Dicas de Viagem

Zhouzhuang: Visitando a Veneza da China

20

Zhouzhuang: Visitando a "water town" mais antiga e famosa da China

A vila de Zhouzhuang é uma das mais antigas, populares e turisticamente exploradas water towns ou “cidades aquáticas” do delta do rio Yangtze no leste da China. Zhouzhuang - A Veneza Chinesa

Localizada na província de Jiangsu entre Shanghai e Suzhou, Zhouzhuang pode ser definida como o arquétipo de uma vila quintessencialmente chinesa.

Assista ao vídeo acima  para entrar no clima de Zhouzhuang. Se curtir de um like e curta nosso canal.

Além de render ótimas fotos e ser uma experiência cultural muito interessante, principalmente para quem só visitou as grandes cidades da China. Zhouzhuang é um excelente passeio de bate e volta à partir de Shanghai (80km), Suzhou(30 km), e até mesmo Hangzhou (150 km).

Zhouzhuang - A Veneza Chinesa

O que o torna Zhouzhuang um lugar tão especial e popular, tanto entre turistas estrangeiros como turistas chineses, são seus bem preservados edifícios e pontes antigas. Resquícios dos tempos das dinastias Ming e Qing quando Zhouzhuang tornou-se um centro de distribuição de alimentos, seda, cerâmica, artes e artesanato no sul da China.

Lanternas Chinesas em Zhouzhuang - A Veneza Chinesa

Tudo isso, envolto por um peculiar meandro de canais, onde também encontramos vários restaurantes e inúmeras lojinhas de comidinhas e artesanato. Os quais combinados, criam um pitoresco e bem preservado cenário, que vai de encontro com aquela China que muitos de nós temos em nosso imaginário.

Zhouzhuang - A Veneza Chinesa

Em Zhouzhuang, além de comtemplar a arquitetura caminhando por suas ruelas. O visitante pode (e deve) embarcar em um barquinho, uma espécie de gôndola tipicamente chinesa, para fazer um passeio pelos seus lindos canais, lagos e lagoas. Não é por acaso que Zhouzhuang muitas vezes é apelidada por algumas pessoas como a “Veneza da China”.

Barquinhos em Zhouzhuang - A Veneza Chinesa

Com uma arquitetura simples e bem preservada, a história de Zhouzhuang remonta a mais de 900 anos atrás. Hoje, cerca da metade das mais de 1000 residências encontradas em Zhouzhuang foram construídas durante o tempo das dinastias Ming e Qing.

Zhouzhuang - A Veneza Chinesa

Além de podermos observar diferenças arquitetônicas nas casas contruídas entre estes dois períodos, encontramos ainda cerca de 100 pátios e jardins clássicos e aproximadamente 60 arcadas entalhadas em tijolos, muitas delas em uso até os dias de hoje.

Zhouzhuang - A Veneza Chinesa

Apesar de cada vez mais turística, muitos habitantes vivem até hoje em Zhouzhuang e dependem diretamente dos canais que cortam o vilarejo para continuar fazendo as suas atividades diárias sobre a água.

Zhouzhuang - A Veneza Chinesa

Veneza da China: Explorando os canais de Zhouzhuang e suas pontes de pedra

Os canais que cortam Zhouzhuang têm muitas pontes de pedra, e várias delas são super antigas. Cerca de 14 delas foram construídos na era imperial chinesa a pelo menos 150 anos atrás ou mais. Representantes destas pontes antigas vale destacar as Pontes duplas, a Ponte Fu’an, a Ponte Zhenfeng e a Ponte Fuhong.

Pontes de cZhouzhuang - A Veneza Chinesa

As pontes duplas: as pontes gêmeas de Shide e de Yong’an foram construídas entre 1573 e 1619. Cada ponte tem uma abertura quadrada e uma redonda que se parecem com chaves antigas. E por isso são também conhecidas como Key Bridges.

A Ponte Fu’an é a ponte original mais antiga de Zhouzhuang. Ela foi construída em 1355 durante a era da Dinastia Yuan.

A ponte Zhenfeng está na foz do rio Zhongshi. Foi construído nas dinastias Ming e Qing e está bem preservada até os dias de hoje.

A maioria das residências de Zhouzhuang são construídas ao lado de canais ou lagos. O Baixian River corre ao norte de Zhouzhuang e os principais canais correm no sentido leste a oeste. Ao redor de Zhouzhuang existem vários lagos, onde você também pode passear de barco. Os maiores são o Lago Dianshan, o Lago Cheng e o Lago Yuan.

Prédios antigos de Zhouzhuang: Uma viagem pelas dinastias Ming e Qing

Esta cidade medieval tem uma história que se extende por mais de 900 anos. Muitas das casas e pontes que podemos visitar hoje em Zhouzhuang foram construídas nas dinastias Ming (1368-1644) e Qing (1644-1911).

Casa de Shen é uma destas residências. Localizada ao sudeste da ponte de Fu’an na rua de Nanshi. Shen Benren, foi um rico comerciante da cidade e construiu esta casa em 1742. O complexo possui ao todo sete pátios, cinco arcos e mais de 100 quartos. Abrange uma área de aproximadamente 2.000 metros quadrados. Há um portão e um cais privativo para as gondolas atracarem.

Casa de Zhang está ao sul da Twin Bridge na Rua Beishi. Foi construído entre 1436 e 1449 e cobre 1.800 metros quadrados. A casa tem seis pátios e mais de 70 quartos. Uma espécie de piscina quadrada foi construído no meio do complexo. É um importante edifício histórico da dinastia Ming em Zhouzhuang.

Residência de Ye Chucang: Ye Chucang (1887-1946) era um poeta e um estadista. Ele era conhecido por organizar um grupo de jovens para afastar as pessoas do jogo e do ópio. Sim a China tinha um problema muito sério com o ópio. Tanto que a história de Hong Kong e o domínio britânico sobre a cidade, está diretamente ligado ao ópio. Ye Chucang Residence está localizada na rua Xiwan e tem cinco pátios. O Salão Principal era seu estúdio, e o Salão de trás era um lugar onde ele recebeia os amigos.

Comprinhas em Zhouzhuang

Com quase mil anos de história, os habitantes de Zhouzhuang mantiveram um estilo de vida único, bem como artesanato requintado. Como uma típica water town do delta do rio Yangtze, Zhouzhuang tem muitos artigos produzidos em seda, bordados típicos de Suzhou, artigos de cestaria em Bambu, pinturas retratando a paisagem local em Nanking e vários outros artesanatos. Desde os mais cafonas até itens mais requintados.




Na Zhenfeng Street é onde você irá encontrar muitas lojas tradicionais e casas de chá que dividem o espaço com lojas de medicamentos fitoterápicos, ateliers de artistas locais, lojas de leques, loja de produtos em seda, lojas de cestarias e artigos feitos de bambu.

Visitar essas lojinhas na Zhenfeng Jie贞丰街 é parte da experiência. Lembre que se for comprar algo quase sempre dá para barganhar um pouco no preço e prestar atenção para não ser ludibriado. Por sinal a Zhenfeng Jie é também conhecida como a Rua Cultural ou 文化街 Wenhua Jie em Mandarin.

Zhouzhuang na prática

Zhouzhuang fica ao sul das principais rotas entre Shanghai e Suzhou. Está localizada à cerca de 60-80 quilômetros de Shangai e a 30 quilômetros de Suzhou. Quando visitei o local fui de carro com motorista particular. Essa com certeza é a opção mais fácil e conveniente para se chegar até Zhouzhuang, mas pelo que andei pesquisando para escrever esse post é possível chegar até lá combinando outras formas de transporte como ônibus, trem e taxi.

Zhouzhuang não tem aeroporto, mas os viajantes interessados em visitar o local podem chegar ao local através dos aeroportos de Shanghai (Hongqiao e Pudong), ou através do aeroporto de Hangzhou (Xiaoshan) ou ainda através do pequeno aeroporto internacional de Suzhou (Sunan Shuofang) e, em seguida, pegar um carro ou ônibus para Zhouzhuang.

As principais estações de trem nas proximidades de Zhouzhuang são Shanghai, Shanghai Hongqiao e Suzhou. Zhouzhuang em sí não tem estação ferroviária. A Estação Ferroviária mais próxima de Zhouzhuang é a estação ferroviária e de Kunshan. Ela por sinal está na rota da ferrovia de alta velocidade Pequim-Shanghai. Assim como na ferrovia intermunicipal Shanghai-Nanjing e os trens que passam e param por alí servem a maioria das principais cidades chinesas, incluindo o trem de bala de Hangzhou para Shanghai.

Da estação de Kunshan, pegue o ônibus 88 ou 111 para New Passenger Station, que demora cerca de 15 minutos, e depois pegue um outro ônibus de 1 hora para Zhouzhuang. Alternativamente, com cerca de CNY 120, você pode pegar um táxi direto da estação de Kunshan para Zhouzhuang.

Para quem estiver vindo de Hangzhou, alternativamente pode descer na estação ferroviária de Jiaxing e pegar um ônibus ou taxi até Zhouzhuang para encurtar um pouco do trajeto ferroviário. Eu pessoalmente não testei essas dicas, mas se a opção do carro com motorista particular não funcionar para você. Combinar o tem com o táxi a partir de Kunshan me parece ser uma ótima alternativa.

A Estação Rodoviária de Zhouzhuang está perto do estacionamento e da parte antiga da cidade, cuja parte histórica tem apenas cerca de 2 km de extensão. De modo que os táxis, são dificilmente necessários, a menos que caminhar seja um problema.

Veículos, incluindo bicicletas, não são permitidos na parte turística de Zhouzhuang porque as ruelas são muito estreitas. O único transporte disponível é o barco, o qual custa entre 80-100 yuans por embarcação e para até 6 pessoas. Os barquinhos na maioria dos casos fazem trajetos pre-estabelecidos pelos canais da cidade.

Para visitar Zhouzhuang é necessário comprar um ingresso. O bilhete diurno custa: CNY 100 (entrada para a cidade e entrada em 15 pontos turísticos). Já o Bilhete noturno: CNY 80 (entrada depois das 16:00 e duas vistas: Shen House e Zhang House). A entrada é gratuita para crianças menores de 1.4 metros de altura. Depois das 21:30 você pode visitar a cidade sem comprar ingresso caso resolva passar uma noite na região.

A melhor época do ano para visitar Zhouzhuang é com certeza a primavera (abril / maio) e outono (setembro / outubro). Eu tentei sair bem cedinho de Shanghai para evitar as hordas de turistas que começam a brotar de todos os lados por volta das 10:00-11:00 da manhã. Nos chegamos por volta das 08:30 e tenho que dizer que logo cedinho pela manhã e creio que ao anoitecer são os momentos mais encantadores do dia para visitar Zhouzhuang.

Eu visitei Zhouzhuang em Maio numa segunda feira que caiu durante o feriado do Dragon Boat Festival. Assim que chegamos a cidade estava tranquila e muito agradável. A medida que o dia foi passando a cidade foi ficando cada vez mais cheia. Então minha dica é tente visitar durante os dias da semana e fora dos feriados chineses para uma melhor experiência porque as multidões de chineses perturbam a paz e a graça do lugar. Isso sem falar que na maioria das vezes arruínam as nossas fotos.

Apesar de Zhouzhuang ser um típico passeio de bate e volta à partir de Shanghai, se tivesse oportunidade adoraria passar uma noite pela região para ficar até o anoitecer e ir bem cedinho para tirar fotos. A boa notícia é que acabou de abrir um Pullman Hotel da rede Accor em Zhouzhuang cuja propaganda vi num outdoor na cidade.Espero que vocês tenham gostado do post e das fotos. Se você já conhece Zhouzhuang diga o que achou da cidade. Se você ainda não conhece conte para a gente o que achou de mais interessante sobre esse lugar.

Zhouzhuang

Toda vez que você reserva algo por algum link aqui do blog, recebemos uma pequena comissão. Você não paga nada a mais por isso e ainda ajuda o blog a se manter sempre atualizado e com novas dicas de viagem. Obrigado!!


Você lembrou do seguro viagem? Ele é um dos itens mais importantes da sua viagem. O seguro viagem é obrigatório nos países da Europa que fazem parte do Tratado de Schengen e precisa ter uma cobertura mínima de 30 mil Euros. Nos demais países em que ele não é obrigatório também é recomendável a contratação, já que infelizmente não podemos prever acidentes. Nos Estados Unidos, o custo médico diário de uma internação é muito caro (uns U$2.000). Não esquecendo que o seguro é muito útil nos casos de cancelamento de viagem, extravio de bagagem e assistência odontológica. Faça sua cotação para encontrar o seguro que você precisa. Você pode pagar em até 12x no cartão ou ter desconto no boleto. Nossos leitores ainda recebem um desconto de 5% na hora de pagar. Use o código promocional: VIAJOTECA5.

Comparar

CONTINUE PLANEJANDO SUA VIAGEM AQUI :

–  Reserve seu hotel no Booking.com ( sem taxa de reserva e a maioria dos hotéis oferece cancelamento grátis)

–  Compre seu seguro de viagem na Seguros Promo (faz cotação em 10 ótimas seguradoras)

–  Agende suas excursões e passeios com a Get Your Guide

–  Alugue seu Carro com a RentCars

–  Índice com todos os posts do Viajoteca

Se você fizer sua reserva através dos links aqui da Viajoteca, a gente ganha uma comissão, mas você não paga nada a mais por isso. Essa é uma forma de apoiar a Viajoteca a continuar escrevendo sempre ótimas dicas para você. Obrigada!


20 Comentários
  1. Viviane Carneiro Diz

    Nossa… que lugar mais incrível. Deve ter sido uma experiência super interessante conhecer uma cultura tão diferente da nossa. Adorei o post!

    1. Oscar Augusto Risch Diz

      Legal que você curtiu! Obrigado pela visita

  2. Gabriela Torrezani Diz

    Adorei conhecer a “veneza da china”! a arquitetura típica e a beleza dos canais me encanta! e obrigada pela parte prática, ajuda demais no planejamento da viagem.

    1. Oscar Augusto Risch Diz

      Com certeza.. A parte prática para se virar na China é digamos fundamental quando a gente não fala a lingua local.
      Obrigado pela visita e legal saber que você gostou.

  3. Az.Wanderlust Diz

    Que lugar fantástico, Oscar!
    Não conhecia e adorei o passeio virtual! Deu mais vontade de acrescentar na lista…

    1. Oscar Augusto Risch Diz

      Que legal que você adorou o passeio. A China ainda é um destino muito pouco conhecido por todos nós.

  4. carlaalexmota Diz

    Já fui cinco vezes à China e ainda não tive tempo de visitar esta cidade. Está na minha lista mas a China é mesmo um mundo, um mundo maravilhoso.

    1. Oscar Augusto Risch Diz

      Verdade… A China é um mundo.. Estou até estudando Mandarin para poder me aventurar mais pelo país. Além de Zhouzhuang existem várias outras “watertowns” interessantes de serem visitadas.. outra que eu visitei e achei bem legal e que fica mais perto de Shanghai foi Zhujiajiao.. Uma hora dessas escrevo sobre lá também. Abs

  5. Leo Vidal Diz

    Caramba, que diferente! Não conhecia esse lugar da China, muito interessante ver que as pessoas usam a água para tarefas domésticas. Quando for a China quero conhecer.

    1. Oscar Augusto Risch Diz

      Bem diferente mesmo!!! Na verdade acho que essa é a China que muito de nós temos em nosso imaginário. Quando for para o leste da China, vale a pena dar um pulinho lá. Abs

  6. quartodeviagem Diz

    que cidade fofinha, nunca fui à China, mas com certeza quero conhecer. A China é um lugar tão transcendental que fica difícil não querer ir até lá!

    1. Oscar Augusto Risch Diz

      É muito fofinha mesmo!! Quando visitar a região de Shanghai na China, vale a pena tentar dar um pulinho lá. Deve ser legal chegar bem cedinho quando a maioria dos turistas ainda não chegou.

  7. Dhebora Diz

    Gente, eu não conhecia esse lugar! Fiquei apaixonada por essa Veneza Chinesa! Linda! Que lugar aconchegante!

    1. Oscar Augusto Risch Diz

      Muito simpática né?! Obviamente não é tão grandiosa como a verdadeira Veneza, mas tem uma atmosfera muito apaixonante mesmo.. A única coisa ruim é o cheiro de Stinky Tofu em algumas barquinhas de comida e a quantidade de gente na china.. Fora isso é um baita passeio

  8. Uma Veneza Chinesa? Impossível não associar. Lindo destino e passeio muito interessante. Boas dicas!

    1. Oscar Augusto Risch Diz

      Pois é!! Claro que não é tão imponente e grandiosa como a original e com o desenvolvimento da China nos últimos 50 anos muito acabou se perdendo muita coisa, mas mesmo assim vale o passeio.

  9. Analuiza (Espiando Pelo Mundo) Diz

    Este me parece, por suas fotos e explicações, o tipo de local onde vou gostar de estar, conhecer, observar, ver, passear… cultura e arquitetura, história… tudo preservado e muito diferente do que estou acostumada!

    1. Oscar Augusto Risch Diz

      É bem diferente mesmo!! Eu já estou digamos que acostumado depois de morar em Singapura e aqui em Hong Kong, mas para quem nunca veio à Asia é como se você estivesse em um outro planeta. Muito legal na verdade!!

  10. Brenda Rodrigues Diz

    Olá, você achou que valeu a pena ir de carro??

    1. Oscar Augusto Risch Diz

      Super valeu a pena!!! Carro te leva sem stress e perrengue até o local!! Vale a pena investir

Comente Aqui