Curtindo Buenos Aires em família

5

Continuando a viagem do leitor Marcus Tabosa pela Argentina, ele nos conta como foram seus dias por Buenos Aires em família. Além das visitar atrações principais da capital portenha, ele tirou um dia para as compras e nos deixou várias dicas sobre translado, câmbio, hotel e roteiros …

Clique nos links abaixo para ir direto ao tópico desejado:

Vai com o Marcus e comece a preparar sua viagem para Buenos Aires!

Casa Rosada – Praça de Mayo
Casa Rosada – Praça de Mayo

> Dica de translado do aeroporto para Buenos Aires:

Utilizei os serviços do Alejandro para fazer o translado entre o aeroporto Ezeiza para o centro (e pegamos a dica no blog Viaje na Viagem). Lembrando que Buenos Aires tem 2 aeroportos, é sempre bom estar atento em qual irá desembarcar:

– Preço do translado Ezeiza > centro: Ida R$75 reais e regresso R$70
– Preço do translado Aeroparque > centro: Ida R$35 e regresso R$30
* Os preços são por carro e não por pessoa (máximo 4 pessoas).

Contato do Alejandro:
Whatsapp: +54 9 11 67219578 / +54 9 11 67676510*
Nextel:  54*595*4164
Página do facebook: www.facebook.com/pages/Turismo-en-Buenos-Aires-Alejandro/353868201379430

Flor Metálica
Eu na Flor Metálica

> Dica para fazer o câmbio em Buenos Aires:

Peguei a dica de dois brasileiros que fazem câmbio no paralelo em Buenos Aires com amigos da internet e deu super certo. São eles; o Bruno do Cambio Justo e o Leonardo do Viajelisantour. Utilizei o serviço de ambos e foi muito tranquilo, vantajoso e os recebi no hotel para efetuar a troca.

Na época (Dezembro/2013 – Janeiro/2014), a cotação foi de AR$4,00 para cada R$1,00. Na patagônia pude ver que o melhor câmbio oferecido era de AR$3,00, uma diferença de 33%. Confesso que foi a primeira viagem que não usei o cartão de crédito e valeu a pena.

Abaixo os contatos, para mais informações:
Leonardo do Viajelisantour: leonardo.oliveira@viajeslisantour.com
https://www.facebook.com/oliveira.nardo?fref=ts

– Bruno Câmbio Justo: https://www.facebook.com/pages/Cambio-justo/376773005751719?fref=ts,
* O cambio justo divulga todos os dias o câmbio no facebook, muito legal para acompanhar as cotações.

PS: Toda conversa com os dois cambistas foram feita via facebook.

Fragata Sarmiento
Meu filho em frente a Fragata Sarmiento em Puerto Madero

> Hotel em Buenos Aires:

O hotel escolhido nessa viagem foi o Two Hotel Buenos Aires; pra gente a localização foi boa, perto do centro e no bairro de San Telmo. O fato de ser próximo à estação de metrô e de vários pontos turísticos também ajudou. Aspecto de novo, bom café da manhã e bom custo-benefício. De ruim só achei o pessoal do front desk (não ajudam em nada!).

> Onde Comer em Buenos Aires

CHURRASCARIA: Ir a Buenos Aires e não experimentar um de seus deliciosos churrascos, é quase um sacrilégio. Aproveitamos então uma (na verdade duas) de nossas noites em Buenos Aires para ir ao bairro Puerto Madero e curtir uma boa carne. Escolhemos o restaurante  Cabaña Villegas; das churrascarias da região, esta é a mais recomendada pelos portenhos, que elogiam a qualidade das carnes, o serviço atencioso e a excelente relação custo x benefício. Vale a pena reservar com antecedência por telefone e pedir uma mesa com vista para o rio. Peguei a indicação desse restaurante também no Viaje na Viagem. Comprovei os valores razoáveis e a boa qualidade da carne…minha escolha: Bife de ojo. [Endereço: Alicia Moreau de Justo, 1050; tel. 4142-0108]

PS: Minha prima adorou, quando comparando com o famoso Cabaña Lilás. Custo aproximado do jantar com vinho para 4 pessoas: no Villegas AR$900,00 e no Lilás AR$2.200,00 …

Puerto Madero em Buenos Aires
Puerto Madero com a esposa

FOLCLORICO: numa outra noite, resolvemos experimentar o restaurante “La Brigada” [ Estados Unidos 478 -San Telmo ]; tradicionalíssimo e folclórico no bairro de San Telmo. Funciona num sobrado decorado com pôsteres, bandeiras e flâmulas de futebol. A marca registrada da casa são os garçons que cortam os assados com colher. Se você quiser almoçar aqui num domingo (dia da feira na Praça Dorrego, ali perto), é bom reservar, ou ficará muito tempo na fila de espera . Recomendo a experiência…Nem todo corte para ser feito de colher, porém o local é agradabilíssimo. Principalmente para quem curte futebol. [Endereço: Estados Unidos, 465; tel. 4361-5557]

Restaurante La Brigada em Buenos Aires
Restaurante La Brigada em Buenos Aires

> Show de tango em Buenos Aires

Queríamos um show diferente do Senhor Tango, decidimos então pelo Madero Tango, preço AR$650,00 com cena ( jantar inclui vinho e transfer de/para o hotel).

Gostei do show e do jantar, achei que foi um bom custo-benefício. Não tem os cavalos e as firulas do Senhor Tango, porém tem estória com bons dançarinos.

Madero Tango em Buenos Aires
Madero Tango em Buenos Aires – Imagem do Madero Tango
Madero Tango
Vista do Madero Tango com minha esposa e filho

> Compras em Buenos Aires

Outlets de Villa Crespo e Shopping Abasto:   a esposa queria muito conhecer os outlets, mas sinceramente, depois de ter ido, achei um perda de tempo. Quem está acostumado a outros outlets ou grande lojas de departamento na Europa, é uma decepção. Só gostei da loja da Lacoste.

Valeu somente pelo passeio (almoçamos lá) e o shopping fica vizinho à Esquina Carlos Gardel…

Free Shopping Ezeiza:   Apesar de nosso voo só sair no começo da tarde, decidimos que iríamos bem mais cedo para o aeroporto de Ezeiza aproveitar ao máximo o Free Shop. Após fazer o check-in (despachando malas) e imigração, gastamos nossas reservas de pesos argentinos po lá.

O free Shop é bem grande (bem maior que Guarulhos). Os preços são bons, principalmente se você trocou seus dólares ou reais por pesos antes de ir para o aeroporto. Pagamos tudo em pesos. Eles convertiam os preços em dólares para pesos pelo câmbio oficial e como tínhamos trocado pelo câmbio paralelo ficamos com uma boa diferença.

Os preços de perfumes e cosméticos são muito bons també,. O resto foi alfajores, doce de leite Havana (só quando cheguei no Brasil que descobri que era proibido trazer), umas roupas, quase nada de eletrônico. Minha esposa ainda comprou óculos e relógio. Gastamos umas 3 horas ou mais no free shop. Tudo feito com bastante calma.

> Principais pontos turísticos de Buenos Aires

As filhas do meu amigo Asfor, que estavam viajando comigo, visitavam pela primeira vez Buenos Aires, então fomos conhecer os principais pontos turísticos da cidade, ora caminhando, ora usando o metrô, ora usando taxi…

Roteiro de 1 dia em Buenos Aires:

1) Praça de Maio com Catedral e Casa Rosada…entramos apenas na Catedral.
2) Café Tortoni para um pequeno lanche…há esta hora não tinha fila.
3) Caminhamos pela Avenida de Mayo, passando pela avenida 9 julho até a praça do Congresso.
4) Caminhamos para o Teatro Colón…visita guiada…muito bom…não conhecia o teatro por dentro.
Há visitas guiadas ao Teatro Colón todos os dias, inclusive feriados, das 9h às 17h. Os grupos saem a cada 15 minutos (há saídas em português). Custa 110 pesos.
5) Ida até o Obelisco da av. 9 de Julho….
6) Calle Florida com Galeria Pacífico…
7) Puerto Madero…com ponte das mujeres e visita á Fragata Sarmiento
8) Fim de noite com jantar para encontro com uma família de uma prima de minha esposa que também estava de passagem por Buenos Aires, de novo Cabaña Villegas.

PS: Decidi que não queria ver novamente Caminito/ La Boca. Meu compadre ficou de ir com as filhas num outro dia após a nossa partida de Buenos Aires.

Casa Rosada – Praça de Mayo
Casa Rosada – Praça de Mayo
Congresso em Buenos Aires
Congresso em Buenos Aires
Teatro Colon em Buenos Aires
Teatro Colon

 Uma tarde no bairro Recoleta: no dia que fomos ao outlet, passamos o restante da tarde no charmoso bairro Recoleta e lá perembulamos pela flor metálica e pela praça logo em frente, ao lado da faculdade de direito, depois seguimos para o Centro Cultural da Recoleta, a pequena igreja Nossa Sra. do Pilar, e claro, fomos ao cemitério da Recoleta, onde está o túmulo de Evita Peron. E terminamos o dia tomando uma cerveja gelada no centenário café La Biela.

La Biela em Buenos Aires
Café La Biela na Recoleta

Indo além do centro histórico: Zoo de Lujan, Trem de La Costa e Delta do Tigre

 Zoo de Lujan: Tínhamos várias opções de como chegar ao zoo, que fica na cidade Lujan, distante uns 70 km do centro de Buenos Aires. Optamos pelo mais caro, porém mais prático e com chegada prevista mais cedo – um transfer privado. Custou R$230,00 com 5 horas para visita. Contratei com o Alejandro, cujo contato está no início deste relato. O transfer da Fabebus custava aproximadamente R$80,00, porém com o incomodo de ter que procurar o local de saída, o risco de se perder, etc.

Chegamos logo no horário da abertura do zoo e fomos uns dos primeiros a adentrar a jaula dos leões e dos tigres… Podem falar o que quiserem, que os bichos estão drogados, etc… mas achei o passeio SHOW DE BOLA… foi super tranquilo, não vi nenhum problema no local, pudemos observar os tigrinhos mamando nas cadelas (se você ler a respeito é a forma como eles domesticam os bichos), cadelas dentro das jaulas dos ursos, dos tigres, etc…demos de comer a quase todos os bichos (ursos, leões marinhos, leões (mamadeira), elefantes, guanacos, lhamas, cavalos, etc).

Zoo de Lujan, Argentina
Com os tigres…
Zoo de Lujan, Argentina
Alimentando os ursos

Meu filho ficou encantado (eu também). A minha comadre disse que ninguém da família dela entraria na jaula de leões e tigres. Isto antes da viagem. No dia foi a primeira a entrar. Pesquisei antes e não soube de nenhum acidente no zoo. Isto me encorajou. O taxista que nos levou ao zoo, nos tranquilizou dizendo ser seguro a visita, e que já entrou várias vezes nas jaulas. Muita gente fala mal da comida no zoo… então levamos comida para ganhar tempo, pois ainda tínhamos a visita do Delta do Tigre.

Zoo de Lujan, Argentina
Tigrinho mamando na cadela
Zoo de Lujan, Argentina
Maçã para os elefantes
Zoo de Lujan, Argentina
Meu filho dando leitinho para o leãozão…
Zoo de Lujan, Argentina
Na jaula dos leões

Passeio pelo Delta do Tigre: o mesmo taxista do transfer  para o zoo nos deixou em Tigre. Pagamos mais R$170,00 por esta corrida. Um pouco caro, porém devido ao nosso tempo, foi necessário. Compramos o passeio pelo Delta e fomos comer antes da saída do barco.

A cidade de Tigre, a 30 km do centro de Buenos Aires, fica à beira do Delta do Tigre (entroncamento dos rios Tigre, Luján e Sarmiento). É uma região onde portenhos ricos mantêm casas de campo e praticam esportes náuticos.

A cidade é um polo turístico regional. Vai-se até lá para fazer passeios de barco pelo delta, brincar no parque temático Parque de la Costa e também fazer o circuito cultural e gastronômico do centrinho. É muito fácil embarcar nos passeios pelo delta: basta ir à estação fluvial e comprar seu bilhete. Há várias saídas ao longo do dia, todos os dias; os passeios duram entre uma hora e meia e duas horas.

DICA: Evite ir em dias chuvosos ou muito frios, sobretudo se você planeja passear de barco.

Voltamos pelo “Trem de la Costa” até a Estação Maipú e de lá pegamos um taxi para o Hotel. Esse passeio do Zoo combinado com o Delta do Tigre, só foi possível porque como estávamos no auge do verão, o sol se punha bem mais tarde e tivemos mais hora durante o dia para a aproveitar.

Delta do Tigre, Buenos Aires
Delta do Tigre, próximo a Buenos Aires
Passeios Aquaticos no Delta do Tigre
Muita diversão para moradores no Delta do Tigre

E foi assim nossa viagem por Buenos Aires… Aproveite e leia o relato sobre a Patagônia Argentina.


Você lembrou do seguro viagem? Ele é um dos itens mais importantes da sua viagem. O seguro viagem é obrigatório nos países da Europa que fazem parte do Tratado de Schengen e precisa ter uma cobertura mínima de 30 mil Euros. Nos demais países em que ele não é obrigatório também é recomendável a contratação, já que infelizmente não podemos prever acidentes. Nos Estados Unidos, o custo médico diário de uma internação é muito caro (uns U$2.000). Não esquecendo que o seguro é muito útil nos casos de cancelamento de viagem, extravio de bagagem e assistência odontológica. Faça sua cotação para encontrar o seguro que você precisa. Você pode pagar em até 12x no cartão ou ter desconto no boleto. Nossos leitores ainda recebem um desconto de 5% na hora de pagar. Use o código promocional: VIAJOTECA5.

Comparar

CONTINUE PLANEJANDO SUA VIAGEM AQUI :

–  Reserve seu hotel no Booking.com ( sem taxa de reserva e a maioria dos hotéis oferece cancelamento grátis)

–  Compre seu seguro de viagem na Seguros Promo (faz cotação em 10 ótimas seguradoras)

–  Agende suas excursões e passeios com a Get Your Guide

–  Alugue seu Carro com a RentCars

–  Índice com todos os posts do Viajoteca

Se você fizer sua reserva através dos links aqui da Viajoteca, a gente ganha uma comissão, mas você não paga nada a mais por isso. Essa é uma forma de apoiar a Viajoteca a continuar escrevendo sempre ótimas dicas para você. Obrigada!


5 Comentários
  1. Fernanda Scafi Diz

    Tb fiz uma viagem em família para Buenos Aires – em 18 pessoas! Pais, tios, primos, avós – quase todo mundo! Contei tudo aqui: http://taindopraonde.blogspot.com.br/2013/12/um-feriado-em-familia-em-buenos-aires.html

  2. Antonio Lopes Diz

    Um belo site e de matérias preciosas.

    1. Mirella Matthiesen Diz

      Obrigada Antonio… volte sempre!!! Abs

  3. Joao Paulo Diz

    Gente estive em Buenos aires de 26/06 a 03/07 fechei o translado Ezeiza – Hotel Recoleta com outro Alejandro +54 9 11 6723-8921 ele teve o melhor preco para isso estava la no horario combinado tanto na ida como na volta.
    para os passeios ao lujan e ao Temaiken fui de onibus mesmo, muito mais economico, nao tem perigo nenhum, para os 2 passeios os onibus saem da Plaza italia de frente ao Zoo de Buenos Aires.

    Temaiken o onibus custa 60 pesos ida e volta, a empresa é a Costhera metropolitan e vai direto para o zoo, demora em torno de 45 min.
    Lujan o onibus custa 29 pesos é a linha 57 da Atlantida e ele demora em torno de 2 horas para chegar no zoo ja que é uma linha de onibus normal.

    1. Mirella Matthiesen Diz

      Obrigada pelas dicas João Paulo 🙂

Comente Aqui

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.