Dicas de Viagem

Novidades sobre o visto chinês

Mudanças no Visto Chinês
10

Mudanças no visto chinês

Ótimas notícias para quem está planejando em viajar para a Ásia e gostaria de visitar a China. À partir do próximo 1o de Outubro, o processo de concessão do visto chinês de turismo para brasileiros e chineses ficará mais ágil. Porém, a melhor notícia de todas é que: O prazo de validade do visto chinês passa de três meses para até cinco anos.

Visto Chinês
Visto Chinês

A mudança nas regras de concessão dos vistos de turismo para brasileiros e chineses é resultado do encontro bilateral entre os dois países. Num encontro ocorrido no início deste mês em Beijing, e às vésperas do encontro dos BRIC’s em Xiamen na província de Fujian.

A oficialização do acordo de facilitação de vistos de turista entre o Governo da República Federativa do Brasil e o Governo da República Popular da China ocorreu no Brasil nesta última segunda-feira (11/09/2017) com a publicação da portaria no Diário Oficial da União.

O acordo que começa a valer a partir do próximo 1º de Outubro de 2017, prevê um prazo de validade de até cinco anos para as vistos concedidos à brasileiros e chineses que viajam para turismo ou para visitar familiares. Antes do acordo, o prazo para a maioria dos vistos de turismo era de três meses com um teto máximo de 1 ano.

O acordo também determina que as embaixadas e repartições consulares dos dois países se esforçarão para emitir os vistos em até cinco dias úteis, à partir da solicitação do mesmo. O acordo, no entanto, não altera o tempo máximo de permanência, que segue nos 90 dias prorrogáveis por mais 90 dias.

As regras do acordo entre os ministérios das relações exteriores do Brasil e China seguem o principio da reciprocidade e devem beneficiar os viajantes dos dois países.

No entanto, o acordo mira principalmente nos turistas chineses. Com 135 milhões de viajantes em 2016, a China é a maior fonte de turistas internacionais no mundo desde 2012, segundo a Organização Mundial de Turismo (OMT).

O Brasil esta acordando, meio tarde na verdade, para o potencial destes turistas. Países como Nova Zelândia, Austrália, Canadá e afins, já tem nos chineses um dos top 3 principais grupos de turistas que visitam seus respectivos países. Os chineses que viajam ao exterior também são os turistas que mais gastam hoje em viagens, à frente dos americanos, alemães, britânicos, franceses e porque não…brasileiros nos EUA .

Em 2016 (ano de olimpíadas), pouco mais de 50 mil turistas chineses desembarcaram no Brasil. O número é bem menor do que o dado mais recente sobre o número de visitantes brasileiros na China: Em 2015 cerca de 93 mil turistas brasileiros visitaram o país.

Carimbos de entrada e saída na China
Carimbos de entrada e saída na China

Lembrando que apesar de serem parte da China, turistas brasileiros que visitam Hong Kong e Macau (Regiões administrativas especiais da China), não necessitam de visto e podem ficar nestas cidades por até 90 dias.

Além disso, desde 1 de Janeiro de 2013, brasileiros em trânsito por até 72 horas em Beijing e Shanghai, não necessitam aplicar para o visto chinês. Lembrando que com essa permissão de entrada por até 72 horas o turista não pode deixar essas cidades. Para saber mais sobre o assunto acesse este link da Embaixada da República Popular da China no Brasil.

Apesar de a China ser o segundo maior parceiro comercial do Brasil, a Air China é a única Cia aérea a conectar diretamente o Brasil e a China com 2 frequências semanais com escala em Madrid na Espanha voando com o 787-9.

Informações úteis sobre a obtenção do visto chinês no Brasil

O novo acordo sobre a emissão de vistos de turismo assinado entre os governos da China e Brasil, estabelece múltiplas entradas com período de estada de 90 dias, renováveis por até outros 90 dias, a cada 12 meses.




Ainda neste acordo, o Ministério do Turismo também credenciou 316 agências brasileiras para receberem turistas chineses em 2017, em cumprimento à legislação brasileira e a determinações do governo da China.

O serviço de concessão de vistos para a China no Brasil é feito através do serviço consular chinês no Brasil e este atende por jurisdições de acordo com o estado de residência do solicitante.

O Consulado Geral da República Popular da China em São Paulo, atende aos pedidos do estado de São Paulo, Paraná, Rio Grande do Sul e de Santa Catarina.

O Consulado da República Popular da China no Rio de Janeiro, atende aos pedidos do estado do Rio de janeiro, Espirito Santo, Minas Gerais e Bahia.

O Consulado da República Popular da China em Recife, atende aos pedidos dos estados do Nordeste (exceto Bahia)

A Embaixada da República Popular da China em Brasília, atende aos pedidos da região Norte e Centro-Oeste do Brasil.

Para maiores informações à respeito da Obtenção do visto Chinês no Brasil consulte o site da Embaixada da Republica Popular da China no Brasil.



Booking.com

Toda vez que você reserva algo por algum link aqui do blog, recebemos uma pequena comissão. Você não paga nada a mais por isso e ainda ajuda o blog a se manter sempre atualizado e com novas dicas de viagem. Obrigado!!


Você lembrou do seguro viagem? Ele é um dos itens mais importantes da sua viagem. O seguro viagem é obrigatório nos países da Europa que fazem parte do Tratado de Schengen e precisa ter uma cobertura mínima de 30 mil Euros. Nos demais países em que ele não é obrigatório também é recomendável a contratação, já que infelizmente não podemos prever acidentes. Nos Estados Unidos, o custo médico diário de uma internação é muito caro (uns U$2.000). Não esquecendo que o seguro é muito útil nos casos de cancelamento de viagem, extravio de bagagem e assistência odontológica. Faça sua cotação para encontrar o seguro que você precisa. Você pode pagar em até 12x no cartão ou ter desconto no boleto. Nossos leitores ainda recebem um desconto de 5% na hora de pagar. Use o código promocional: VIAJOTECA5.

Comparar

CONTINUE PLANEJANDO SUA VIAGEM AQUI :

–  Reserve seu hotel no Booking.com ( sem taxa de reserva e a maioria dos hotéis oferece cancelamento grátis)

–  Compre seu seguro de viagem na Seguros Promo (faz cotação em 10 ótimas seguradoras)

–  Agende suas excursões e passeios com a Get Your Guide

–  Alugue seu Carro com a RentCars

–  Índice com todos os posts do Viajoteca

Se você fizer sua reserva através dos links aqui da Viajoteca, a gente ganha uma comissão, mas você não paga nada a mais por isso. Essa é uma forma de apoiar a Viajoteca a continuar escrevendo sempre ótimas dicas para você. Obrigada!


Comente Aqui

10 Comentários
  1. Mapa na Mão Diz

    Ótimo post e boa notícia. Já deixamos de comprar passagens para determinados destinos por causa do visto. Às vezes por ser muito caro, às vezes por ser demorado ou complicado. Que bom que facilitaram um pouco as coisas, até porque a China está na lista. Obrigada.

    1. Oscar Augusto Risch Diz

      Eu concordo com você.. Esse é uma dos principais motivos pelos quais não fui ainda para Taiwan e Japão, mesmo morando aqui do ladinho em Hong Kong. O visto chinês eu até cheguei a fazer porque estudando chinês e sempre é bom ir para China praticar, mas esse negocio de visto de 3 meses era um saco.. No meu caso foi assim, a primeira vez me deram 1 mês, na segunda vez 3 meses, na ultima vez 6 meses. Agora se Deus quiser aplico no inicio de Outubro e ele será válido por 5 anos.

  2. Fabio Jr. Alves Diz

    Post super completo e ótimas notícias para os brasileiros. Vou compartilhar agora mesmo e vou guardar este passo-a-passo para futuras pesquisas!

    1. Oscar Augusto Risch Diz

      Boas noticias mesmo!! Seria ainda melhor se fizessem como Hong Kong que não existe visto, mas só pelo fato de ter que aplicar para o visto uma vez a cada 5 anos já estamos realmente no lucro.

  3. desbravandomadrid Diz

    Que ótimo! Um país que ficou mais fácil para visitar para quem tem passaporte brasileiro! Por certo… há muitos brasileiros a viajar para a aChina?

    1. Oscar Augusto Risch Diz

      Com certeza.. Segundo os últimos dados divulgados pela China foram cerca de 96.000. A grande vantagem é que agora o visto tem validade maior e múltiplas entradas.

  4. amamelo Diz

    Realmente, vai facilitar – e muito – a vida das pessoas que vão para lá. Obrigada pela dica!

    1. Oscar Augusto Risch Diz

      Podia ser o Visa on Arrival, mas so pelo fato deles extender a validade do visto de 3 meses para até 5 anos já é um baita avanço.

  5. Rafaella Diz

    ótima noticia. Melhor se não existisse visto. rs Mas só pelo fato de ter que aplicar para o visto uma vez a cada 5 anos já está ótimo!

    1. Oscar Augusto Risch Diz

      Com certeza!! Já quebra um super galho, mas se não tivesse visto seria ainda melhor!!