Página Principal Istambul O Hipódromo em Istambul: um lugar cheio de história

O Hipódromo em Istambul: um lugar cheio de história

por Carina
2 comentários

Istambul, na Turquia, tem inúmeras atrações maravilhosas. Mas entre todas elas, eu decidi escrever sobre o Hipódromo em Istambul. Pelo simples fato de ser um lugar onde a grande maioria dos turistas passa e nem sabem direito do que se trata. Fora que também sempre que fui procurar informação sobre este ponto tão interessante da cidade, achei pouca coisa disponível. Principalmente em português, eu não encontrei informações detalhadas.

O Hipódromo, em Istambul está ali do ladinho da Mesquita Azul. Inclusive, ele fica a pouquíssimos passos de inúmeras importantes atrações da cidade. Inclusive, ele é uma das atrações de grande importância histórica, então a gente deve prestar um pouco mais de atenção. Afinal, muitos visitantes passam caminhando por ali e nem sabem do que se trata o lugar. Dessa forma, acho importante mostrar a importância e a história deste lugar tão bacana!

Istambul: visita guiada ao Hipódromo Bizantino

O Hipódromo em Istambul

A localização é no coração do bairro de Sultanahmet. Então, vai ser muito fácil você passar por ali. Pois esta grande praça fica praticamente entre as 2 maiores atrações da cidade! Sim, o Hipódromo em Istambul está entre a AyasofyaHagia Sophia e a Sultan Ahmet Camii – Mesquita Azul. Atualmente, o lugar é somente uma praça e que apresenta algumas atrações muito interessantes. Mas saiba que o Hipódromo já foi um lugar de multidões e de muita história!

Santa Sofia: Excursão Guiada com Ingresso Sem Fila

Hipódromo em Istambul

At Meydani – Hipódromo – Hippodrome

Hoje em dia, quem passa pelo Hipódromo e não conhece a história do lugar, nem imagina o que ficava ali. Surpreendentemente, um gigantesco estádio da época bizantina ocupava toda esta área. Ainda tinha a finalidade de ser o ponto de encontro da população naquela época. Este estádio foi concebido pelo Imperador Sétimo Severo. Aliás, ele foi o reconstrutor da cidade de Constantinopla no século III.

Então, por mais de mil anos este lugar hospedou corridas de cavalos, bigas e os acontecimentos políticos da cidade. A Emilia, do blog Turista Acidental, fez uma comparação excelente. Ela escreveu: “…essa área alongada deveria estar para os impérios bizantino e otomano assim como a Ágora estava para a vida política e cultural da antiga Atenas. Muitos eventos cruciais nesse decorrer da história tiveram seu lugar ali”.

Na verdade, antigo hipódromo praticamente desapareceu. Infelizmente, a área hoje não lembra em nada o que era originalmente. Tanto o seu tamanho e formato atual, assim como sua composição, são muito diferentes daquela época. Atualmente a gente vê apenas vestígios de ruínas. Mas o lugar foi o centro da cidade por 1000 anos.

Hipódromo em Istambul

Não esqueça de fazer o seu Seguro de Viagem! Ele é obrigatório nas viagens para a Europa e sem um seguro de viagem internacional, você pode ser impedido de entrar na Europa!

Faça já o seu! Nossos leitores recebem um desconto de até 10% na hora de pagar. Então, use o código promocional: VIAJOTECA5.

+ DICAS QUE VOCÊ PRECISA SABER ANTES DE VIAJAR

+ SEGURO VIAGEM É IMPRESCINDÍVEL? SIM! SAIBA PORQUÊ!

Tour guiado por Topkapı, Santa Sofia, Mesquita Azul, Hipódromo e Bazar

História do Hipódromo em Istambul

Definitivamente, o Hipódromo, ou At Meydani, ou praça dos cavalos, era muito grande. Os registros históricos mostram que o hipódromo tinha capacidade para 100 mil pessoas. Você consegue imaginar? 100 mil pessoas!! O lugar tinha 40 fileiras de assentos e contava com 450 metros de comprimento por 130 metros de largura. Inclusive, o imperador podia vir direto do Palácio para seu camarote do Imperador (kathisma). Pois existia uma passagem exclusiva para família imperial para o Hipódromo.

O Hipódromo foi construído em 203 d.C. Mais tarde, Constantino, em 325, ampliou o lugar. Ele procurou inspiração no Circus Maximus de Roma para fazer algo tão ou mais resplendoroso. Com efeito, o lugar era grandioso, cheio de estátuas, obeliscos e troféus de vários países.

Atualmente, a gente vê pouco desta época gloriosa na praça At Meydani. Apenas estão por ali o Obelisco de Teodósio e a Coluna Serpentina (do séc. V a.C.). Ainda podemos ver o Obelisco de Constantino, mais conhecido como o Obelisco Murado. Por fim, também vemos a Fonte do Kaiser Wilhelm II, que lembra tempos um pouco mais recentes.

Hipódromo em Istambul
Constantinopla turquia mapa

Palácio de Topkapi e Harém: Excursão Guiada com Ingresso

O que ver no Hipódromo em Istambul

Dikilitaş – Obelisco de Teodósio (Obelisco Egípcio)

No meio da Praça Sultanahmet, a gente pode ver um típico obelisco monolítico de pedra do Antigo Egito. Em resumo, este obelisco tem mais de três milênios de idade e foi mandado construir pelo faraó Tutmés III. Entretanto, no século IV d.C. ele foi levado para Constantinopla e colocado no Hipódromo pelo imperador romano Teodósio I.

Este obelisco foi esculpido em um único bloco de mármore vindo de Assuan no ano 1490 a.C. Entretanto, o obelisco original tinha 30 metros de altura e primeiramente ficava no Templo de Karnak, na cidade de Tebas. Hoje, Tebas é a cidade de Luxor, no Egito. Curiosamente, esse obelisco perdeu dois terços de sua altura no seu transporte para a Turquia. Por isso, ele foi posto sobre um pedestal bizantino e quatro cubos de bronze maciços.

Hoje, o Obelisco apresenta 18,54 metros de altura, ou 25,6 metros se a base for incluída. Cada uma das 4 faces do Obelisco apresentam inscrições egípcias. Elas celebram a vitória de Tutmés III nas margens do Rio Eufrates em 1450 a.C.

obelisco egipcio turquia

Mesquita Azul, Santa Sofia e Grande Bazar c/ Ingressos

Base de Mármore do Obelisco de Tutmés III

A parte do Obelisco que chegou a Constantinopla (Istambul) ganhou uma base de mármore esculpida. A base é bizantina e tem baixos relevos. Estes relevos mostram figuras que representam o Imperador Teodósio I, o Grande, e sua família assistindo aos eventos esportivos. Numa delas, Teodósio está com uma coroa de louros (da vitória) na mão para oferecer para o ganhador da corrida. Noutra face, você pode ver Teodósio em seu khatisma, o camarote real, que foi destruído pela Quarta Cruzada, em 1204. Por fim, nos baixos relevos estão vários espectadores alegres, músicos e dançarinos nas cerimônias.

Inclusive, existia aqui ainda uma Quadriga. Entretanto, ela foi saqueada na 4ª Cruzada e levada para Veneza, na Itália. Lá ela foi colocada no alto da Basílica de São Marcos. Todavia, se você for a Veneza vai ver somente uma cópia. Isto porque a autêntica está no Museu da Basílica e, inclusive, dá para visitar.

Hipódromo em Istambul

Yılanlı Sütun – Coluna Salomônica

A outra coluna famosa da praça também é a Coluna Serpentina. Ou Tripod of Plataea. Ela veio do templo de Apolo, em Delfos, na Grécia. Arqueólogos acreditam que ela seja de 479 a.C. Parece que ela foi construída para comemorar a vitória dos gregos sobre o Império Persa na Batalha de Plataea. Enfim, esta coluna foi trazida para Constantinopla por Constantino I, o Grande, em 324.

A coluna apresentava 3 cabeças de serpente e tinha de 8 metros de altura. Ela foi feita com o bronze derretido das espadas dos soldados persas que foram apreendidas nas batalhas. Em resumo, a coluna permaneceu intacta até o final do século XVII. Mas infelizmente um nobre polonês bêbado danificou a coluna. Deste modo, das 3 cabeças originais, só se sabe o paradeiro de 2 delas. Ou seja, uma das cabeças está no Museu Arqueológico de Istambul e a outra no British Museum, em Londres.

Hipódromo em Istambul

Istambul: Excursão Basílica de Santa Sofia e Mesquita Azul

Coluna de Constantino Porphyrogenitus – Obelisco Murado

A praça tem outro obelisco e que fica no outro extremo do Hipódromo. Ele foi restaurado pelo Imperador Constantino no século X. Dessa forma, acabou ganhando seu nome, Constantino Porphyrogenitus. Provavelmente, este obelisco era todo revestido de placas de bronze douradas. Mas estas placas foram saqueadas por tropas latinas na 4ª Cruzada.

A coluna possui 32 metros de altura e está toda esburacada. Devido ao fato, de que era costume dos janízaros escalá-la e escavá-la para testar sua bravura. O Arnaldo do blog Fatos e Fotos de Viagem explicou no blog dele a história. “O Regimento dos Janízaros era um “novo exército” formado por tropas de elite do sultão. Inclusive, era um exército poderoso e profissional que foi fundamental para a expansão do Império Otomano. Curiosamente, com o tempo foram perdendo a disciplina e enfraquecendo. Mais tarde, eles viraram elementos desestabilizadores do sistema, inclusive rebelando-se diversas vezes. Até que foram derrotados pelo Sultão Mahmut II, em 1826.

Realmente, este obelisco foi importante. Tanto que o Obelisco aparecia no verso da nota de 500 Liras Turcas que circulou entre 1953 a 1976.

Show de Dervixes Rodopiantes no Centro Cultural Hodjapasha

Estátuas de Porphyrios

Sete estátuas foram erguidas no Hipódromo em honra de Porphyrios. Ele foi um cocheiro lendário, que em seu tempo disputou as competições no Hipódromo para 2 grupos diferentes. Os grupos eram chamados de “Verdes” e “Azuis”. Infelizmente nenhuma dessas estátuas sobreviveu aos dias de hoje. Você pode ver as bases de duas delas no Museu Arqueológico de Istambul.

Hipódromo em Istambul
Hipódromo em Istambul

Istambul: Cruzeiro pelo Bósforo com Jantar e Entretenimento

Alman Çesmesi – Fonte de Wilhelm II

Este gazebo foi um presente oferecido pelos alemães aos turcos em 1898. Ele celebra a visita e amizade do Kaiser Guilherme II ao Sultão Abdül Hamit II e à cidade de Istambul. O gazebo é uma fonte estilizada e localizada na entrada norte do Hipódromo.

Ele foi construído na Alemanha e transportado peça por peça para Turquia. Do mesmo modo, ele foi montado no local atual em 1900. O estilo da fonte é neo-bizantino e tem oito colunas de mármore. O interior da cúpula octogonal é coberto com mosaicos dourados. Inclusive, o monumento chama bastante a atenção dos visitantes. Pois tem semelhanças com as fontes de purificação dos pátios das mesquitas.

Fonte Wilhelm II Turquia

Você consegue viajar sem celular? Nem dá pra imaginar, né?!

Então, já saia do Brasil com o seu chip de celular europeu e com internet boa!

Informações Práticas sobre o Hipódromo em Istambul

Horário

Por ser uma praça pública, ela fica aberta todos os dias, sem restrição de horário.

Entrada

Gratuita, desse modo você não precisa de tickets.

Endereço

Binbirdirek Mh.

34122 Fatih/Istambul

Como chegar

Linha de Tram T1, parada Sultanahmet.

Seguros Promo

Onde ficar em Istambul

Booking.com

Leia mais sobre a Turquia:

+ CONHECENDO A CAPADÓCIA, NA TURQUIA

+ O QUE FAZER EM GÖREME – CAPADÓCIA

+ UM PASSEIO DE BALÃO PELOS ARES DA CAPADÓCIA

+ AS CIDADES SUBTERRÂNEAS DA CAPADÓCIA


Vale a pena comprar antecipadamente:

2 comentários

Você lembrou do Seguro Viagem? 


Ele é um dos itens mais importantes da sua viagem. seguro viagem é obrigatório nos países da Europa que fazem parte do Tratado de Schengen e precisa ter uma cobertura mínima de 30 mil Euros. Nos demais países em que ele não é obrigatório também é recomendável a contratação, já que infelizmente não podemos prever acidentes. Nos Estados Unidos, o custo médico diário de uma internação é muito caro (uns U$2.000). Não esquecendo que o seguro é muito útil nos casos de cancelamento de viagem, extravio de bagagem e assistência odontológica. Faça sua cotação para encontrar o seguro que você precisa. Você pode pagar em até 12x no cartão ou ter desconto no boleto. Nossos leitores ainda recebem no mínimo um desconto de 5% na hora de pagar. Use o código promocional: VIAJOTECA5.


Cotação seguro viagem



Continue planejando sua viagem:


> Reserve seu hotel

> Seguro Viagem com desconto

> Passagem aérea

> Ingressos e Passeios

> Aluguel de veículos

> Tours Exclusivos Viajoteca

> Chip de celular


Reserve com nossos parceiros para garantir os melhores preços e ótimos descontos. A cada reserva concluída nós recebemos uma pequena comissão, mas você não paga nada a mais por isso. Essa é uma forma de apoiar a Viajoteca a continuar escrevendo sempre ótimas dicas para você. Obrigada!

Fábio Mendes 3 de fevereiro de 2015 - 08:51

Quero muito conhecer Istambul e um dos pontos que mais me interessa é ver as ruínas (mesmo que poucas) do HIpódromo. Em Roma, é muito bacana ver o Circo Massimo, embora não tenha sobrado quase nada do lugar.

Responder
Carina 3 de fevereiro de 2015 - 11:52

A cidade é fascinante, Fábio! Tomara que não demore para vc conhecê-la!

Responder

Fale com a gente!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

O Viajoteca usa cookies para tudo funcionar direitinho no seu browser, tudo bem? Aceito Leia mais

Privacidade & Cookies