Rafting em Brotas

Rafting em Brotas, pura emoção e aventura!

O interior de São Paulo é palco de uma imensidão de passeios legais para se fazer, e sempre que estou no Brasil, tento reunir a família para aproveitar a região de São Carlos (minha cidade natal). Dessa vez, resolvemos curtir um pouquinho de adrenalina e fomos fazer rafting em Brotas, uma das capitais do Brasil de turismo aventura!

Certamente, foi uma super aventura e todos nós nos divertimos MUITO! Eu super recomendo para todos. Entretanto, se você vem de um pouco mais longe, não deixe de se organizar antes. Inclusive, durante as férias escolares e especialmente aos finais de semana, recomendo reservar com antecedência. Aliás, sempre é bom dar a dica que comprando online, costuma ter desconto. Então, melhor ficar esperto, né?!

Ah, não esqueça também de fazer sua cotação de aluguel de carro com antecedência. Além de também garantir sua hospedagem em Brotas!
.


>> Dicas do interior de SP: Caminho do queijo artesanal Paulista

>>Museu Casa Portinari em Brodowski – pertinho de Ribeirão Preto


Rafting em Brotas
Essa da frente de boca aberta, sou eu (risos)

Rafting em Brotas

Sem dúvida, você vai achar várias empresas que fazem esse passeio. Mas como já havíamos feito com a Alaya no ano retrasado e a experiência havia sido positiva, não tivemos dúvida de contatá-los de novo. Então, reservamos nossos lugares com eles. Inclusive, a Alaya também é referência no setor e apesar de não ter grande perigo fazer rafting em Brotas. Entretanto, eu sempre prefiro fazer com empresas de renome e que prezam pela segurança.

Abaixo vou contar um pouquinho de como foi o passo a passo dessa passeio de rafting em Brotas, e acho que vou te animar. Vem comigo!

> Se preparando para o rafting

Depois de eu ter feito a reserva online, fui orientada a chegar com pelo menos 30 minutos de antecedência para assinar o contrato. Pois é importante ler as regrinhas (as atividades são certificadas em Gestão da Segurança pela ISO) e ainda efetuar o pagamento (caso ainda não tenha feito).

Não deixe de levar os seguintes itens para o rafting:

  • Sapato fechado tipo tênis (pode alugar se não quiser usar/molhar o seu)
  • Roupa que possa molhar
  • Roupa para troca
  • Repelente
  • Filtro solar

IMPORTANTE: Somente passageiros acima de 1,20m podem se aventurar nesse rafting em Brotas.

A empresa que a gente contratou, a Alaya, tem banheiro com chuveiros. Então, quem quiser tomar banho depois do rafting tem como fazr. Apesar de que eu achei o espaço feminino um pouco pequeno, especialmente pela quantidade de barcos que desceram o rio nesse dia. Mas como nem todo mundo usa, no final deu tudo certo.

Aula teórica

Depois de todos os documentos assinados e pagamento efetuado, somos encaminhados para o fundo do estabelecimento. Então, eles nos deram as instruções básicas. Entre elas, aprendemos algumas técnicas de como pegar na pá. Assim como aprendemos quais os comandos dos instrutores para seguirmos durante a descida. Além disso, nos ensinaram como proceder caso alguém caia do barco.

Tudo rapidinho, sem grandes firulas. Mas é super importante prestar atenção, pois na hora do “vamos ver”, melhor saber o que fazer!

Então, os instrutores distribuem os capacetes e os coletes. Depois disso, todos são encaminhados para o ônibus (tipo escolar) que nos leva até o pesqueiro. Então, chegamos no nosso real ponto de partida dessa aventura.

Aula de Segurança na água

Chegando no pesqueiro fazemos um leve alongamento e ainda nos indicam qual será nosso instrutor. Finalmente, lá vamos nós pegar o bote para o primeiro contato com água.

Nesse treinamento aprendemos a remar para frente, para os lados, dar ré e seguir o comando principal “piso”, que é quando a gente precisa se jogar para dentro do barco. 🙂

Rafting em Brotas
Rafting em Brotas

Ps: gostaria de agradecer as fotos cedidas pela Alaya. Pois, como não levei minha gopro, acabei não registrando nossos momentos do rafting. Aliás, quem quiser comprar as fotos, eles tem esse serviço também. Todas as fotos desse post, foram tiradas pelo time da Alaya. Valeu pessoal!

> Descendo a corredeira rio Jacaré-Pepira

Piso, direita, esquerda, frente, ré! (na prática)

O momento mais esperado de todo passeio é descer o rio JacaréPepira. Eu que adoro uma aventura, não contive o sorriso, a adrenalina e a expectativa.

Acabei não contando que minha família foi em peso. Ou seja, enchemos 2 botes e fomos em 11 pessoas. Até minha mãe (68 anos) entrou na dança, quer dizer, no rafting! Olha minha galerinha nas duas fotos abaixo.

O nível de desespero depende de cada pessoa, eu particularmente achei tudo tranquilo, mas outras pessoas se assustavam com qualquer queda do rio.

Rafting em Brotas
Rafting em Brotas
Não esqueça do seu seguro de viagem!

Mesmo dentro do Brasil, sempre é importante ter um seguro de viagem. Ainda mais quando vamos fazer esportes de aventura. Então, não deixe de fazer uma cotação e comprar um seguro de viagem!

Qual a melhor época de fazer rafting em Brotas:

Quanto mais cheio o rio, mas rápido e emocionante é o passeio! Então, eu sempre recomendo ir em época de chuva (mas sem relâmpago, claro!).

Dessa forma, o verão, de dezembro a fevereiro, é a época mais chuvosa. Assim sendo, essa é a melhor época de fazer rafting em Brotas. Nesse período a temperatura varia entre 20ºC e 28ºC. A chuva pode atrapalhar para fazer trilhas e algumas atividades, mas o calor convida ao banho de cachoeira.

Nos meses de transição marçooutubro e novembro tem chuvas ocasionais e calor moderado. Outra época interessante de ir, se seu interesse for no rafting.

Ps: assim como a época de chuva é legal para o rafting, muita chuva pode atrapalhar outros tipos de passeio na região. Então, os passeios ficam prejudicados, como as trilhas, rapel, triciclo, andar a cavalo, etc.

outono e o inverno, entre os meses de abril e setembro, são as estações mais secas e friazinhas de Brotas. Dessa forma, se sua intenção é fazer rafting, pode ser que nem as empresas estejam operando devido ao nível baixo do rio.

+ Fotos do nosso Rafting em Brotas para ilustrar:

Rafting em Brotas
Rafting em Brotas
Rafting em Brotas
Rafting em Brotas

> Tirolesa no meio do rafting

O legal de escolher a Alaya é que durante a descida, tem uma paradinha estratégica para uma tirolesa. Os esbeltos, abaixo de 110Kg, podem cruzar o rio do alto!

Muitoooooo legal!!!

Tirolesa São Paulo
Tirolesa em Brotas

> Finalizando o Rafting em Brotas

Depois de muita emoção, corredeiras, tiroleza e roupa molhada, é hora de voltar para casa. O ônibus nos encontra no ponto final e eles nos servem água, suco e uma cachacinha artesanal para esquentar. 🙂

E no final, ficamos com uma lembrança muito especial e sonhando com um breve retorno.

Familia Mirella
Família Mi

Onde ficar em Brotas?

Booking.com

Curtiram nosso rafting?

Muito legal nosso rafting em Brotas, né? Se ficou com vontade tente se organizar para fazer esse passeio com seus amigos, sua família e quem mais se interessar! Eu super recomendo.

Dois restaurantes em Brotas que recomendo são: o italiano Vicino Della Nonna e o restaurante estilo boteco, Brotas Bar. Os dois ficam pertinho da Alaya. Mas não coma muito antes do rafting, por motivos óbvios (risos).

E foi assim nosso dia, espero que tenham gostado das dicas. Aliás, depois me conta ali nos comentários se você foi e como foi a sua experiência!


Clique aqui para mais dicas de passeios pelo Brasil aqui no Viajoteca!


2 respostas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.