Roteiro Salzburg

Roteiro Salzburg na Áustria – o que fazer e quando visitar!

Esse roteiro de Salzburg passa pelas principais atrações da cidade, dando dicas de onde ficar, onde comer e o que fazer em Salzburgo. E sinceramente, não se impressione, se depois de um dia em Salzburg você se arrependa de ter reservado tão pouco tempo para conhecê-la! Eu achei a cidade apaixonante, aliás, como várias cidades da Áustria!

Percebam também que vou alternar a forma de escrever Salzburg e Salzburgo aqui no post, pois assim agrada todo mundo!

E por fim, nesse Roteiro Salzburg você terá tempo suficiente para explorar as principais atrações da cidade, incluindo entrar em um ou dois museus, caminhar por suas ruelas, saber (quase) tudo da vida do Mozart, espiar igrejas, relembrar alguns cenários do filme A Noviça Rebelde e subir na Fortaleza de Hohensalzburg para ver a cidade do alto.

Leia também:

12 ATRAÇÕES EM VIENA QUE VOCÊ DEVERIA VER!

HALLSTATT NA ÁUSTRIA – A PÉROLA DOS ALPES

Roteiro Salzburg – por onde começar!

Porque você vai amar Salzburg

Salzburgo tem o charme e o cenário barroco dos nossos sonhos. Encravada entre montanhas e o Rio Salzach, sua parte histórica permanece muito semelhante a cidade que Mozart viveu há 250 anos!

Lá você encontrará o tempero perfeito para curtir uma cidade que respira arte, música e beleza. Andar por suas ruas sem se prender muito no mapa é uma delícia, pois o centrinho turístico é pequeno para se perder e se achar rapidinho. Apreciar os parques com seus jardins meticulosamente desenhados também é um presente para nossos olhos.

Apesar de sua história ter começado desde a idade da pedra, foi somente na idade média, mais especificamente na época barroca, que ela realmente prosperou. Ou seja, quando o comércio de sal e os esforços dos arcebispos do século XVII e XVIII transformaram a cidade no que ela é hoje.

Inclusive, o nome Salzburg vem de “Castelo de Sal”!

DICA: visitar a antiga mina de sal de Salzburg, na verdade em Berchtesgaden, é um programão para quem tem interesse. E nessa mesma região de Berchtesgaden é onde se encontra a famosa residência nazista Ninho da Águia, onde Hitler passava as férias de verão nos alpes austríacos. Então, dá uma olhada que essa excursão me pareceu bem bacana.

Se tiver interesse, a Fernanda, do blog Vontade de Viajar, fez um post com dicas de cidades da Áustria para incluir no roteiro, incluindo a bela Hallstat.

Nesse meio tempo, continue aqui comigo no Viajoteca, pois tem mais dicas do que fazer em Salzburg…

Roteiro Salzburg, Austria

ETIAS | Autorização de entrada na Europa para Brasileiros

Roteiro Europa: de carro pela Alemanha, Áustria e República Tcheca


A Noviça Rebelde em Salzburg, Áustria!

Se chegar em Salzburg de carro, assim como a gente, provavelmente você terá passado pela região dos alpes. Eu, particularmente, fui seduzida pelo espírito da Julie Andrews e tive vontade de sair cantarolando feito a Noviça Rebelde (risos), pois paisagem é de tirar o fôlego!

Aliás, quem for passar mais de um dia em Salzburg e quiser fazer um tour pelos locais do filme a Noviça Rebelde, talvez se interesse por esses dois tours: esse aqui ou esse aqui, pois tem ótimas avaliações.

Para quem não se lembra da música, olha que inspirador o vídeo abaixo (tem até subtítulo para cantar junto – em inglês!).

Onde ficar em Salzburgo

Obviamente, tem várias maneiras de conhecer Salzburg, mas vou contar um pouquinho como fizemos e você analisa se encaixaria na sua viagem também.

Passamos duas noites em Salzburg, mas apenas um dia completo na cidade. Para pernoitar, escolhemos o Bristol Salzburg, um hotel super bem localizado, elegante e com estilo clássico, adorei que cada quarto tem um nome diferente!

Outros hotéis que estavam na minha listinha de onde ficar em Salzburgo eram o Hotel Goldgasse (boutique) e o Hotel Stein (onde tomamos um drink no rooftop a noite! Imperdível!!). Agora, para quem procura uma opção com boa localização e preço moderado (3 estrelas), talvez o Cityhotel Trumer Stube ou o City-Center Apartments agrade.

Uma DICA importante na Europa é verificar sobre o tipo de acesso aos quartos, pois alguns hotéis ou apartamentos não tem elevador.

Salzburg Card vale a pena?

Para ver as atrações de Salzburgo nós compramos o Salzburg Card e pra gente compensou bastante.

O cartão tem validade de 24h, 48h e 72h dias, dependendo da opção que escolher. Ele começa a valer a partir do dia e horário em que este for utilizado pela primeira vez e então, poderá utilizá-lo até o número de horas contratado. Lembre-se que seu cartão lhe dará um único acesso grátis a cada atração. Detalhe, são mais de 30 atrações incluídas!

Então, faça as contas assim: se sua intenção for visitar a casa de Mozart, a Fortaleza Hohensalzburg (com a subida de funiculare) e fazer o passeio de barco, o valor do ingresso do Salzburg Card de 24h já compensa.

Você compra o ingresso online para facilitar a vida e depois pode pegar o voucher oficial no Centro de Informações Turísticas da Praça Mozart ou da Estação Central de Salzburgo, ambos os locais abrem das 9h às 18h.

Salzburg Card
Loja Christmas in Salzburg
Lojinha de ovos decorados para todas as estações do ano – Christmas in Salzburg.

9 Mercados de natal para conhecer em Viena

Hallstatt – a pérola dos alpes


O que fazer em Salzburg em um dia!

Roteiro Salzburg pela manhã

Começamos nosso dia cruzando a ponte de pedestre MAKARTSTEG, que hoje está cheia de cadeados pendurados guardando as juras de amor, mas que ao meu ver, é uma forma de vandalismo aos espaços públicos de várias cidades do mundo! (Eu sei, sou chata, mas a ponte não foi projetada para isso, né?)

Independente dessa discussão, da ponte se tem uma vista linda da cidade, especialmente em dias ensolarados!

Visita ao Mozarts Geburtshaus

De lá, seguimos direto para a Mozarts Geburtshaus (9 Getreidegasse) para visitar a casa onde Mozart nasceu em 27 de janeiro de 1756 e onde viveu até seus 26 anos.

Como essa é uma das atrações mais visitadas em Salzburg e em toda Áustria, queria ter certeza de pegar o menor número de pessoas lá dentro. Sendo assim, chegamos quando as portas se abriram, às 9h, e foi uma decisão acertada! Em alguns anos, durante os meses de verão (julho e agosto) eles abrem mais cedo, 8h30, então fique de olho.

Como havia chegado em Salzburgo na tarde anterior, pegamos nosso Salzburg Card antecipadamente para garantir a chegada na Casa do Mozart logo cedo. Os Centros de Informações Turísticas da Praça Mozart e da Estação Central de Salzburgo, onde se coleta o cartão, abre das 9h às 18h, então, se programe.

No Mozarts Geburtshaus você vai ter a oportunidade de conhecer a história do compositor, assim como ter contato com a obra e vários objetos pessoais dele e da família. Adoro museus temáticos!

PS: em Salzburg, tem outro museu do Mozart chamado Mozart-Wohnhaus, uma casa bem maior e onde ele viveu entre 1773 e 1781. Eu não a visitei por falta de tempo, e pelo que li, ela é mais bonita, porém tem menos artefatos e acervo que a casa onde ele nasceu, por isso dei preferência a Mozarts Geburtshaus. Minha sogra conseguiu visitar os dois lugares, e gostou mais dessa última, que por acaso ficava em frente ao nosso hotel Bristol Salzburg.

Mozarts Geburtshaus em Salzburg, Austria

Rua Getreidegasse

A rua Getreidegasse, onde fica o Mozarts Geburtshaus, é a principal rua do comércio de Salzburg. Logo, você pode perambular por ali em vários momentos do dia.

Nosso destino final da manhã era a Fortaleza Hohensalzburg, então aproveitamos o percurso para explorar alguns cantinhos da cidade sem pressa. Como era domingo, algumas igrejas estavam abertas e os serviços estavam começando ou terminando, foi interessante verificar que algumas pessoas vão rezar de roupa típica da região da Bavária!

Pena que esqueci de fotografar o pessoal vestido, mas achei uma graça e muito autêntico! A roupa lembra muito aquelas usadas durante a Oktoberfest em Munique, que também fazia parte do antigo reino da Bavária, terra da Rainha Sissi (quem aí assistiu a série “A Imperatriz” do Netflix?).

Ruas de Salzburg, Austria
Calmaria de um domingo de manhã

Igrejas de Salzburgo

Ainda no caminho, primeiro passamos pela Franziskanerkirche (Igreja de São Francisco) e depois pela Dom zu Salzburg (Catedral de Salzburg), a igreja principal da cidade e um dos marcos na arquitetura local.

A Dom zu Salzburg ganhou sua forma original em 1628, mas desde 767 o local já abrigava uma igreja. Durante a Segunda Guerra Mundial ela foi bombardeada e em 1959, foi reformada voltando a sua plenitude, inclusive tem fotos dentro da igreja mostrando os estragos que ela sofreu.

Uma dica para esse roteiro Salzburgo funcionar é deixá-lo solto e não engessar demais. Aqui estou dando apenas sugestões, você pode readaptá-lo dependendo da localização do seu hotel.

Dom zu Salzburg (Catedral de Salzburg)

Kapitelplatz (Praça Capital)

A Kapitelplatz (Praça Capital) é um belezinha e foi nos preparando para o visual que teríamos da fortaleza.

A escultura principal da praça chama-se Sphaera (Esfera), uma bola dourada com um homem de expressão neutra em cima dela, a obra representa todo e qualquer homem.

Essa mesma neutralidade pode ser vista em outra escultura de Stephan Balkenhol, no pátio da rua Toscaninihof, mas dessa vez representando uma mulher olhando a esmo (eu não vi essa obra, pois descobri essa história depois da viagem), mas fiquei curiosa para voltar e vê-la também! Então fica a dica, inclua tudo isso no seu roteiro a Salzburg [veja nesse link a imagem da mulher].

Kapitelplatz - Salzburg, Austria

Cemitério Petersfriedhof

O acesso ao funicular que leva a fortaleza é por uma ruelinha (Festungsgasse) que sai da praça Kapitelplatz.

Mas antes de chegar no bondinho, tem uma portinhola que leva ao cemitério Petersfriedhof. Eu sei que parece tétrico, mas não deixe de conhecê-lo. O cemitério é pequeno, charmoso e apareceu no filme Noviça Rebelde, quando a família Trapp se escondeu dos nazistas, antes de fugir para Suíça.

Petersfriedhof - Salzburg, Austria

Fortaleza Hohensalzburg

A Fortaleza Hohensalzburg deve ser um programa obrigatório na seu roteiro Salzburg. Para isso, minha dica é economizar a panturrilha usando o funicular (FestungsBahn) para subir. O funicular, assim como a Fortaleza, já estão incluídos no Salzburg Card, do contrário você compra os ingressos na portaria como combo.

A Carina, sócia aqui no blog Viajoteca, escreveu um post com todos os detalhes Fortaleza Hohensalzburg, mas só para dar um gostinho: “A Fortaleza Hohensalzburg é um monumento de mais de 900 anos e é uma das maiores fortalezas existentes século XI na Europa. Todas as fendas das paredes, cada canto deste magnífico complexo traz suas próprias histórias, mitos e lendas” [leia mais].

DICA legal: Jantar e concerto de Mozart na fortaleza Hohensalzburg

Fortaleza de Hohensalzburg - Salzburg, Austria
Subindo no funicular para fortaleza! Percebe a vista linda que se tem de lá de cima?

Almoço em Salzburgo

Depois da fortaleza bateu uma fominha e fomos almoçar no Arkadengarten Sternbräu [Griesgasse 23] um pouco fora de mão de onde estávamos, mas gostamos do ambiente apesar de ser bem turístico. Um biergarten todo aberto e com comidas típicas. E lá se foi mais um Schnitzel pra conta!

No caminho para o restaurante, passamos por outros pontos turísticos para ir completando nosso roteiro de Salzburg. Entre eles, a grandiosa e vazia Kollegienkirche (Igreja Universitária), pelo teatro Großes Festspielhaus que apresenta anualmente o Salzburger Festspiele (Festival de Salzburg), o maior festival de teatro e ópera da Europa, que acontece durante 5 semanas no verão (Julho/Agosto). Por fim, também conhecemos a fonte Pferdeschwemme, de 1696, representando Netuno em um cavalo marinho.

Outro restaurante que eu estava cogitando ir era o Gasthaus Hinterbrühl [Schanzlgasse 12], bem mais perto da Fortaleza, porém estava lotado quando chegamos.

Restaurante Sternbräu em Salzburg
Arkadengarten Sternbräu

CURIOSIDADE – Chocolate Mozart

Naturalmente, o famoso chocolate Mozart está espalhado por toda Salzburg, não tem como escapar! O bombom é uma bolinha de chocolate recheada com marzipã, creme de pistache e nougat. Eu adoro, mas é um pouquinho enjoativo, devo confessar, o que na verdade é excelente, pois para mim uma bolinha já basta e economizo nas calorias!

Há várias marcas do chocolate Mozart, sendo a mais famosa a da marca Mirabel, que você encontra em qualquer esquina de Salzburg e por toda Áustria. Mas o bombom original foi inventado em 1890 pela confeitaria Fürst para celebrar os 100 anos da morte do compositor. Então, este você só acha em Salzburg em uma das 4 confeitarias chamada Cafe Konditorei Fürst!

Você precisa experimentá-lo, pois a grande diferença é que o chocolate Mozart original não tem conservante. Então, apesar da curta durabilidade e o preço ser maior, claro, o sabor é mesmo diferenciado.

Veja abaixo as embalagens, a vermelha é da Mirabel e a segunda a original da Confeitaria Fürst. Seja como for, um você leva de presente pra galera e a outra você come em Salzburgo!

E por falar em chocolate, conheça com a gente 9 destinos para comer chocolate no mundo!

Chocolate Mozart Chocolate Mozart


Roteiro Salzburgo – período da tarde

Como tudo em Salzburg é ali do lado, essas idas e voltas pelo mesmo lugar não faz a menor diferença. Na verdade, só te proporciona a chance de conhecer outras ruas que não estavam no seu Roteiro Salzburg original.

Da fortaleza, pegamos a rua principal do comércio (Getreidegasse) e fomos conhecer as outras duas praças que estavam faltando.

A Residenzplatz, Praça da Residência dos Arcebispos, que é outro marco da cidade. Afinal, lá se encontra uma fonte muito imponente considerada um dos monumentos barroco mais importantes da atualidade. A obra é do italiano Tommaso di Garone.

Residenzplatz em Salzburg

Mozartplatz

Logo ao lado da Residenzplatz fica a praça em homenagem ao residente mais ilustre de Salzburg, Mozart! A Mozartplatz (Praça de Mozart) possui uma estátua do compositor que foi inaugurada em 1842. Uma pena que quando estivemos lá, ela estava em reforma, mas mesmo assim deu para curtir.

Talvez, um dos motivos que escolheram esse local para exibir a escultura de Mozart foi o fato de sua mãe, Mozart-Nissen, ter vivido ali, no número 8 da Mozartplatz.

Mozartplatz

Mirabellgarten

E para finalizar nosso dia, reatravessamos a ponte de pedestre Makartsteg e fomos para o Mirabellgarten (Jardim Mirabell). Sem dúvida, outro clássico barroco de Salzburg que você precisa conhecer.

A praça é muito bonita, e tendo fé e procurando bem (risos), dá até para encontrar um lugarzinho calmo para descansar ou tomar um sorvete. Inclusive, esse local também apareceu no filme a Noviça Rebelde. Então, você pode reconhecer quando Julie Andrews dança e canta com as crianças a famosa música “Do Re Mi“, começa no minuto 1:00 desse link do vídeo que deixei.

Daqui, você pode pegar um dos barquinhos para conhecer Salzburg de um outro ângulo, aproveite aquele que está incluído no Salzburg Card para não pagar nada a mais por isso.

MIRABELLGARTEN

Concerto de música clássica em Salzburg

Um dos programas deste Roteiro Salzburg que os amantes de música clássica não podem perder é a oportunidade de ver um concerto.

Certamente, um dos lugares mais procurados é exatamente no Palácio Mirabel no histórico Salão Mármore! O show acontece somente alguns dias por semana (quartas, sextas, sábados e domingos). Compre seu ingresso com antecedência.

Adicionalmente, um show um pouco mais caro que esse acontece na Fortaleza de Hohensalzburg. Mas ele oferece jantar e concerto. Então, se você puder gastar um pouco mais com o jantar é possível reservar mesa na janela com vista para Salzburgo. O que, aliás, deve ser uma experiência encantadora. Compre seu ingresso antecipado aqui.

Jardim Mirabell em Salzburg

Onde comer em Salzburgo

Minha intenção aqui não é desvendar os melhores restaurantes da cidade, pois não moro em Salzburg. Então, eu vou somente destacar onde fomos e recomendamos.

Para jantar, estivemos no Zum fidelen Affen (Priesterhausgasse 8). Este é um pub de comida austríaca que está em funcionamento desde o século XVII. Inclusive, recomendo reservar.

Se estiver cansado de comer comida típica e precisar de uma pizza a L’Osteria Salzburg (Dreifaltigkeitsgasse 10) atende bem!

Além disso, para um drink, se quiser algo bem clássico, tenho uma recomendação. Caso você queira um hotel super tradicional, tomar um drink ou comer uma torta sacher no Hotel Sacher Salzburg [Schwarzstraße 5-7] é uma boa pedida.

Mas se quiser um rooftop bar descolado e com uma vista linda da cidade, siga para o Seven Senses (Giselakai 3), que fica no sétimo andar do Hotel Stein. Recomendo muito!

Seven Senses - Salzburg
Seguros Promo

Conclusão do nosso Roteiro Salzburg na Áustria

Salzburgo sempre morou no meu imaginário, talvez por causa do filme a Noviça Rebelde ou os relatos que já li ou ouvi sobre essa cidade sempre foram positivos, e ela não me decepcionou. Uma daquelas cidades bonitas de visitar e deve ser muito legal até de morar! (olha eu já tendo ideias, risos!)

Enfim, recomendo muito a visita e espero que tenham gostado no nosso Roteiro Salzburg que fizemos com muito carinho. Depois me conta como foi sua viagem e sem tem mais alguma dica para compartilhar.


Leia também:

Os lagos mais bonitos da Europa

Como ir de Viena para Bratislava, na Eslováquia

Riesenrad, a roda gigante de Viena


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.