Página Principal Colorado Montanhas Rochosas no Colorado – Trail Ridge Rd e Bolder

Montanhas Rochosas no Colorado – Trail Ridge Rd e Bolder

por Mirella Matthiesen
9 comentários

O parque nacional das Montanhas Rochosas no Colorado, ou Rocky Mountain National Park, possui uma natureza majestosa e interessantíssima de se visitar nos Estados Unidos. As Montanhas Rochosas são uma cordilheira com mais de 4.800 km que passa pelos Estados Unidos e Canadá. Mas hoje vou falar somente desse pedacinho que fica no Estado do Colorado, nos EUA.

Você pode desvendar as Montanhas Rochosas no Colorado pelas trilhas, são mais de 520 km de pradarias, montanhas, lagos, rios e cachoeiras. Ou se seu nível de aventura for moderado, faça como a maioria dos visitantes e alugue um carro para percorrer os 48 km de paisagens estonteantes da estrada Trail Ridge Road.

Mas, primeiramente, é importante saber que existem vários lugares chamados “Montanhas Rochosas” e às vezes isso nos confunde mesmo!

.

Melhor época para viajar pelas Montanhas Rochosas do Canadá

Montanhas Rochosas Canadenses: Vancouver a Banff de carro

Canadá: Lake Louise no inverno (ou quase lá!)

Montanhas Rochosas no Colorado
Cenário próximo ao início da estrada, na entrada do Estes Park.

Montanhas Rochosas no Colorado

Essa viagem me traz muitas lembranças e por isso que quero compartilhar com vocês um pouquinho do que vi nas Montanhas Rochosas no Colorado. Por isso, vou contar de uma das estradas mais bonitas do mundo, a Trail Ridge Road, que passa por todo Rocky Mountain National Park. Inclusive, quero contar sobre Boulder, a cidade que escolhemos para nos hospedar. Além disso, vou dar diversas dicas para fazer sua viagem para as Montanhas Rochosas no Colorado ser incrível!

Mas antes de pegar estrada, não esqueça do seguro viagem, SUPER importante para viajar tranquilo e estar preparado em caso de emergência. Clique aqui e garanta no mínimo 5% de desconto!!!

.

Já pensou em assistir um jogo de basquete (NBA) em Denver?

Jogos da NBA, entenda como funciona e quais os times

Montanhas Rochosas
Paradinha para trilha

Antes de embarcar para os Estados Unidos, não esqueça de adquirir um bom seguro viagem para viajar tranquilo!

Aproveite e use nosso link para garantir um desconto de 10% para pagamento no boleto ou 5% no cartão!

Seguro viagem para os Estados Unidos

Trail Ridge Road

A Trail Ridge Road é uma estrada de mão dupla, e apesar de ter uma extensão de apenas 48 km, minha dica é reservar o dia todo para visitá-la. Por que? Pois há muitas opções de parada para trilhas curtas e mirantes para relaxar apreciando a paisagem. Então, é um programa para o dia todo.

No mapa que você recebe na entrada do parque tem todas as indicações de mirantes e trilhas para escolher.

QUANDO IR

A melhor época para visitar o Parque Nacional das Montanhas Rochosas no Colorado vai de junho a setembro. POis é nesse período que a neve já derreteu e as trilhas e atrações se tornam acessíveis. Dito isso, vale alertar que o parque está aberto ao público 365 dias por ano, mas na maior parte do tempo, muitos caminhos ficam interditados, especialmente para quem vai de carro. Então, prefira os meses do verão, assim como no início e final da alta temporada. Inclusive, sempre verifique se a estrada está completamente aberta pelo website do National Park Service.

Caso você esteja acostumado a fazer trilhas no inverno ou semi-inverno, aí sim, é interessante fugir dessa época do verão. Dessa forma, você evita a muvuca!

Média de temperatura anual:

Clima nas Montanhas Rochosas do Colorado

Chip de Internet para os EUA!

Use nosso cupom: VIAJOTECA e garanta 15% de desconto na compra do seu chip de internet 4G com “O Meu Chip“! Sem dúvida, uma super promoção!

Chip celular Estados Unidos

Como acessar a Trail Ridge Road

O parque nacional das Montanhas Rochosas no Colorado tem duas entradas e o bilhete de acesso custa US$25 por veículo/por dia, ou US$35 por veículo/por semana.

A maioria dos visitantes começam o passeio pelo Estes Park e termina no Grand Lake. Mas essa escolha vai depender de onde você estiver hospedado. Independente da entrada, é possível fazer o bate e volta no mesmo dia. Para se ter uma ideia do quanto eu fiquei deslumbrada com essa estrada, em um final de semana, nós fizemos todo o trajeto 3x! Caso de internação, eu sei, mas valeu muito a pena.

Durante o percurso a gente vai sendo absorvido por cenários completamente diferentes dos que nós, brasileiros, estamos acostumados. Realmente, é um lugar incrível!

Lojas ponta de estoque nos Estados Unidos! 

Sugestão de Roteiro: 4 dias em New Orleans 

Montanhas Rochosas

O que a gente vê por lá

O que vemos são cordilheiras com picos nevados que circundam todo o parque das Montanhas Rochosas no Colorado. Então, em questão de minutos, com a elevação da altitude, podemos ver e sentir a mudança de 3 diferentes tipos de vegetação. Ali a gente vê a floresta de montanhosa, a floresta sub-alpina e, quando passamos da altura do topo das árvores, chegamos na inóspita região de tundra alpina.

Esse percurso da estrada que segui de carro foi o mesmo traçado usado pela tribo Arapahoe no passado, quando a montanha os separavam da região onde residiam (lado oeste) e da região da caça.

Continental Divide

Um dos pontos mais interessantes e escondidos da trilha é o que eles de denominam de “Continental Divide”. Esta é a linha que divide a América do Norte em duas partes. Então, usando uma explicação simplista, se chover do lado oeste da linha, a água segue seu caminho para o Oceano Pacífico. Caso chova para o leste, segue para o Atlântico. Muito legal, né?

montanhas-rochosas16

O que saber antes de ir

Vocês já entenderam que a estrada Trail Ridge Road é deslumbrante, certo? Mas é preciso estar atento a algumas transformações climáticas que podem te afetar:

1- A estrada abre no final de maio e fica acessível até outubro. Entretanto, as datas certas de abertura e fechamento ficam por conta do clima. Se o sr. Inverno resolver esticar ou chegar mais cedo, há chance de você perder a viagem. Eu fui na primeira semana de Junho e quase demos com a cara na porta! O ideal é ir entre Julho e Agosto, mas sendo esse o período de alta temporada, vai ter mais gente perambulando por lá.

2- Prefira alugar um carro mais potente para fazer o percurso. Nós pegamos uma SUV e achamos que foi uma decisão acertada. Faça uma cotação aqui na Rentcars (paga em R$ e sem IOF).

3- A estrada chega a uma elevação de 12,183 ft (3713 m) e você sobe mais de 1000 metros rapidamente. Então, isso pode causar dor de cabeça ou mal estar em algumas pessoas.

4- Devido a alta altitude da região, meu conselho é permanecer 24 horas na região do pé da montanha antes de pegar a estrada da Trail Ridge Road. Mesmo com esse período de aclimatização, eu fiquei com dor de cabeça durante o percurso.

5- Não esqueça de levar roupa de inverno, pois a temperatura cai muito rápido conforme vai se subindo a montanha. O clima é imprevisível em qualquer época do ano – neva até em Julho!

.8 Roteiros de viagem pelos Estados Unidos

15 Dicas imperdíveis de Las Vegas

Dream Lake e Emerald Lake, Colorado
Seguros Promo

Onde ficar nas Montanhas Rochosas no Colorado

As duas vilas mais próximas das entradas do Parque Nacional das Montanhas Rochosas no Colorado são os locais mais procurados para se hospedar. Certamente, por motivos óbvios. E são eles: Estes Park do lado leste e a região do Grand Lake. Mas nos optamos por Bolder e conto um pouco mais abaixo.

Estes Park é uma vila muito fofa e a principal base para visitante da região. Abaixo sugiro alguns hotéis com ótimas avaliações:

Já o Grand Lake também é uma boa base de hospedagem para visitantes, mas bem menor que Estes Park. Inclusive, ele fica do outro lado do parque. Abaixo algumas boas opções nessa região:

Grand Lake Lodge, Colorado
Vista do nosso almoço no restaurante Grand Lake Lodge

Vale a pena ficar em Boulder

Segundo a dica de um casal de amigos que moraram no Colorado, nós deveríamos ficar em Boulder. Pois, apesar de ela ser uma cidade mais distante do parque, ela é reconhecida por ser uma das cidades com melhor qualidade de vida dos Estados Unidos. Confesso que fiquei curiosa e adoramos a sugestão.

Desse modo, optamos pelo hotel Boulder Marriot, pois tínhamos pontos para ficar de “graça” e foi ótimo. Ele fica há uns 10 quarteirões do centrinho e apesar de sem personalidade, ele cumpriu bem seu papel.

Aliás, se você preferir explorar as rochosas do Colorado de excursão, essa aqui tem ótimas avaliações e te pega em Denver ou Boulder!

Museu da Harley-Davidson… história e paixão sobre duas rodas!

Colorado no verão

Onde ficar em Boulder
Vista do nosso quarto no Marriot em Boulder.

Boulder é uma cidade maior que as outras duas vilas que mencionei acima, então ela é bem mais estruturada e tem mais opções de acomodação. A vibe de Boulder também é muito bacana e o centrinho é fofo!

Outros hotéis em Boulder que eu olharia com carinho na minha próxima visita:

Caso você esteja procurando um lugar para comer em Boulder, aviso que adoramos o restaurante italiano Frasca Food & Wine. Mas a cidade tem vários barzinhos para degustar cerveja local, cafés e a Pearl Street é uma fofura! Achei que foi uma decisão acertada ter ficado por lá!

Montanhas Rochosas no Colorado

Conclusão sobre as Montanhas Rochosas no Colorado

Eu amei essa região e fiquei muito impressionada com a natureza. Assim como aproveitei para fazer algumas trilhas e conhecer mais um pedacinho dos Estados Unidos que ainda não tinha visitado.

Mas, ao mesmo, lembro dessa viagem com um aperto no peito, pois quando estava a caminho do aeroporto para voltar para casa (Toronto), recebi a notícia do falecimento do meu pai de forma inesperada. Foi um choque e não desejo que isso aconteça com ninguém, pois fica uma sensação muito forte de impotência e tristeza. Mudamos nossas passagens no aeroporto de Denver e, por sorte, conseguimos chegar a tempo para o velório e enterro.

Hoje, depois que já passou um tempinho dessa perda, gosto de olhar as fotos e relembrar dessa viagem, pois é como se eu pudesse pensar nele ainda vivo. Mas sei que ele está sempre comigo e olhando por mim onde quer que o destino me leve. 🙂

Talvez não deveria ter escrito essa parte no post, mas isso é um blog, não é mesmo? E o que seria de um blog se não houvesse o lado pessoal?! Obrigada pela companhia de vocês aqui comigo!

Vale a pena comprar antecipadamente:

.

LEIA TAMBÉM:

9 comentários

Você lembrou do Seguro Viagem? 


Ele é um dos itens mais importantes da sua viagem. seguro viagem é obrigatório nos países da Europa que fazem parte do Tratado de Schengen e precisa ter uma cobertura mínima de 30 mil Euros. Nos demais países em que ele não é obrigatório também é recomendável a contratação, já que infelizmente não podemos prever acidentes. Nos Estados Unidos, o custo médico diário de uma internação é muito caro (uns U$2.000). Não esquecendo que o seguro é muito útil nos casos de cancelamento de viagem, extravio de bagagem e assistência odontológica. Faça sua cotação para encontrar o seguro que você precisa. Você pode pagar em até 12x no cartão ou ter desconto no boleto. Nossos leitores ainda recebem no mínimo um desconto de 5% na hora de pagar. Use o código promocional: VIAJOTECA5.


Cotação seguro viagem



Continue planejando sua viagem:


> Reserve seu hotel

> Seguro Viagem com desconto

> Passagem aérea

> Ingressos e Passeios

> Aluguel de veículos

> Tours Exclusivos Viajoteca

> Chip de celular


Reserve com nossos parceiros para garantir os melhores preços e ótimos descontos. A cada reserva concluída nós recebemos uma pequena comissão, mas você não paga nada a mais por isso. Essa é uma forma de apoiar a Viajoteca a continuar escrevendo sempre ótimas dicas para você. Obrigada!

Larissa 26 de novembro de 2019 - 16:11

Parabéns pelo seu blog, adorei!! Estamos indo ao Colorado agora primeira quinzena de dezembro mas acredito que terei tirar esse parque do nosso roteiro 🙁

Responder
Mirella Matthiesen 28 de novembro de 2019 - 03:35

Oi Larissa,
Realmente agora em dezembro fazer a estrada inteira como nós fizemos no início do verão não será possível, pois parte dela estará fechada para carros normais. Mas parte dela acredito que seja possível fazer. Eu não tenho muitas informações dessa região no inverno para compartilhar, mas tenho cetreza que será uma viagem linda… a natureza do Colorado é muito especial.
Depois me conta como foi 🙂

Responder
Ivone Soares Fernandes 29 de setembro de 2019 - 15:13

Meu sonho conhecer o Colorado já tem uma certa idade mas acho que ainda aguenta andar em alguns lugares por lá maravilhoso esse lugar sentisse mais a presença de Deus Criador

Responder
Mirella Matthiesen 30 de setembro de 2019 - 01:35

Oi Ivone,
Eu achei o passeio bem tranquilo para qualquer idade.
Há trilhas mais complicados para trilheiros, mas a maioria é bem tranquila e só precisa ter uma vida relativamente ativa para seguir.
O que mais pega é a altitude, pode ser que você tenha dor de cabeça ou palpitações, isso vai de cada pessoa e casa um sente diferente.
Espero que você faça essa viagem eu achei lindíssimo.

Responder
Rivelino Patrício 24 de junho de 2019 - 09:07

Olá!
Pretendo viajar para conhecer esse parque em setembro. Vi que você escreveu “No mapa que você receber na entrada do parque, tem todas as indicações de mirantes e trilhas para você escolher.”. Você sabe se é possível obter esse mapa pela internet?
Seria interessante para podermos planejar antecipadamente o que fazer, já que terei apenas dois dias para a visita.
Muitíssimo obrigado pelas dicas!
Abraço!
Rivelino

Responder
Mirella Matthiesen 24 de junho de 2019 - 22:04

Oi Rivelino, Tudo bem?
Nesse link, tem os mapas do parque: https://www.nps.gov/romo/planyourvisit/maps.htm.
Acredito que vai ajudar a montar seu roteiro 🙂
Qualquer coisa, me avisa.

Ah, se puder, não esqueça de usar nossos links nas suas reservas!
Abs

Responder
Lince do Canadá ou Lince das Neves: Fotos e Nome Científico | Mundo Ecologia 30 de março de 2019 - 14:34

[…] Agora ele pode ser encontrado, até com certa facilidade, nas florestas temperadas e na tundra do Canadá; além das vegetações conhecidas como tampas e nas florestas de carvalhos dos Estados Unidos – nesse último caso, nos estados de Idaho, Utah, Nova Inglaterra, Montana, Oregon, até adentrarem em determinados trechos das Rochosas. […]

Responder
Anne Gebers 22 de abril de 2016 - 10:36

Adoro suas dicas. Já está anotado para um futuro próximo!!

Responder
Mirella Matthiesen 11 de maio de 2016 - 17:07

Oi Anne,
Que legal que gosta das dicas aqui do Viajoteca … estou toda prosa!
Bjão

Responder

Fale com a gente!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

O Viajoteca usa cookies para tudo funcionar direitinho no seu browser, tudo bem? Aceito Leia mais

Privacidade & Cookies