Página Principal Canela Cascata do Caracol em Canela | Todas as dicas

Cascata do Caracol em Canela | Todas as dicas

por Mirella Matthiesen
28 comentários

A Cascata do Caracol em Canela fica escondida no meio de uma mata densa e fechada, e ela se destaca como uma das principais atrações da região de Gramado. E não é por menos, sua beleza encanta qualquer viajante!

Eu já vi várias cachoeiras, incluindo as famosas Cataratas do Iguaçu e do Cataratas do Niágara (Canadá). E apesar da Cascata do Caracol não ter a mesma grandiosidade, ela encanta pela simplicidade e pelo encaixe perfeito com a natureza a sua volta.

Há algumas maneiras de visitar a Cascata do Caracol, mas as principais são através do Bondinhos Aéreos Parques da Serra, do Parque do Caracol e da Tirolesa Eagle.

No final desse post, vou aproveitar para contar um pouquinho sobre outras coisas para se fazer em Canela e também algumas dicas de hospedagem em Canela e Gramado!

Promoções de Passagem aérea? Clique aqui!

Cascata do Caracol em Canela
Cascata do Caracol pela vista da varanda dos Bondinhos Aéreos!

SERRA GAÚCHA | CIDADES, O QUE VISITAR, ONDE FICAR
Sugestão de Roteiro: Um dia em Gramado

Agroturismo em Gramado, conheça o Sítio Tradição


Como visitar a Cascata do Caracol em Canela

Bondinhos Aéreos Parques da Serra

Localizado a 500 metros do Parque do Caracol, o Bondinhos Aéreos Parques da Serra foi inaugurado em 2013 e é uma das grandes atrações de Canela.

A vista que se tem da Cascata do Caracol ao visitar os Bondinhos Aéreos é frontal e o visual do vale também é incrível.

Para quem tem medo de altura, pode ficar tranquilo/a, pois os bondinhos tem tecnologia suiça e é muito seguro. Cada bondinho leva no máximo 8 pessoas por teleférico e eu achei tudo muito tranquilo. Mas se ainda assim der aquele friozinho na barriga, encare o desafio, pois a vista vale a pena!

Bondinhos Aéreos Parques da Serra
Bondinhos descendo

Estações dos Bondinhos Aéreos

São três estações para você usufruir ao longo do passeio.

Ao comprar o ticket, você será direcionado para a “Estação Central“. O local onde fica as lojinhas, área de alimentação, banheiro, a primeira varanda para apreciação da vista e a fila para pegar o bondinho!

Bondinhos Aéreos Parques da Serra
Estação Central do Bondinhos Aéreos

Ao pegar o bondinho, a primeira parada será a “Estação Animal“. Nessa área tem uma trilha bem curtinha e fácil (840 metros), aproveite também para ler as plaquinhas que identificam a fauna e a flora da região.

Nesse mesmo local você encontrará a exposição “Esculturas que Falam”, um espaço interativo para crianças e adultos se divertirem com as peças de madeira que produzem sons semelhantes ao animais.

Essa parte do passeio é educativa, decerto um momento para a gente conhecer melhor a natureza.

Bondinhos Aéreos Parques da Serra
Estação Animal – trilha

De volta ao bondinho, a última parada é a “Estação Cascata“, certamente a mais esperada do passeio, pois é de lá que você terá uma vista lindona da Cascata do Caracol e do vale!

Na minha opinião, o espaço da varanda de observação poderia ser um pouco maior, mas a visão é muito bonita! Minha dica é chegar cedo para evitar as excursões!

O preço para adultos é de R$56, mas fique de olho nos folhetos promocionais que rolam pela cidade ou nos sites de cupons, que as vezes dá para garantir bons descontos.

Informações gerais sobre o Bondinhos Aéreos

Website: parquesdaserra.com.br
Endereço: Estrada da Ferradura, nº 699 | Caracol – Canela
Telefone: (54) 3878.3250 / (54) 3878.3251
Horário: das 9h às 17h
Quanto custa: R$56 (Adultos), R$28 (Sêniors acima de 60 anos), R$28 (Crianças de 6 a 12 anos) e R$0 (Crianças de 0 a 5 anos).
Quanto tempo: de 1h30 à 3h
Como chegar: de carro (estacionamento gratuito nas premissas) ou Ônibus Hop-On Hop-Off que atende Gramado e Canela.
Quanto tempo: de 1h30 à 3h
Pandemia: para sua seguraça, durante a pandemia, o Bondinhos aéreos está operando com apenas 50% da sua capacidade.

Cascata do Caracol - Bondinhos Aéreos Parques da Serra
Cascata do Caracol

Tirolesa Eagle na Cascata do Caracol

Pa quem gosta de aventura e contato com a natureza, com certeza vai se empolgar com a nova atração da região de Canela e Cascata do caracol, a Tirolesa Eagle. Ela se localiza no mesmo parque dos Bondinhos Aéreos (que falei acima).

A Tirolesa Eagle é dotada de um mecanismo super moderno e tecnologia norte-americana, fabricado pela empresa Soaring Eagle Zip Line. Ademais, cada carrinho comporta dois passageiros e a ideia da tirolesa é simular o voo de uma águia. Logo, a cadeira irá se deslocar a 180 metros de distância presa por cabos de aço a uma altura de 21 metros. Durante o percurso de ida e volta você poderá ver a Cascata do Caracol de um ângulo diferente.

Informações gerais sobre a Tirolesa Eagle

Website: parquesdaserra.com.br
Endereço: 
Estrada da Ferradura, nº 699 | Caracol – Canela
Telefone: (54) 3878.3250 / (54) 3878.3251
Horário: das 9h às 17h
Quanto custa: R$50 (passeio em dupla) e R$30 (passeio individual).
Como chegar: de carro (estacionamento gratuito nas premissas) ou Ônibus Hop-On Hop-Off que atende Gramado e Canela.

O que fazer em Canela - tirolesa Eagle
Minha amiga Raquel e o filho na Tisolesa Eagle!

Parque do Caracol

O Parque do Caracol é um daqueles lugares para você se encontrar com a natureza.

Pode-se optar por passar o dia inteiro sem muita preocupação, ou ficar somente 1 ou 2 horas para ver o essencial e partir para a próxima atividade.

O parque, que por sinal está muito bem mantido, disfruta de playground para as crianças, churrasqueiras, trilhas, mirante, área de picnic e obviamente, uma vista lindona da Cascata do Caracol e do Vale.

Cascata do Caracol em Canela - Parque do Caracol
Vista da Castaca do caracol do mirante.

Nós nos contentamos em visitar o primeiro mirante e percorrer a trilha do arroio, que aliás, me apaixonei pelas araucárias que vi pelo caminho (coisa mais linda!). Eu queria ter feito a escadaria da perna bamba, mas infelizmente, durante a nossa visita ela estava em manutenção.

Para visitar o Observatório Ecológico tem taxa extra e resolvemos não subir!

Informações gerais sobre o Parque do Caracol

Website:  canelaturismo.com.br
Endereço: RS 466 | Caracol – Canela
Telefone: (54) 3278.3035
Horário: das 9h às 17h30
Quanto custa: R$18 (Adultos), R$9 (Sêniors acima de 60 anos), R$9 (Crianças). Recomendo ligar para confirmar o valor, já que eles não anunciam no website. Telefone (54) 3278-3035
Quanto tempo: quanto tempo quiser! 🙂
Como chegar: de carro (estacionamento gratuito nas premissas) ou Ônibus Hop-On Hop-Off que atende Gramado e Canela.

Parque do Caracol em Canela
Trilha do parque do caracol

Caminhos de Pedra em Bento Gonçalves… um olhar no tempo!

O que fazer na Serra do Rio do Rastro em Santa Catarina


O que fazer em Canela

Ao terminar nosso passeio pelas atrações da Cascata do Caracol, fomos almoçar no centrinho de Canela e escolhemos a hamburgueria Me Gusta (muito bom!) e demos uma voltinha no centrinho da cidade.

A Catedral de Pedra, ou Paróquia Nossa Senhora de Lourdes, é o grande cartão postal de Canela. E vou te contar que realmente a gente se impressiona com seu tamanho e beleza! Não pode deixar de visitar!

Catedral de Pedra em Canela
Catedral de Pedra em Canela

Depois de ver a região da Cascata do Caracol e a Catedral de Pedra, o principal de Canela já foi coberto. Mas é claro que tem muitas outras coisas para fazer, entre elas destaco as opções abaixo:

  • Alpen Park: parque de diversão para quem gosta de adrenalina. Entre as principais atividades você vai poder curtir arvorismo, tirolesa, quadriciclo, simulador mini-rider, montanha russa, entre outras coisas.
  • Terra Mágica Florybal: é um passeio desenhado especialmente para famílias com crianças, ao percorrer o parque se faz uma viagem no tempo no meio da natureza desde os Dinossauros até a tecnologia do Cinema 7D.
  • Mundo a Vapor: uma mistura de diversão e conhecimento sobre tudo que acontece no mundo a vapor. Se não quiser entrar nesse pseudo-museu, passar em frente para ver a fachada já vale a pena, pois há uma reconstrução em tamanho real do famoso acidente ferroviário que ocorreu em Paris em 1895, quando uma locomotiva atravessou a estação de Montparnasse em alta velocidade.
  • Espetáculo Sonho de Natal: assim como Gramado tem suas atrações durante a temporada do Natal, Canela também elaborou várias atrações de natal para você aproveitar!
  • Ebooks (bem avaliados) sobre a região: Serra Gaúcha com Crianças e Guia o Barato em Canela.
O que fazer em Canela

Onde ficar em Canela (dicas de hospedagem)

Uma das vantagens de ficar Canela, é o preço das hospedagens, pois quando comparamos com Gramado a diferença pode ser substancial. Mas não se engane, poorque há várias opções legais de pousadas, hosteis e apartamentos em Canela para todos os orçamentos.

Eu acho que a região merece um carro alugado independente de você ficar em Gramado ou Canela, mas claro que nesse quesito, Gramado está mais bem servido para as pessoas que não estão de carro alugado.

A melhor localização para curtir a cidade e estar a pé de restaurantes e bares para curtir a noite, é perto da Catedral de Pedra. E vale lembrar, que os valores das hospedagens muito muito dependendo da temporada, com em vários lugares do mundo!

>> Para minhas dicas de onde ficar em Gramado, clique aqui.

Segue algumas recomendações, com ótimas avaliações, de onde ficar em Canela para você dormir mais feliz, das opções mais caras para as mais baratas.

O que fazer em Canela

Quando ir

Todo dia é dia de estar em Gramado e Canela, poisaleem do lugar ser mágico, não há uma estação melhor ou pior para visitá-la.

Dessa forma, a melhor época para ir a Gramado e Canela vai depender do que você gostaria de fazer e do frio que pretende passar (risos).

Entre abril e outubro leve agasalho, pois estará frio, especialmente entre os meses de junho a agosto, quando pode chegar a temperaturas negativas e pode até cair neve em Gramado!

Por outro lado, nas outras épocas do ano, entre novembro e março, durante o dia você pode pegar dias quentes, mas a noite sempre esfriará.

A dica para curtir a região sem sofrer é se agasalhar de acordo com o clima da estação. E digo mais, melhor levar mais agasalho na mala do que ficar passando frio e não curtir o passeio.

Quantos dias em Gramado e Canela

Para conhecer as principais atrações de Gramado e Canela, decerto você precisará de um dia inteiro, mas obviamente, a cidade merece mais que isso.

Em um final de semana ou feriado (3 ou 4 noites) você consegue “resolver” as principais atrações de Gramado e Canela. Contudo se puder separar mais dias, ainda melhor, especialmente se for para algum festival ou evento da região. Eu, por exemplo, passei 5 dias (4 noites) durante o Natal Luz.

Caso tenha interesse em incluir Bento Gonçalves, então reserve pelo menos uma semana. Mas logo aviso, tem muita coisa legal para fazer da região, a gente sempre vai embora com aquele gostinho de “quero mais”. Aliás, não deixe de conferir esse post com muitas dicas da Serra Gaúcha e aqui os melhores hotéis fazendas da Serra Gaúcha.

E você, já visitou Canela? Tem mais alguma dica para dividir? 🙂

Continue viajando pelo Sul do Brasil:

4 Vinícolas em Bento Gonçalves que vale visitar!

Coral de Natal de Curitiba

Shows pagos do Natal Luz em Gramado

LEIA TAMBÉM:

28 comentários

Você lembrou do Seguro Viagem? 


Ele é um dos itens mais importantes da sua viagem. seguro viagem é obrigatório nos países da Europa que fazem parte do Tratado de Schengen e precisa ter uma cobertura mínima de 30 mil Euros. Nos demais países em que ele não é obrigatório também é recomendável a contratação, já que infelizmente não podemos prever acidentes. Nos Estados Unidos, o custo médico diário de uma internação é muito caro (uns U$2.000). Não esquecendo que o seguro é muito útil nos casos de cancelamento de viagem, extravio de bagagem e assistência odontológica. Faça sua cotação para encontrar o seguro que você precisa. Você pode pagar em até 12x no cartão ou ter desconto no boleto. Nossos leitores ainda recebem no mínimo um desconto de 5% na hora de pagar. Use o código promocional: VIAJOTECA5.


Cotação seguro viagem



Continue planejando sua viagem:


> Reserve seu hotel

> Seguro Viagem com desconto

> Passagem aérea

> Ingressos e Passeios

> Aluguel de veículos

> Tours Exclusivos Viajoteca

> Chip de celular


Reserve com nossos parceiros para garantir os melhores preços e ótimos descontos. A cada reserva concluída nós recebemos uma pequena comissão, mas você não paga nada a mais por isso. Essa é uma forma de apoiar a Viajoteca a continuar escrevendo sempre ótimas dicas para você. Obrigada!

Lulu Freitas 28 de fevereiro de 2017 - 11:59

Ótimo post. Eu fiz a Escadaria da Perna Bamba de dez/2015. Super cansativa tem que ter preparo físico. Bom saber que está em manutenção porque estava com alguns pontos bem precários e perigosos.

Responder
Mirella Matthiesen 28 de fevereiro de 2017 - 17:30

Oi Lulu,
Que bom que o parque resolveu fazer essa manutenção, né? Espero que não demore muito para voltar a ativa, pois deve ser muito legal ver a Cascata debaixo para cima, outra perspectiva, né?
Obrigada pela visita… volte sempre 🙂
bjks

Responder
Analuiza (Espiando Pelo Mundo) 9 de março de 2017 - 17:24

oi Mirella… nas duas vezes em que visitei a Cascata do Caracol desci e subi uma escadaria enorme! Foi cansativo, mas bem agradável! 🙂 Faz tanto, tanto tempo isso…

Achei uma ótima ideia essa dos bondinhos! Organizados, seguros e mais uma opção para apreciar a cascata que, como você mesmo disse, perfeita em sua simplicidade! 🙂 bjus

Responder
Mirella Matthiesen 10 de março de 2017 - 10:57

Oi Ana Luiza,
É engraçado pensar nas viagens que já fizemos, né? E o mais interessado é perceber que as vezes faz mais tempo que a gente imagina …
bjks

Responder
Adriana Magalhães 9 de março de 2017 - 17:25

Já fui algumas vezes ao parque do Caracol, meus filhos amaram. Mas nunca peguei o bondinho, também achei caro!

Responder
Mirella Matthiesen 10 de março de 2017 - 11:00

OI Adriana,
Pois é … eu achei o preço salgado dos bondinhos, eles poderiam dar uma flexibilizada.
Mas quando fui, estava cheio, então, não deve ser um problema para a maioria (risos).
Abs

Responder
Giulia Sampogna 9 de março de 2017 - 18:27

Que lugar lindíssimo. Realmente a cachoeira se encaixa com a natureza. Eu não tinha ideia que em Canela tinha uma estrutura assim. E sinceramente que catedral maravilhosa. Amei o post.

Responder
Mirella Matthiesen 10 de março de 2017 - 11:01

Oi Giulia,
Canela é mais low profile que Gramado, mas não menos interessante … adorei a surpresa!
Abs

Responder
luantperez 10 de março de 2017 - 14:45

Ótimas dicas, se der tudo certo no final do ano vou para Gramado, e não posso esquecer de colocar essa Cascata no roteiro. Abraço!

Responder
Mirella Matthiesen 10 de março de 2017 - 16:37

Oi Luan,
Não pode mesmo … a Cascata é muito bonita! Você vai adorar 🙂
Abs

Responder
laurasette 10 de março de 2017 - 16:09

Que legal esse passeio! Estive em Canela quando tinha uns 13 anos, com minha avó hehe então não rolou de fazer esses passeios. Quando voltar, certamente quero conhecer esta cachoeira, amo trilhas e natureza!
Beijos

Responder
Mirella Matthiesen 10 de março de 2017 - 16:37

Oi Laura,
Você precisa voltar … eu também adoro trilhas e aventuras, essa da Cascata foi bem leve e tranquilíssima.
😉
Abs

Responder
Diva de Mochila 11 de março de 2017 - 14:13

Adorei, Laura!
E ainda sobe de teleférico? Incrível. Adoro teleféricos e cachoeiras. Preciso me programar pra conhecer Canela…

Responder
Mirella Matthiesen 13 de março de 2017 - 14:42

Oi Diva,
Na verdade desce de teleférico para ver a Cascata de frente … mas é gracinha 🙂
Marque mesmo a viagem 🙂
bjos

Responder
Makenna (@casalcomrodinhasnospes) 11 de março de 2017 - 14:42

A trilha é muito tranquila realmente e o visual é incrível! Os bondinhos coloridos são muito fofos!
Saudades desse lugar.
Adorei o post.
Abraços.

Responder
Mirella Matthiesen 13 de março de 2017 - 14:43

Oi Makenna,
Que legal que gostou do post … eu amei essa viagem!!!
Abs

Responder
viajarcorrendo 12 de março de 2017 - 10:45

Oi Mirella!!! Eu não fui aos bondinhos porque achei realmente caro o valor. No entanto, visitamos a cachoeira pelo Parque Caracol. A escada estava boa quando fomos e conseguimos ir até lá embaixo. Não achei a escada tão mortal (não estou querendo aparecer, apenas não achei mesmo) e, por isso, indiquei para um amigo quando ele foi. Aí, na tranquilidade do lar, recebo uma mensagem com um vídeo. Era ele, sem fôlego para subir a escada, mas com fôlego para me xingar dizendo que eu queria matá-lo por ter falado que era legal ver a cachoeira mais de perto 🙂
Parabéns pelo post!
Abraços,
Carolina

Responder
Mirella Matthiesen 13 de março de 2017 - 14:45

OI Carol,
Adorei a história do seu amigo ahahaha … as vezes recomendação é complicado!!!
Bjks e obrigada pela visita!

Responder
Luciana Rodrigues 12 de março de 2017 - 16:12

Falou em bondinhos aèreos… eu levanto a mão. Realmente o lugar é um tesouro no meio da natureza. Quantos lugares lindos para conhecer no Brasil! Mais um para a minha lista.

Responder
Mirella Matthiesen 13 de março de 2017 - 14:46

Oi Lu,
Você precisa ir mesmo para lá … uma gracinha de lugar!
Bjks

Responder
carminda da conceicao carvalho gossler 5 de novembro de 2018 - 01:37

vou conhecer Gramado esta semana e ver o Natal Luz e tambem já comprei o ticket para o bondinho, mas quero subir essa escada !!! para ver de outro angulo , depois te conto

Responder
Mirella Matthiesen 7 de novembro de 2018 - 20:52

Oi CArminda,
Me conta mesmo … eu queria muito ter feito! Espero que esteja aberta e você aproveite muito.
Vou aguardar seu novo comentário 🙂
Beijos

Responder
Silvane Thewes 10 de novembro de 2018 - 06:17

Estivemos essa semana la, lugar incrivel emm meio a natureza, mas infelizmente a escadaria continua fechada…

Responder
Mirella Matthiesen 11 de novembro de 2018 - 22:56

Oi Silvane,
AINDA?! Caramba… que pena!!! Será que é falta de verba que eles não terminaram a manutenção?
Beijos

Responder
Alessandro Sousa 12 de março de 2019 - 15:39

Estarei indo dia 12.08 com meus pais, como sou muito conectado com o ecoturismo já reservei tempo para a Cascata do Caracol e também dar um pulinho em Cambará do Sul para desfrutar das paisagens maravilhosas dos Cânios Fortaleza é Itambezinho. Alguém que já foi poderia me falar mais do Parque das Lavandas?
Obrigado
Abraço.
Alessandro

Responder
Mirella Matthiesen 14 de março de 2019 - 04:34

Oi Alessandro,
Tenho certeza que vai amar a região! Eu fiquei encantada com tudo o que vi.
Não cheguei a conhecer o Parque das lavandas, espero que algum outro leitor passe por aqui para dividir a experiência, do contrário, volte depois da sua viagem nos contar o que achou e se vale a pena 🙂
Abs

Responder
Muller 19 de setembro de 2021 - 13:47

O passeio do bondinho é ótimo. No Skyglass também é muito bom.
Uma dúvida que tive e não consegui obter resposta antes de chegar ao local foi: Deficiente paga meia entrada? Como conseguir esse benefício?

Muito simples basta se apresentar na portaria com identificação e preferencialmente com um atestado médico que comprove sua condição e solicitar no guichê o ingresso com esse benefício.
Se precisar de acompanhante o mesmo também tem direito a meia entrada. Basta apresentar um atestado que comprove a necessidade de acompanhante.

Responder
Mirella Matthiesen 19 de setembro de 2021 - 21:47

Oi Muller,
Muito obrigada pela informação, vou adicionar isso no post, pois com certeza mais gente deve ter essa dúvida.

Obrigada,

Responder

Fale com a gente!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

O Viajoteca usa cookies para tudo funcionar direitinho no seu browser, tudo bem? Aceito Leia mais

Privacidade & Cookies