuma ser quente, seco e com muitos mosquitos, mas por outro lado, é a época que menos chove na região. Já o inverno, eu recomendo colocar mais agasalhos da bagagem, pois fica friozinho.

Onde ficar Barossa

A região de Barossa acopla várias cidadezinhas e por isso, fica bem complicadinho decidir onde ficar. Depois de muito pesquisar e testar pessoalmente, acredito que Tanunda seja a melhor base, além de oferecer mais opções de acomodação, a cidadezinha também tem mais restaurantes e amenidades.

Recomendo reservar sua acomodação com antecedência, para conseguir vaga no local que escolher. Veja abaixo algumas recomendções:

Stonewell Cottages and Vineyards (Tanunda – 4 e 1/2 estrelas)

Fernweh Guesthouse (Tanunda – 4 estrelas)

The Lodge Country House (Marananga – B&B)

Barossa Shiraz Estate (Lyndoch – 4 e 1/2 estrelas)

Novotel Barossa Valley Resort (Tanunda – 4 e 1/2 estrelas) – local onde ficamos (foto abaixo)

Onde ficar e Barossa Valley

Vinícolas de Barossa Valley

Finalmente vamos falar do que interessa, isto é, quais vinícolas visitar em Barrosa Valley. Para você ter ideia, são mais de 80 vinícolas em Barossa Valley que se espalham por várias cidadezinhas da região, dessa forma, decidir quais visitar não é uma tarefa fácil.

Nessa seleção que preparei para vocês, fiz uma mistura de vinícolas tradicionais e outras que estão ganhando destaque. Independente da sua preferência pessoal, todas eu recomendo de olhos fechados!

Minha dica é visitar de duas a três vinicolas por dia, e fazer pelo menos um tour dentro das vinícolas para se aprofundar um pouco mais. Aproveite o almoço e o jantar para experimentar outros vinhos!

Vinícolas para visitar em Barossa, na Australia

Yalumba

Yalumba é a vinícola familiar mais antiga da Australia, ou seja ela começou sua produção em 1948. Para os apreciadores e entendidos, acho interessante saber que Yalumba é uma das quatro vinícolas do mundo que possui sua própria tanoaria, isto é uma fábrica de barris de madeira para envelhecimento dos vinhos. 

Alguns dos tours pela vinícola oferecem a oportunidade de ver como acontece esse trabalho da tanoaria, além é claro, de degustar vários de seus vinhos. Eu tive a oportunidade de participar de um desses tours e me apaixonei ainda mais pela Yalumba.

A Yalumba é uma das grandes produtoras de vinhos na Australia, dessa forma, é possível encontrar seus vinhos em vários locais de venda no país e pelo mundo. Apesar de não achar os vinhos que eles produzem os melhores de Barossa, certamente a visita vale MUITO, especialmente para apreciar algumas das videiras mais antigas do mundo.

A degustação dos vinhos básicos é gratuita, mas os tours são todos pagos? O pessoal do atendimento é muito querido, bem informados e atencioso.

Horário de visitação: 10h ~ 17h todos os dias, exceto no ano novo, sexta-feira santa, natal e boxing day (26/dez).

Endereço: 40 Eden Valley Road  – Angaston SA 5353

Website: yalumba.com

Vinícolas para visitar em Barossa, na Australia

Seppeltsfield Estate Winery

Você sabe que está chegando na vinícola de Barossa Seppeltsfield quando as majestosas palmeiras surgem no horizonte e te levam por um caminho de aproximadamente 10km até sede da vinícola.

Apesar de ser uma das primeiras vinícolas da região, certamente ela está sempre na vanguarda e levando a industria de vinho australiano para o próximo patamar.

Aproveite a visitar para fazer uma degustação (opções gratuitas, pagas ou tours), experimentar o restaurante Fino (muito bem avaliado), visitar as lojinhas de produtos locais e apreciar a bela propriedade.

Uma das curiosidades dessa vinícola é que em 1866 uma nova adega de pedra começou a ser construída por Joseph Seppelt, fundador, e foi completada por seu filho, Benno, após seu falecimento. Até aí, nenhuma novidade, mas Benno escolheu o melhor vinho da safra e deu instruções para que fosse engarrafado somente depois de 100 anos, sem querer ele deu origem a uma tradição que se perpetua até hoje.

A tradição de estabelecer um barril do melhor vinho de cada safra continua sendo feita até hoje. A “Adega do Centenário” agora compreende uma linhagem ininterrupta. A Seppeltsfield continua sendo a única vinícola do mundo a lançar um vinho vintage de 100 anos a cada ano.

Notavelmente, a vinícola também oferece a oportunidade para os visitantes saborearem e comprarem o vinho do seu ano de nascimento, um dos tours mais concorridos da Seppeltsfield.

Visitar o Mausoleum da família, no caminho para a vinícola, também é uma das “atrações” da vinícola.

Horário de visitação: 10h30 ~ 17h todos os dias, exceto no ano novo, sexta-feira santa, natal e boxing day (26/dez).

Endereço: 730 Seppeltsfield Road  – Seppeltsfield  SA 5355

Website: seppeltsfield.com.au

Vinícolas para visitar em Barossa, na Australia

Você sabia?

As vinícolas de Barossa possuem algumas das vinhas mais antigas do mundo!!!

Isso mesmo, apesar da Australia ser considerada do “novo mundo” no quesito dos vinhos, várias de suas parreiras são centenárias e continuam produzindo uvas de excelente qualidade! Presenciar essas “anciãs” ao vivo é um grande privilégio!

Langmeil

Acredita-se que a Langmeil abriga o mais antigo vinha de Shiraz do mundo, plantado em 1843, e chamada de “Langmeil Freedom 1843“.

Langmeil foi um dos assentamentos europeus originais de Barossa e durante a visita você consegue visitar algumas casas da época que ainda estão de pé e são preservadas pela vinícola. Uma aula de história, especialmente para os australianos ou novos imigrantes que querem conhecer um pouco mais sobre a colonização de South Australia.

A adega tem um estilo bem rústico e os atendentes são muito solicitos. Recomendo a degustação gratuita ou se quiser as safras mais especiais, você pode pagar um pouquinho a mais por isso.

Horário de visitação: 10h30 ~ 16h30 todos os dias, exceto no ano novo, sexta-feira santa e natal.

Endereço: esquina das ruas Langmeil and Para Roads, Tanunda

Website: langmeilwinery.com.au

Vinícolas para visitar em Barossa, na Australia

COMIDAS AUSTRALIANAS QUE VOCÊ PRECISA CONHECER!

11 SITES PARA APRENDER INGLÊS ONLINE GRÁTIS!


Rockford

Rockford é uma das vinícolas de Barossa mais acolhedoras e populares para se visitar. E não é por menos, pois ela é uma das melhores degustações que fizemos foi nessa propriedade.

Eles apresentam vinhos tradicionais de alta qualidade feitos a partir de algumas das melhores vinhas de Barossa. O espaço para visitantes da Rockford fica em um pátio pavimentado rodeado por edifícios de pedra que datam do início da colonização de Krondorf, um dos primeiros assentamentos europeus em Barossa.

Horário de visitação 11h ~ 17h todos os dias, exceto no ano novo, sexta-feira santa, natal e terceiro domingo de maio.

Endereço: 131 Krondorf Rd., Tanunda SA 5352

Website: rockfordwines.com.au

Vinícolas para visitar em Barossa, na Australia

+ Vinícolas em Bento Gonçalves que vale visitar!

+ Rota dos Vinhos da Alsácia: Três cidadezinhas fofas entre Estrasburgo e Colmar


Charles Melton

Os pinheiros da toscana que enfeitam o corredor de entrada para a vinícola, nos convida a uma degustação muito gostosa, especialmente se a visita for feita fora de temporada e você tiver a total atenção dos atendentes.

De todos os lugares que fizemos degustação, sem dúvida, esse foi o mais especial, com lugar para sentar e pãozinho para acompanhar.

Charles Melton especializou-se na produção de vinhos tintos Premium de lançamento limitado, feitos a partir de uvas Barossa desde 1984, mas atualmente ele também oferece um bom rose e outras especialidade.

Se você gosta de vinícolas pequena, charmosa, estilo boutique e de baixa distribuição, acredito que vá gostar dessa!

Horário de visitação 11h ~ 17h todos os dias, exceto no ano novo, sexta-feira santa, natal e boxing day (26/dez).

Endereço: 194 Krondorf Road, Krondorf  SA

Website: charlesmeltonwines.com.au

Degustação de vinho

Outras vinícolas de Barossa para colocar na lista

Os entendedores de vinhos da Australia devem estar se perguntando, “mas Mirella, cade o Penfolds?” Então, eu achei adega do Penfolds de Barossa muito sem graça e sem charme, então só vale se você realmente quiser provar o icônico vinho que eles produzem, participando do tour “A Taste of Grange Experience” ($150), do contrario, guarde seus dólares para quando for visitar a Penfolds Magill Estate em Adelaide.

A vinícolas pequenas favoritas de Barossa são: Lindsay Wine Estate, Two Hands e Bird in Hands. Eu acabei não as visitando, pois como conheço grande parte de seus vinhos, achei melhor provar coisas diferentes, mas caso não conheça esses vinhos, eu recomendo muito.

Como você pode perceber, Barossa é um destino e tanto para quem gosta de vinhos, boa culinária e natureza. Nessa viagem aproveitei também para conhecer um dos lagos cor de rosa de South Australia (Lake Bumbunga) e a região vinícola de Clare Valley (famosa pelos Riesling), contei um pouquinho nesse post no meu blog pessoal, passa lá.

Leia mais da Austrália aqui no viajoteca: 

ROAD TRIP PELA AUSTRÁLIA – DICAS ESSENCIAIS PARA SUA VIAGEM!

WHITSUNDAYS, AUSTRÁLIA – UM PARAÍSO PARA CHAMAR DE SEU!

O QUE FAZER EM CAIRNS E PORT DOUGLAS

Seguro Viagem para a Austrália

Uma coisa que não pode faltar na sua viagem é um bom Seguro Viagem Internacional.
Viaje tranquilo e esteja protegido/a se alguma emergência acontecer!
O sistema de saúde australiano é muito caro para turistas, não vale a pena arriscar.
Aproveite nosso link e receba no mínimo 5% de desconto!!!

Desconto Seguro Viagem

LEIA TAMBÉM:

Fale com a gente!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

O Viajoteca usa cookies para tudo funcionar direitinho no seu browser, tudo bem? Aceito Leia mais

Privacidade & Cookies