Indo pra Verona? Não deixe de conhecer o Castelvecchio!

Uma das grandes atrações da cidade!

1

Uma cidade que nunca se esgota. Assim é Verona. Cheia de atrações surpreendentes e belezas em todos os cantos… Andar por Verona é respirar história e vê-la na frente do nosso nariz. Cada esquina tem uma algo para nos contar e algo para a gente apreciar. E dentre tantas atrações de Verona, o Castelvecchio é uma das que mais se destaca!

Em Verona, o Castelvecchio foi residência da família mais poderosa da cidade, e uma das mais importantes da Itália, assim sendo, este lugar não tem como não ser singular. Histórias de amor, traição, guerras, poder e muitos conchavos aconteceram pelos seus corredores e salas, e o importante é que a estrutura se mantém firme e forte para nos contar todas estas aventuras!

Verona: tour guiado em pequeno grupo pelas principais atrações

Não esqueça de fazer o seu Seguro de Viagem! Saiba que ele é obrigatório nas viagens para a Europa. E nossos leitores recebem um desconto de 5% na hora de pagar. Use o código promocional: VIAJOTECA5.

 

Dos Símbolos de Verona: Castelvecchio

 

História do Castelvecchio

A família Della Scala (Scaligeri) era amada e respeitada pelo povo. Durante seu período de poder deu à cidade estabilidade política, promoveu a economia e as artes. Mas com o passar do tempo a família se transformou gradualmente em uma espécie de tirania. Eles precisavam de dinheiro para alimentar um crescente exército mercenário e excessos de alguns de seus membros. Para isto, começaram a aumentar as imposições sobre o povo e os impostos.

No meio dos anos 1300, depois de quase um século governando a cidade, a família Della Scala decidiu construir um castelo com uma ponte sobre o Rio Adige, nas portas da cidade. Fizeram isto para se protegerem contra as invasões estrangeiras e revoltas populares devido a impopularidade que aumentava pouco a pouco. A Ponte Scaligero permitiria uma fuga rápida e segura da família.

Arena de Verona: Tour Guiado e entrada sem Fila

Construção do Castelvecchio

Então entre 1354 e 1356, após a conspiração de seu primo Fregnano della Scala, Cangrande II della Scala construiu o castelo sobre algumas estruturas existentes. Não se sabe ao certo qual seriam estas estruturas que estavam no lugar, talvez uma fortificação romana ou mesmo uma ponte. O que sabe-se sem dúvida, é que ali ficava uma igreja do início da Idade Média, a Igreja San Martino in Aquaro, cujos restos são visíveis dentro da Piazza d’Armi (praça das armas).

O castelo abrangeu um trecho da muralha da cidade dos séculos XI e XII e incorporou uma das portas de entrada para a cidade do século XIII, a chamada Porta del Morbio. Devido a isto, o castelo era chamado inicialmente de Castelo de San Martino. E só no século XIX, após a construção de um novo castelo na cidade, o Castel San Pietro, foi renomeado para Castelvecchio (Castelo Velho).

Verona Castelvecchio2

Cangrande II foi morto por seu irmão Cansignorio, que, em 1370 confiscou as terras de Campagnola, do outro lado do rio, onde hoje se encontra o Arsenale Austríaco. Ele fez isto para fazer o jardim do castelo, transformando a estrutura para uso residencial. E que foi aumentando com o tempo. O que se vê ainda hoje na parte interna, junto com a decoração de afrescos do século XIV.

Verona: Excursão Gastronômica com Degustação de Vinhos

 

Após a família Della Scalla

Nos séculos seguintes, depois da queda da família Della Scalla do poder em Verona, o Castelvecchio continuou tendo uma função militar. E mesmo tendo sido tão protegida foi tomada pelos venezianos, pelos franceses (sob o domínio de Napoleão), e depois pelos austríacos com a anexação do Veneto pelo Império Austro-Húngaro, até a Segunda Guerra Mundial.

Verona Castelvecchio8

 

Na história recente

Em uma de suas salas, aconteceu o dito “Processo de Verona”. Foi em Verona, no Castelvecchio que Mussolini condenou à morte opositores do regime, incluindo seu genro Galeazzo Ciano, em 1944.

De Verona: Excursão em Pequeno Grupo para Sirmione e Lago de Garda

 

Estrutura

Como nenhuma outra em Verona, o Castelvecchio é uma construção militar típica, de tijolos aparentes, rendilhada, com paredes com ameias, torres. Conta com um fosso, que foi usado para tirar água do rio Adige, além de pontes levadiças e uma ponte fortificada, a Ponte Scaligero.

O castelo é dividido em duas partes: a leste da Piazza d’Armi, cercado por altos muros com ameias e rodeado por 7 torres. Torres estas, entre as quais, a mais alta, com 42 metros de altura, foi construída em 1376.

A oeste fica o palácio residencial, chamado la Reggia. No interior pode-se ver ainda um pedaço das antigas muralhas do período romano, e que protegiam Verona. É possível caminhar pela muralha, passar por dentro de algumas torres e ver toda imponência do lugar. Além de observar sua localização estratégica.

Verona Castelvecchio4

Verona: tour fotográfico de 3 horas

 

Ala Napoleônica

No período de dominação francesa o castelo sofreu grandes transformações, suas torres foram cortados pelo exército de ocupação de Napoleão, adicionando um quartel, que hoje é a chamada “ala Napoleonica“, que abriga hoje um museu.

A primeira restauração do complexo fortificado ocorreu nos anos 20, sob a direção de Antonio Avena e Forlati. Ele fez o possível para o lugar ser convertido em um museu a partir de 1923, e que abriu finalmente suas portas em 1928.

Verona Castelvecchio11

Verona: Aula de Gelato de 2 Horas

 

Segunda Guerra Mundial

Durante a Segunda Guerra Mundial os exércitos inimigos danificaram bastante Verona e o Castelvecchio, assim como a Ponte Scaligero também foi destruída. Isto fez com que o lugar tenha ficado vazio por uma década, até 1957 mais precisamente. Foi quando Carlo Scarpa orientou extensas restaurações e a renovação do museu com uma mistura inteligente de soluções de conservação modernas. Este foi num processo cuidadoso, que durou entre 1957 e 1964.

Muitos arquitetos e estudantes de arquitetura de todo o mundo vêm para estudar abordagens adotadas por Carlo Scarpa para o museu, que se tornou uma obra de arte, tanto quanto o seu conteúdo.

A antiga fortaleza e residência da família governante de Verona, Della Scala, agora abriga o Museo Civico di Castelvecchio, dedicado à pintura e escultura em Verona, desde a Idade Média até o século XVIII.

Você consegue viajar sem celular?

Já saia do Brasil com o seu chip de celular europeu e com internet boa!

 

Museo Civico di Castelvecchio

Um castelo com tanta história não poderia abrigar um museu qualquer. Por isto Verona e Castelvecchio receberam importantes obras que cobrem um milênio de história italiana e veronese. Com um acervo incrível, o lugar possui armas de ouro, peças medievais e renascentistas, esculturas medievais românicas e góticas, grandes obras do Renascimento e barroco de Verona.

Aqui pode se admirar obras-primas de Pisanello, como a famosa Madonna do Quail, além de obras de Altichiero, Stefano de Verona, Mantegna, Bellini, Vivarini, Tintoretto, Crivelli. O lugar conta ainda com uma obra do jovem Paolo Veronese, bem como muitos bons pintores locais.

Mas não só de pinturas vive este museu, o lugar oferece magníficas esculturas de escultores menos conhecidos de Verona, mas não menos interessantes, como Girolamo dai Libri, o Morone, etc.

O museu, restaurado por Carlo Scarpa, está localizado dentro do complexo da fortaleza Castelvecchio, em Verona. É distribuído em cerca de trinta salas e dividido em áreas afins. As mais diversas alas são: escultura, pintura italiana e estrangeira, achados arqueológicos, armas antigas, joias, miniaturas e os antigos sinos da cidade. Com 622 obras em exposição, o museu ainda conta com cerca de 90.000 moedas e medalhas, 2.650 desenhos, e muito mais.

Verona Castelvecchio13

Valpolicella: Excursão de 3 vinícolas com almoço

 

Imperdíveis

– O sarcófago romano de SS. Giovanni e Bacco, de 1179, decorados com ricas esculturas.

– A famosa estátua equestre de Cangrande, que representa o construtor do Castelvecchio, Cangrande della Scala. Do século XIV, é uma das obras primas da escultura e está perto da igreja de S. Maria Antica.

– Pisanello, o quadro Madonna della Quaglia.

– Girolamo dai Libri, o quadro Pala della Vittoria e Presepe dei conigli.

– Francesco Caroto, a pintura Fanciullo con disegno di un pupazzo.

– E o grande Paolo Caliari, dito Veronese, com la Pala Bevilacqua Lazise.

Verona Castelvecchio14
Verona Castelvecchio15

Verona: Degustação de Vinhos Prosecco & Amarone

 

Informações Práticas – Verona Castelvecchio

 

Horário

O museu abre nas segundas-feiras entre 13:30-19:30.

De terça a domingo entre 08:30-19:30.

 

Entrada

Bilhete adultos €6,00, acima de 60 anos: €4,50

Bilhete combinado Castelvecchio / Maffeiano: €7,00; reduzido: €5,00.

Entrada gratuita: idosos com mais de 65 anos de idade residente na cidade de Verona, pessoas com deficiência e seus acompanhantes, com Verona Card.

Verona Card: passe de descontos que dá Entrada Prioritária na Arena e transporte (24 ou 48h)

 

Dica!

Entre outubro e maio, o primeiro domingo do mês tem preço único: €1,00 (no caso de exposições em curso, valem as tarifas normais).

 

Endereço

Corso Castelvecchio, 2.

Telefone: 045 594734.

https://serviziinternet.comune.verona.it/Castelvecchio/cvsito/index.htm

Verona Castelvecchio mapa

 

Hospedagem em Verona

Verona é uma cidade muito tranquila para se conhecer à pé. Todas as atrações ficam próximas e portanto, se você optar por ficar próximo do centro antigo, você estará perto de todas elas. Uma excelente opção, bem próximo da Arena de Verona é o Grand Hotel des Arts. Com uma localização maravilhosa, este é um daqueles hotéis que tornam as férias mais prazerosas.

Bem próximo, mas bem mais em conta, estão os hotéis Hotel Siena e o Hotel Verona, que também tem boas resenhas. Quem desejar ficar próximo da estação de trens de Verona, tem como ótima opção o Sole Hotel Verona.

Boas opções perto do Castelvecchio são Adige Penthouse, Verona House Aparthotel e o três estrelas Hotel Europa.

 

Leia mais sobre Verona e Castelvecchio!

+ Conhecendo A Arena De Verona

+ Piazza delle Erbe, em Verona

+ A Torre Dei Lamberti, em Verona

+ Verona, A Piazza Dei Signori

+ Ponte Scaligero, Um Dos Mais Belos Cartões Postais De Verona

 

Vale a pena comprar antecipadamente:

Você lembrou do seguro viagem? Ele é um dos itens mais importantes da sua viagem. O seguro viagem é obrigatório nos países da Europa que fazem parte do Tratado de Schengen e precisa ter uma cobertura mínima de 30 mil Euros. O Seguro viagem também é exigido em Cuba, Venezuela e Austrália. Nos demais países em que ele não é obrigatório também é recomendável a contratação, já que infelizmente não podemos prever acidentes. Nos Estados Unidos, o custo médico diário de uma internação é muito caro (uns U$2.000). Não esquecendo que o seguro é muito útil nos casos de cancelamento de viagem, extravio de bagagem e assistência odontológica. Faça sua cotação para encontrar o seguro que você precisa. Você pode pagar em até 12x no cartão ou ter desconto no boleto. Nossos leitores ainda recebem um desconto de 10% na hora de pagar. 

Clique aqui e ganhe 10% de desconto no seu seguro viagem

;

CONTINUE PLANEJANDO SUA VIAGEM AQUI :

–  Reserve seu hotel no Booking.com ( sem taxa de reserva e a maioria dos hotéis oferece cancelamento grátis)

–  Compre seu seguro de viagem na Real Seguros (faz cotação em 10 ótimas seguradoras)

–  Compre seus Ingressos para atrações, excursões e passeios na Europa com a Get Your Guide

–  Alugue seu Carro na Europa com a RentCars

Índice com todos os posts do Viajoteca

Se você fizer sua reserva através dos links aqui da Viajoteca, a gente ganha uma comissão, mas você não paga nada a mais por isso. Essa é uma forma de apoiar a Viajoteca a continuar escrevendo sempre ótimas dicas para você. Obrigada!

1 comentário
  1. […] postal mais bonito, ainda mais numa cidade que tem nada mais nada menos que a Arena de Verona, o Castelvecchio, a Casa de Julieta, Piazza dei Signori, Piazza delle Erbe, entre outras […]

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.