Cidade do Panamá : muito mais que um canal!

Casco Antigo, Panamá City
8

Assim como eu, muitos viajantes a caminho para o Caribe ou America do Norte vão se deparar com o Panamá como opção de conexão, por causa dos voos mais baratos. E foi assim que esse país caiu em nossas mãos, precisávamos voltar para o Canadá e a Copa Airlines foi a empresa aérea com melhor custo x benefício que encontramos.

Mas pra mim, não valeria a pena o esforço da conexão, se uma paradinha estratégica de 2 dias não estivesse no nosso roteiro… então pronto, Cidade do Panamá saiu do mundo das ideias para a realidade! (Claro que o total incluindo o hotel (ficamos no Trump), passeios e afins, acabou ficando mais caro que voar pela Air Canada, mas conheci um novo lugar! E isso pra mim, valeu!)

Skyline da Cidade do Panamá
Skyline da Cidade do Panamá

Se eu disser que o Panamá sempre esteve nos meus planos de viagem estaria mentindo, mas como não perco oportunidades, agarrei mais essa e comecei a pensar no roteiro. Pesquisando aqui e ali, e tendo em mente que teríamos apenas 2 dias para gastar, sabia que a solução seria ficar somente na capital (Cidade do Panamá  / Panama City), deixando a parte das praias e interior para uma (quem sabe) próxima oportunidade.

Canal do Panamá
Famoso canal do panamá … reparou no submarino que vimos??? 🙂

E não é que a Cidade do Panamá me impressionou? Estava com a expectativa bem baixa, acho que temos uma certa tendência em achar que a América Central é meio destruidona, violenta, sem infraestrutura e essas coisas, mas me passaram a perna, a cidade se parece com uma mini-Miami, mas com um toque latino mais autêntico e mais história para contar (para quem gosta dessas coisas).

“… se o mundo tivesse que eleger uma cidade para sua capital, o istmo do Panamá, seria nomeado para esse augusto destino, colocado como está no centro do globo, olhando de um lado a Asia e do outro a Africa e a Europa.”
Simón Bolívar, 1824

Casco Antiguo, Cidade do Panamá
Praça Bolívar no Casco Antiguo

 Roteiro de 2 dias (e um pouquinho) na Cidade do Panamá

Dia 1: Chegada e translado para o Trump Hotel. Passeio overview pela cidade com motorista: Panamá Viejo, Cerro Áncon, Calz de Amador e Casco Antigo. A noite jantamos no Casco antigo e contratamos um taxi diretamente no hotel  [Contratamos o grande Riolando para o city tour e recomendamos muito, ele é brasileiro: Riolando Fajardo – (507)6578-4858 – riolando.fajardo@yahoo.com]

Dia 2: Alugamos um carro e fomos conhecer o Canal do Panamá e voltamos ao Casco Antigo para curtir o final de tarde. Jantar no restaurante do hotel com vista para o mar 🙂

Dia 3: Curtimos a piscina do Trump, fomos conhecer rapidinho o Multiplaza Pacific Mall que ficava pertinho do hotel, devolvemos o carro e pegamos taxi para o aeroporto.

Observações:

  • Fizemos tudo com muita calma e voltamos a lugares que gostamos.
  • Alugar o carro foi ótimo, mas nos perdemos mesmo com GPS.
  • Sim, o trânsito está cada dia mais infernal e tem obras por toda a cidade.
  • Tem gente que faz quase tudo isso que fizemos em apenas 8 horas na cidade (tempo de conexão grande, é possível, mas vá com o Riolando para não perder tempo)
  • Não nos interessamos em ir aos shoppings da cidade e fazer compras, mas quem quiser visite o Multiplaza se quiser shopping com cara de Brasil e todo lindo, o Albrook Mall para melhores barganhas (mas fica distante da zona hoteleira e aeroporto) e o Metromall para quem procura algo perto do aeroporto e com shuttle gratuito.

Cerveja do Panamá
Vai um drink aí? Nós no Cals de Amador relaxando 😉

Panamá foi fundada em 1519 e renasceu para o mundo há 13 anos

Devido a sua localização estratégica, Panamá sempre viveu momentos conturbados, desde sua fundação em 1519 pelos espanhois, passando por ataque de piratas, incluindo a legendária tomada da Cidade do Panamá pelo grupo do Pirata Henry Morgan, patrocinado pelo coroa britânica, até finalmente seu real renascimento em 31 de dezembro de 1999, o dia que o Canal do Panamá foi devolvido aos panamenhos. Imagina, foram 100 anos vivendo sem sua principal fonte econômica, marginalizados nas margens de eclusas que jorravam dinheiro, mas nada retornava ao povo…

Eu sei, essa visão é um pouco socialista e revolucionaria da minha parte… mas foi isso que senti olhando tudo aquilo ao meu redor. Agora você me pergunta, mas estavam errados os Estados Unidos em ficar com todo lucro? Claro que não, eles construíram o canal, deixando pra trás os franceses que tentaram e se deram mal, porque deixariam tudo aquilo de graça para o Panamá, certo?

Na minha opinião, os governantes panamenhos que fizeram as negociações é que deveriam ter feito um contrato melhor, ficando com pelo menos uma porcentagem do lucro… mas infelizmente, o povo paga por isso, e no final, depois de 100 anos penando, as coisas estão aflorando… espero que eles aproveitem essa oportunidade para desenhar, moldar e construir um país de excelência, evitando corrupções tão inerentes aos povos latinos.

Claro que a Cidade do Panamá não é uma mar de rosas, turistas devem estar atentos para não serem roubados, mas longe de ser aquela loucura que se transformou as principais capitais brasileiras… estar com o sentido de aranha ligado, não faz mal a ninguém em qualquer lugar do mundo!

Ruínas do Panama Viejo
Eu e o Kiko nas ruinas do Panama Viejo … Viajar é bom demais, né? 🙂

Crescimento dos últimos anos na Cidade do Panamá:

– Em 1997 tinha cerca de 1.400 quartos de hoteis no Panamá, hoje tem mais de 15.000 e outros tantos sendo construidos conforme eu escrevo esse texto.
– Enquanto o mundo estava em recessão em 2008, o Panamá cresceu cerca de 50%!
– Está sendo investido $5.25 bilhões para expansão do canal do Panamá
– Em 1999 apenas 547.000 turistas visitaram o país, em 2011 foram mais de 1.4 milhões. Sem contar os americanos e canadenses que estão indo para lá se aposentar…

Enfim, os números e as construções não mentem… A Cidade do Panamá está a pleno vapor, me lembrou um pouco de Doha (no Qatar) em menor proporção… é incrível ver uma cidade e/ou um país se contruindo, pois a gente pode pensar em voltar daqui 3 ou 5 anos e saberá que verá uma outra realidade!!! Muito legal…

O skyline da cidade está sendo contruido e ficando lindo (primeira foto desse post), as ruínas do Panama Viejo estão sendo preservadas e o charmoso Casco Antiguo está cada dia mais boêmio e delicioso de se passear de dia e/ou de noite Enfim, a mistura do novo e do velho está ficando boa, só a estrada que estão fazendo ao redor do Casco Antiguo que eu não gostei!

Casco Antiguo, Cidade do Panamá
Belíssima vista do Casco Antiguo desde o Cerro Ancón…
Casco Antiguo, Cidade do Panamá
Casco Antiguo sendo restaurada…
Casco Antiguo, Cidade do Panamá
Claro que nem todos estão contentes com a restauração do Casco Antiguo,
muitos estão sendo desalojados, e os antigos cortiços estão dando espaço aos hoteis boutiques, restaurantes sensacionais, lojas , cafes etc…

Leia também:

Panamá também vale uma paradinha!
Onde se hospedar na Cidade do Panamá

* Visitamos o Panamá em Setembro/2013 e recebemos a hospedagem do Trump Hotel como cortesia. Depois de pesquisar sobre locais que gostaríamos de nos hospedar, eu (Mirella) entrei em contato com eles e ganhamos as estadias – como sempre, pedimos liberdade editorial. Gostamos muito do hotel, ficaríamos lá novamente, ele é bem focado ao público business e as reviews não mentem, excelente!


Você lembrou do seguro viagem? Ele é um dos itens mais importantes da sua viagem. O seguro viagem é obrigatório nos países da Europa que fazem parte do Tratado de Schengen e precisa ter uma cobertura mínima de 30 mil Euros. Nos demais países em que ele não é obrigatório também é recomendável a contratação, já que infelizmente não podemos prever acidentes. Nos Estados Unidos, o custo médico diário de uma internação é muito caro (uns U$2.000). Não esquecendo que o seguro é muito útil nos casos de cancelamento de viagem, extravio de bagagem e assistência odontológica. Faça sua cotação para encontrar o seguro que você precisa. Você pode pagar em até 12x no cartão ou ter desconto no boleto. Nossos leitores ainda recebem um desconto de 5% na hora de pagar. Use o código promocional: VIAJOTECA5.

Comparar

CONTINUE PLANEJANDO SUA VIAGEM AQUI :

–  Reserve seu hotel no Booking.com ( sem taxa de reserva e a maioria dos hotéis oferece cancelamento grátis)

–  Compre seu seguro de viagem na Seguros Promo (faz cotação em 10 ótimas seguradoras)

–  Agende suas excursões e passeios com a Get Your Guide

–  Alugue seu Carro com a RentCars

–  Índice com todos os posts do Viajoteca

Se você fizer sua reserva através dos links aqui da Viajoteca, a gente ganha uma comissão, mas você não paga nada a mais por isso. Essa é uma forma de apoiar a Viajoteca a continuar escrevendo sempre ótimas dicas para você. Obrigada!


8 Comentários
  1. […] de uma introdução sobre o Panamá, chegou a hora de dar algumas dicas de onde se hospedar na Cidade do Panamá… e na minha […]

  2. […] Parte do Canal do Panamá visto desde o Cerro Ancon! Muito legal esse mirante pois além do canal em si, dá para ver a sede administrativa, containers etc… Leia Dicas Gerais da Cidade do Panamá. […]

  3. André Santos Diz

    Cidade acolhedora. Shoppings bem localizados, preços convidativos, fácil locomoção pelos pontos turísticos. Comida bem temperada e saborosa. A atenção do Maurício da Conexão Panamá, que fez o transfer aeroporto/hotel/aeroporto e Citytour pela cidade (RECOMENDO). Segurança

    1. Mirella Matthiesen Diz

      OI André,
      Obrigada pela recomendação do transfer… muito bom saber!!!
      Valeu!

  4. Marcia Diz

    Mirella, tdo bem? Te pediram certificado internacional de vacina no Panamá? Provavelmente compre uma passagem que tenha este país como conexão. Outra pergunta: Meu destino é o Canadá, ficarei um tempo por lá. Não sei se é melhor tentar ainda o visto americano de turista daqui do Brasil (há vòos bem mais em conta com escala nos usa) ou se posso desde o Canadá solicitá-lo (pq estando em Toronto gostaria de dar umas escapulidas de vez em quando a terra do TIo Sam. O que me recomenda?

    1. Mirella Matthiesen Diz

      Oi MArcia,
      Pra ser bem sincera, não me lembro se me pediram o certificado internacional de vacina quando cheguei no Panamá, mas como sempre viajo com as minhas em dia, creio que isso não seria problema…
      Sobre o visto americano, é bem mais fácil pedir o visto desde o Brasil, então, se eu fosse você, pediria daí mesmo 🙂
      Ajudei?
      Abs

  5. Layla Jalil Santos Diz

    Olá, recomendo fazer um tour pela Cidade do Panamá que é linda, se ficar mais que 5hs em conexão já vale a pena.
    Deixo o contato do excelente guia Fernando Cortez, celular: 507-6948-3890. É panamenho porém fala perfeitamente português e é muito atencioso.
    Não esqueça de tomar a vacina da febre amarela, senão não deixam entrar no país.

    1. Mirella Matthiesen Diz

      Obrigada pela indicação do motorista 🙂

Comente Aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.