Página Principal Rotterdam O que fazer em Rotterdam: todas as atrações imperdíveis!

O que fazer em Rotterdam: todas as atrações imperdíveis!

por Carina Dittrich
0 comment

Rotterdam é uma das cidades mais incríveis da Europa! Vai por mim, você não vai acreditar nos seus olhos ao caminhar pelas ruas da cidade e eu indico muito uma visita a ela. A cidade tem uma atmosfera diferente e uma arquitetura incrível, literalmente é uma grande fênix que ressurgiu maior e melhor das cinzas. Dessa forma, você vai encontrar muito o que fazer em Rotterdam, pois cada esquina é uma surpresa.

Sem dúvida, Rotterdam é uma das cidades europeias com uma arquitetura mais moderna e apresentando diversas construções famosas. Além disso, ela é a segunda maior e mais importante cidade da Holanda, pois ela é a sede do maior porto marítimo da Europa. Ou seja, o que não falta para ela são adjetivos.

A cidade desenvolveu-se de forma moderna após a destruição devastadora na guerra e, portanto, também é considerada a cidade dos arranha-céus da Europa. Por exemplo, o primeiro arranha-céu da Europa fica em Rotterdam! Claro que com seus 10 andares, atualmente, ele é bem pequeno para os padrões de hoje. Mas mais alguns foram adicionados ao longo dos anos.

Então, vamos ver o que ela tem para oferecer?

O que fazer em Rotterdam djedj por Pixabay
Rotterdam Foto: djedj por Pixabay

Leia também:

>> CIDADES NA HOLANDA PARA CONHECER E SE APAIXONAR ♥
>> KINDERDIJK: UM DOS MELHORES LUGARES PARA CONHECER MOINHOS NA HOLANDA
>> O QUE FAZER EM AMSTERDAM


O que fazer em Rotterdam

Rotterdam foi fundada em aproximadamente 1150 e está situada às margens do rio Nieuwe Maas. Inclusive, o seu nome vem da junção das palavras dam (represa) com Rotte, que é um pequeno rio se junta ao Nieuwe Maas no local.

Devido sua ótima localização, a cidade prosperou desde seu início e teve seu apogeu durante a Idade de Ouro holandesa (final do século XVII), quando Rotterdam se tornou um grande centro de transporte marítimo. Mas veio a 2ª Guerra Mundial e ela foi completamente destruída após ser bombardeada em 1940. Então, a cidade teve de reinventar e seus habitantes a reconstruíram para que fosse modelo de planejamento urbano.

Dessa forma, Rotterdam virou a cidade da arquitetura, cheia de prédios inovadores e interessantes. Por isso, o que não falta é o que fazer em Rotterdam, uma cidade nova, mas que conhece suas raízes e feridas, e fez o melhor delas.


Não esqueça do Seguro Viagem! Ele é obrigatório!

Seguro Viagem é obrigatório para entrar em países da União Européia, e ainda, a cobertura precisa ser de no mínimo 30.000 euros.

Onde ficar em Rotterdam

Naturalmente, ficar o mais próximo possível das atrações ajuda bastante, ainda mais numa cidade prática como Rotterdam. Abaixo segue algumas sugestões de hotéis bem localizados e que tem bom custo x benefício para todos os bolsos.

Hotel Unplugged | Mainport Design Hotel | Rotterdam Marriott Hotel | PREMIER SUITES PLUS Rotterdam | citizenM Rotterdam |

Também é legal saber que alguns ícones da cidade dão a possibilidade de se hospedar por lá. Entre elas estão o navio SS Rotterdam, o Hotel New York, as Casas Cubo, onde funciona o Stayokay Rotterdam, e até na torre Euromast!

Casas Cubo Lapis Roterdã

Como se locomover em Rotterdam

Rotterdam é uma cidade relativamente fácil de se conhecer. Definitivamente você pode explorá-la a pé, se quiser. Mas já te alerto que vai ser uma boa pernada! Mas que vale cada passada. 😉

Bicicleta

Claro, como na maioria das cidades holandesas, a bicicleta é o meio de transporte preferido para se locomover. Naturalmente tem serviço de aluguel de bicicletas em quase todas as esquinas. Até mesmo os hotéis muitas vezes até oferecem aluguel de bicicletas.

As ciclovias são muito bem desenvolvidas e estão por todos os lugares e, ao contrário do Brasil, não é perigoso pedalar pela cidade.

Atenção: lembre-se de passar o cadeado da sua bicicleta, pois costuma acontecer muitos roubos de bicicletas no centro.

Transporte público

Rotterdam conta um transporte público eficiente e eles consistem em metrô, ônibus e bondes. A empresa que administra o transporte público em Rotterdam é a RET.

Ao decidir o que fazer em Rotterdam usando o transporte público em apenas para uma curta viagem pela cidade, é melhor comprar passagens individuais e não um cartão com chip. Você vai encontrar bilhetes diários para um, dois ou três dias, e que costumam valer a pena.

Cartão Rotterdam City Card

O Rotterdam City Card é um passe típico para turistas, altamente recomendado para uma visita a Rotterdam. Principalmente porque dá descontos em muitos pontos turísticos e, às vezes, até em restaurantes. Além disso, também está incluído um bilhete diário para o transporte local.

Você pode escolher o passe de 1, 2 ou 3 dias e pode comprar antecipadamente aqui.

Desbrave Rotterdam:

>> Aplicativo de guia e áudio de introdução à cidade

>> Rotterdam: City Card com Passe de Transporte Público

>> Bilhete de transporte público RET de 1 dia em Rotterdam

>> Roterdã: passeio de barco pelo porto

>> Tour guiado de arquitetura em Rotterdam

Qual a melhor época para visitar Rotterdam

Apesar de a cidade ter atrações abertas o ano inteiro, acredito que a melhor época para viajar para Rotterdam é no fim da primavera e começo do verão, mais precisamente entre junho e agosto. Pois neste período, você vai encontrar temperaturas de até 22 graus, e assim você pode passear pela cidade sem passar calor e ainda aproveitar os dias mais longos para passear ao ar livre no Maas.

Os meses de transição na primavera e no outono também são muito agradáveis, quando o turismo ainda não está a todo vapor. No entanto, você tem que contar com um ou outro dia chuvoso. Mas não esqueça que é no começo da primavera que as flores estão no seu auge no país e é a melhor época para visitar os campos de tulipas.


+ COMO VISITAR OS CAMPOS DE TULIPAS NA HOLANDA

+ PARQUE KEUKENHOF 2023 | PARQUE DAS TULIPAS NA HOLANDA


Centro de Rotterdam e Maritiem District

Rotterdam Centraal

A Rotterdam Centraal é a principal estação de trem de Rotterdam. O edifício moderno em forma de cunha foi inaugurado em 2014 e desde então ganhou vários prêmios de arquitetura. A nova estação principal também é conhecida como “Estação Kapsalon”. Aliás, “Kapsalon” é uma especialidade de fast food de Rotterdam, basicamente uma mistura de batata frita, shoarma, salada, molho e queijo.

Assim como Amsterdam, a estação central de trens de Rotterdam fica super bem localizada e é um excelente ponto para começar um passeio pela cidade. Até porque existem alguns estacionamentos nas proximidades e mesmo que você chegue de carro, é um bom ponto para estacionar e começar seu tour pela cidade.

rotterdam centraal Rudy and Peter Skitterians por Pixabay
Vista saindo da Rotterdam Centraal – Foto: Rudy and Peter Skitterians por Pixabay

Chinatown

O bairro chinês de Rotterdam fica bem próximo da estação central de trem e vale a pena dar uma passadinha. Então, para chegar lá, siga reto na rua em frente à estação de trem e dobre a esquerda no primeiro cruzamento.

A Chinatown de Rotterdam é a maior da Holanda e está localizada na área de Kruisplein. Em comparação com a Chinatown de Amsterdam e de Haia, esta é menos turística e talvez mais funcional. Ou seja, atende às necessidades dos residentes, com muitos restaurantes típicos, supermercados que oferecem produtos chineses, confeitarias chinesas, médicos tradicionais chineses e até acupunturistas.

Ponte Luchtsingel

A ponte foi construída para conectar o centro da cidade e Rotterdam Noord, que anteriormente eram separados por uma linha férrea. A conexão ajudou a revitalizar o bairro ao redor da principal estação ferroviária.

Os três braços de madeira da ponte amarela se estendem por 390 metros e lembram os longos tentáculos de um polvo vistos de cima.

Stadhuis – Prefeitura de Rotterdam

O prédio da prefeitura de Rotterdam é um dos poucos edifícios antigos ainda existentes no centro da cidade. Ele foi construído entre 1914 e 1920, em estilo Art Deco e milagrosamente sobreviveu aos bombardeios de 1940.

Não deixe de prestar atenção neste prédio, pois a história do porto de Rotterdam está contada em esculturas que ficam ao redor da prefeitura. Assim, ao caminhar ao redor do prédio, você vai ver várias esculturas que expressam uma variedade de valores e virtudes. Ainda, você pode entrar nas áreas públicas do prédio e dar uma olhada. Infelizmente, alguns salões, como o Burgerzaal, ficam fora dos limites de visita.

Por fim, a Prefeitura também tem um campanário com carrilhão que toca algumas vezes por dia.

prefeitura de roterda Mark de Rooij por Pixabay

A praça Stadhuisplein, em frente à Prefeitura, é um local de vida noturna agitada. Aliás, a região da rua Meent tem uma série de cafés e restaurantes.

Nieuwe Delftse Poort

Este monumento magnífico no coração de Roterdã lembra o antigo portão da cidade em direção a Delft que foi destruído na 2ª Guerra. Dessa forma, esta estrutura toda em metal foi levantada para mostrar exatamente como era o portão antes da sua destruição. Aliás, esta bela obra de arte gigantesca é um lembrete do que se perdeu com a guerra e está sempre aberta. Fica especialmente lindo à noite, quando as luzes estão ligadas.

ALUGUEL DE CARRO

Koopgoot (área comercial)

A maior área comercial em Rotterdam é ao longo da Lijnbaan, a partir Weena até o Hoogstraat. Na Van Oldebarneveltstraat (à direita) e a Beurstraverse (à esquerda) estão a maioria das lojas de moda e o shopping center “Bijenkorf”. Esta região é conhecida como o Koopgoot (sarjeta compras), que é a mais antiga área comercial (toda para pedestres) em Rotterdam. Este lugar oferece muita variedade de compras, que vão desde mobiliário de ponta até roupas a preços acessíveis. Fora que aqui é um lugar bacana para passear um pouco e ver o movimento da cidade.

O que fazer em Rotterdam Koopgoot

Schielandshuis

Nesta região, fica a Het Schielandshuis, que é um dos mais belos edifícios antigos da cidade, construído em 1665. Apesar de ter sido destruído na 2ª Guerra, ele foi completamente restaurado. Este belo prédio abrigou o museu de história da cidade até 2016, mas hoje é casa do Centro de Informações de Rotterdam.

Rodezand, 26.

Grote of Sint-Laurenskerk

A “Laurenskerk”, ou Grande Igreja de Rotterdam, é um importante símbolo da cidade e a única estrutura medieval na cidade, apesar de ter sido gravemente danificada durante os bombardeios de 1940. Entretanto, em 1952 o povo de Rotterdam decidiu restaurar a igreja, que voltou ao seu esplendor original.

Frequentemente, a Laurenskerk também é chamada de Grote Kerk, que significa “grande igreja”, e é verdade. A igreja é dedicada a São Lourenço, o santo padroeiro de Rotterdam, e primeiramente foi construída entre 1449 e 1525, no período gótico tardio. Ao visitar, não deixe de observar as portas de bronze da igreja, que retratam os horrores da guerra e as alegrias da paz. Ainda, esta igreja conta com o maior órgão da Holanda.

Você pode comprar os ingressos online com antecedência e ter acesso imediato à torre da igreja, de onde vai ter uma bela vista de Rotterdam.

Grotekerkplein, 15.

>> Compre sua entrada para a Laurenskerk aqui! <<

O que fazer em Rotterdam Laurenskerk

Grotekerkplein

Nesta praça, em frente à igreja, está a estátua de Desiderius Erasmus de Rotterdam. É uma bela estátua de bronze do escultor Keijser e datada de 1622. Os idosos da cidade contam para as crianças que Erasmus vira uma página a cada hora.

Markthal

Rotterdam tem o mercado municipal mais moderno da Europa, numa imensa estrutura em formato de túnel. O lugar possui 100 mil m² e aloja também, além do mercado municipal, apartamentos residenciais, lojas, restaurantes e muito mais. O Markthal foi inaugurado em agosto de 2014 e o edifício em si é um bom exemplo de arquitetura moderna de Rotterdam.

Markthal Rotterdam
Interior do Markthal

Mais precisamente, o Markthal é uma quadra coberta que funciona como um grande mercado de alimentos, com várias dezenas de barracas vendendo legumes, carnes, peixes, queijos, nozes e outros alimentos, bem como pequenos restaurantes, supermercados, lojas de bebidas. Naturalmente, o lugar é bem popular entre os moradores e turistas e vive lotado, especialmente nos fins de semana.

Aberto de 2ª a 5ª-feira e sábado, entre 10:00 e 20:00. Já na 6ª-feira, abre entre 10:00 e 21:00. Sendo que aos domingos abre entre 12:00 e 18:00.

Dominee Jan Scharpstraat, 298.


+ MARKTHAL EM ROTTERDAM: O MERCADÃO MAIS MODERNO DA HOLANDA


Saindo do Markthal você vai ver o Blaaktoren (O Lápis), um prédio em formato de lápis e que fica ao lado às famosas Casas Cubo.

Kijk Kubus

As famosas casas cubo são aquela visita que que deve estar na sua lista do que fazer em Rotterdam. Este projeto do arquiteto Piet Blom foi inaugurado em 1984. Ao todo são 32 casas grudadas umas nas outras e inclinadas a 45 graus, e se tornaram as primeiras casas deste tipo na Holanda. Inclusive, uma delas foi transformada em museu que apresenta o projeto as fases de construção. Além deste museu, você vai encontrar mais outros dois alojados nas casas cubo, veja abaixo.

Ainda nestas casas cubo funciona um hostel, o Stayokay Rotterdam, bem interessante para quem pretende dormir por lá.

Diariamente aberto entre 11:00 e 17:00.

Overblaak, 70.

o que fazer em rotterdam Rob van der Vloed por Pixabay
Prédio Lápis e Casas Cubo – Foto: Rob van der Vloed por Pixabay
Kunstkubus

O Art Cube é um lugar onde a arte e a arquitetura se unem, pois numa das casas cubo funciona um museu de arte. Com o layout original intacto, esta casa cúbica é o pano de fundo para o trabalho de vários artistas. Aberto de 5ª-feira a domingo, entre 11:00 e 17:00.

Overblaak, 30.

Schaakstukkenmuseum

O museu das peças de xadrez é um pequeno museu também encontrado nas famosas casas cubo e abriga uma coleção diversificada de jogos de xadrez. A partir de peças antigas chinesas, a coleção vai mostrar diversos tipos de peças de xadrez, entre outros, todos tipos de personagens de desenhos animados.

Diariamente aberto, sendo que de novembro a fevereiro abre entre 11:00 e 16:00. Já entre março e outubro, o museu abre das 11:00 às 17:00.

Overblaak, 94.


>> Excursão Particular em Roterdã com Entrada na Cube House

>> Tour por Rotterdam, Cube Houses, Watertaxi e Markthal

>> Markthal Tour, Meet & Taste e Het Witte Huis


Oudehaven

O Oudehaven, ou seja, o “porto antigo”, foi construído no século XIV, tornando-se o porto mais antigo de Rotterdam. Localizado no centro histórico da cidade, você verá principalmente navios mais antigos e o ambiente é aconchegante.

Neste porto bem localizado encontram-se alguns cafés e restaurantes com mesas na calçada ao longo das docas. Quando o tempo está bom, é um local ideal para deixar o tempo passar e contemplar os edifícios históricos. Ao longo dos anos, a área ao redor de Oude Haven tornou-se popular e conta com uma animada vida noturna e um calçadão.

willemsbrug rotterdam-Rudy and Peter Skitterians por Pixabay
Porto Antigo, Het Witte Huis e Willemsbrug – Foto: Rudy and Peter Skitterians por Pixabay

Het Witte Huis

A Casa Branca de Rotterdam não é uma cópia da famosa Casa Branca de Washington. Afinal, a Casa Branca holandesa foi o primeiro arranha-céu da Europa, construído entre 1897 e 1898. Inclusive, o prédio é uma das poucas estruturas que sobreviveu aos bombardeios de Rotterdam em 1940. Mas um dos lados do prédio, ainda dá para ver os danos causados à estrutura durante a Segunda Guerra Mundial.

O arranha-céu em estilo art nouveau tem 43 metros de altura e dez andares, e 1.000 estacas tiveram que ser marteladas no solo pantanoso para estabilizar sua fundação. Aliás, modernidade das modernidades, ele foi construído com um elevador, o que era raro nos prédios daquele período. Mas a construção da Casa Branca não foi fácil, pois os custos foram maiores do que o esperado e o porto vizinho teve que ser fechado por um tempo. Ainda outro prédio próximo do local das obras desabou durante o estabelecimento das fundações. Por fim, a Casa Branca acabou se tornando um exemplo da ousadia da arquitetura holandesa.

Geldersekade.

Mariniersmuseum

O museu do Corpo de Fuzileiros Navais fica em um edifício histórico no canal Oude Haven e ao lado da Casa Branca. Ele mostra a história dos 340 anos da corporação, bem como o seu papel nos dias de hoje. Especial atenção é dada ao papel heroico do corpo na defesa de Rotterdam em 1940. Ainda pode se notar os buracos de balas nas paredes de pedra.

Abre de 3ª-feira a domingo, entre 09:30 e 17:00.

Wijnhaven, 7-13.

>> De Amsterdã: excursão de 1 dia a Roterdã, Delft e Haia

>> Saindo de Amsterdã: excursão em espanhol a Roterdã e Haia

Willemsbrug

A ponte vermelha que chama atenção aos olhos liga a parte norte à parte sul de Rotterdam. A Ponte Willems tem 318 metros de comprimento e foi inaugurada em 1878. Sendo que ela foi totalmente renovada em 1981. A ponte costumava dominar a paisagem de Rotterdam, sendo, por muito tempo, mais importante ligação sobre o Rio Mosa. Atualmente, a infraestrutura de Rotterdam tem várias outras importantes conexões, como o Maastunnel, que é um túnel com mais de um quilômetro de comprimento, aberto em 1942.

De Verwoeste Stad Statue

Na frente do Museu Marítimo fica a praça Plein 1940, onde se encontra a estátua “The Destroyed City”, de 1953. O artista Zadkine teve a inspiração de fazer a obra quando veio visitar Rotterdam logo após a 2ª Guerra Mundial. A estátua cubista descreve um homem em agonia que acaba de perder seu coração (o símbolo do centro da cidade bombardeada) e ainda evoca sentimentos fortes nos moradores de Rotterdam.

Maritiem Museum Rotterdam – Museu Marítimo de Rotterdam

Certamente, uma cidade com um dos maiores portos do mundo não poderia ter um museu marítimo pequeno. Por isso, o Museu Marítimo de Rotterdam faz jus ao porto e tem mais de um milhão de objetos marítimos. Inclusive, você vai ver diversos barcos antigos e modelos de portos históricos, assim como todo o tipo de experiências interativas.

Particularmente indicado em dias de chuva ou para passeios com crianças, pois o conceito de museu é essencialmente orientado para a participação. O museu também mostra um filme sobre a história do Porto de Rotterdam e permite visitar um navio de 1868. Além disso, você pode ver navios, guindastes de carga e um farol da coleção do museu no porto ao lado.

Aberto de 3ª-feira a domingo, entre 10:00 e 17:00.

Leuvehaven, 1.

>> Museu Marítimo de Roterdã: ingresso sem fila aqui! <<

Museumpark e arredores (Euromast)

Museumpark Roterda djedj por Pixabay
Museumpark – Foto: djedj por Pixabay

Skatepark Westblaak

Cso você ainda não saiba, Rotterdam é a capital do skate na Holanda. Por isso, uma grande pista está localizada no coração da cidade. Diariamente, o skatepark de Rotterdam atrai dezenas de jovens interessados ​em demonstrar os melhores truques sobre seus patins, patins em linha, skates e bicicletas BMX. Uma das coisas legais para fazer em Rotterdam com jovens e crianças.

Naturalmente, o Skatepark Westblaak é palco de vários campeonatos de patinação e skate e eventos todos os anos. No verão acontece o Wednesday Night Skate, que é realizado todas as quartas-feiras de julho e agosto. Assim, milhares de skatistas se reúnem para completar um percurso 13 km pelas ruas de Rotterdam.

Westblaak, 107.

Witte de Withstraat

O Witte de Withstraat é o centro do distrito de Witte de Withkwartier. Por aqui, as pessoas se encontram para passear, sair e para atividades culturais. O lugar é movimentado dia e noite. Realmente, uma multidão diversificada anima os bares e restaurantes locais, onde você também pode sentar na calçada.

Sem dúvida, você encontrará uma grande variedade de cafés e bares, mas também teatros e museus, bem próximos uns dos outros. Aqui você encontrará o Witte de With (centro de arte contemporânea), a Tenda (museu de arte contemporânea) e ainda as galerias de Aanschouw, Ecce e Mama.

Uma dica para uma cerveja à noite entre no Café de Witte Aap, que foi premiado como o melhor bar do mundo pela Lonely Planet em 2009.

Ainda não deixe de dar uma olhada nas ruas laterais, pois você vai encontrar mostras de arte de rua maravilhosa por ali.

Westersingel Sculpture Route

Além dos fantásticos prédios espalhados pela cidade, não deixe de conhecer também a Rota das Esculturas, que fica ao longo do canal Westersingel no centro de Rotterdam. Ali você vai encontrar 14 belas e interessantes esculturas ao longo do bonito canal. Entre elas, estão obras como L’homme qui Marche, de Auguste Rodin e Sylvette, de Pablo Picasso. Esta grande obra de Pablo Picasso foi erguida em 1973 e foi feita com base nos retratos de sua musa Sylvette David. Westersingel.

Rotterdam Museumpark Maxence Werp auf Unsplash
Foto: Maxence Werp / Unsplash

Het Nieuwe Instituut (antigo NAI)

O Het Nieuwe Instituut é o museu que surgiu do NAI (Instituto de Arquitetura Holanda), um museu de arquitetura. Dessa forma, ele abriga modelos elaborados, desenhos, plantas explicando arquitetura antiga e a moderna. Além disso, exposições, eventos e palestras acontecem durante todo o ano estimular o profissional e visitantes. Por fim, o museu também tem uma livraria, arquivos e uma biblioteca para aqueles que desejam se aprofundar no assunto.

Abre de 3ª-feira a domingo, entre 10:00 e 17:00, sendo que nas 5ªs-feiras abre até às 21:00.

Jongkindstraat, 25.

>> Roterdã: excursão a pé pelos destaques da arte e da arquitetura

Chabot Museum

Este pequeno museu está alojado em uma esplêndida villa modernista dos anos 30, quase em frente ao Het Nieuwe Instituut. O museu abriga uma coleção de obras do pintor expressionista Hendrik Chabot. O pintor e escultor é um dos mais importantes expressionistas da Holanda e passou grande parte da sua vida em Roterdã. De pinturas de paisagens a retratos, a arte encontrada aqui é diversificada e, portanto, agrada gregos e troianos.

Aberto de 3ª-feira a sábado, entre 11:00 e 17:00. Já aos domingos abre entre 12:00 e 17:00. 

Museumpark, 11.

Museu Boijmans van Beuningen

Este é um museu de arte fundado na década de 1930 e conta com obras-primas holandesas e europeias do início da Idade Média até a atualidade. Mas o museu está sendo renovado e está fechado até 2029. Entretanto, uma parte da coleção está exposta no Depot Boijmans van Beuningen, que fica próximo.

Este museu incrível tem uma coleção de mais de 140.000 obras de arte, artefatos e design antigos e modernos. A coleção de desenhos e pinturas deste museu é considerada uma das mais importantes do mundo. A maior parte da coleção está em exibição no museu, mas algumas esculturas se encontram no parque de esculturas adjacente.

Entre as obras, podemos encontrar Rubens, Rembrandt, Ruisdael, Van Gogh, Frans Hals, Jan Steen, Kandinsky, Margritte, Dalí, Kokoschka, Leonardo da Vinci e muitos outros. Museumpark, 20.

Kunsthal Rotterdam

O Kunsthal Rotterdam é uma obra de arte em si, pois seu edifício é uma obra-prima arquitetônica de Rem Koolhaas, na qual ele incorporou muitos materiais inovadores e elementos de design bacanas.

Anualmente, o Kunsthal realiza 25 novas exibições, que cobrem todos os tipos de expressões culturais. Apesar de não possuir acervo próprio, as exposições itinerantes não tem medo de ser inovadoras e o lugar dá espaço para todos os tipos de arte: arte, fotografia, moda, elementos cinematográficos, design antigo, novo ou experimental, e mais tudo que você possa imaginar. Por isso, não deixe de olhar a programação deste lugar quando visitar a cidade, sempre tem coisa muito legal acontecendo aqui.

Aberto de 3ª-feira a domingo, entre 10:00 e 17:00.

Westzeedijk, 341.

Natuurhistorisch Museum

Ao lado do Kunsthal está o Museu de História Natural. O museu apresenta exposições temporárias interessantes e tem uma coleção muito boa de mamíferos, plantas e fósseis. Certamente, mais uma das coisas legais para fazer em Rotterdam com crianças.

Aberto de 3ª-feira a domingo, entre 11:00 e 17:00.

Westzeedijk, 345.

Het Park

Um grande parque da cidade chamado de “o parque”, o Het Park é o “Central Park” de Rotterdam, por assim dizer. Já que nesta área deliciosa você pode fazer um piquenique e aproveitar ao máximo o sol no verão, em meio ao verde, patos e pequenos lagos.

O parque também está localizado em frente a Euromast, uma das maiores atrações de Rotterdam e certamente você vai passar por ali na sua viagem, se for visitá-la.

Euromast

Primeiramente, deixa eu te contar, que este é o ponto mais alto da Holanda. Sim, nesta torre de observação, que é uma das atrações mais visitadas de Rotterdam, você vai estar no topo do país!

Com 185 metros de altura, a torre é um dos principais ícones de Rotterdam, e possui um mirante giratório que dá uma vista de 360° da cidade. Além disso, lá de cima é possível ver os navios no Mar do Norte, assim como Utrecht e Amsterdam. Uau!

O lugar também conta com um café-restaurante em seu topo, e ainda um hotel! Na realidade, o lugar tem 2 suítes e aqueles que desejam dormir ali, podem fazer sua reserva diretamente no site da Euromast. Sem dúvida, uma experiência única e inesquecível!

Dica: sugiro você comprar ingressos para o Euromast on-line com antecedência e assim fugir da fila imensa no balcão da bilheteria.

Abre de 3ª-feira a domingo, entre 10:00 e 22:00, entretanto, durante as férias escolares abre na 2ª-feira também.

Parkhaven, 20.

>> Ingresso sem fila para Euromast aqui! <<

>> Cruzeiro no porto e bilhete de entrada Euromast <<

Euromast Roterda djedj por Pixabay
Euromast – Foto: djedj por Pixabay

Museum Rotterdam ’40 -’45 NOW

Outro museu que fica na região e não muito distante é o pequeno museu da Guerra e da Resistência. Ele mostra a vida em Rotterdam e nos Países Baixos durante a Segunda Guerra Mundial. Também é dada atenção aos desenvolvimentos militares da época e da destruição da cidade de Rotterdam. Palestras e documentários estão frequentemente na programação.

Abre de 3ª-feira a domingo, entre 10:00 e 17:00.

Coolhaven 375.

Wereldmuseum

O Wereldmuseum (World Arts Museum) apresenta alguns dos tesouros históricos mais importantes de Rotterdam. Com sua coleção de mais de 1.800 objetos de todo o mundo, os visitantes podem embarcar em uma viagem fascinante por civilizações distantes e ver o mundo através dos olhos de mercadores e exploradores marítimos de Roterdã. Dessa forma, você tem contato com tesouros históricos de todo o mundo, coletados ao longo de 160 anos por exploradores e marinheiros.

Ainda pode passear pelo famoso porto e maravilhar-se com a vizinha Ponte Erasmus.

Abre de 3ª a 6ª-feira entre 10:00 e 17:00. Já aos sábados e domingo, o museu abre entre 11:00 e 17:00.

Willemskade, 25.

>> Ingresso de entrada no Wereldmuseum sem filas aqui <<

Porto de Rotterdam

Com um movimento anual de 450 milhões de toneladas, o porto de Rotterdam é um dos maiores do mundo e de longe, o maior do gênero na Europa. A melhor maneira de descobrir o porto é em um passeio de barco. Definitivamente, este passeio é uma das coisas legais para fazer em Rotterdam.

Geralmente, os passeios passam pelos pontos onde carregam os navios com contêineres e pelas docas. Assim podemos ver de perto os enormes navios porta-contêineres e as técnicas mais recentes usadas para transportar milhares de contêineres. Ainda passa pelos estaleiros modernos do porto e pelo navio de cruzeiro De Rotterdam. Inclusive, dá também para admirar a paisagem de Rotterdam.

Passeios de barco que saem da região:

Muitos passeios partem desta região pelo Rio Maas e pelo Porto. Sem dúvida, este passeio é uma das coisas legais para fazer em Rotterdam, principalmente nos períodos mais quentes do ano. Algumas boas opções de passeios são:

Outra boa opção de passeio que você pode fazer em Rotterdam, é passeios bate e volta com as empresas Waterbus e Aqualiner. Eles também estão ancorados perto da ponte Erasmusbrug e navegam todos os dias. Seus destinos incluem os belos moinhos de vento de Kinderdijk e Dordrecht, uma das cidades mais antigas da Holanda.

Certamente, uma viagem no Waterbus ou Aqualiner é uma ótima maneira de explorar as cidades vizinhas e os pôlderes holandeses. Inclusive, aproveite o passeio de barco e pegue a bicicleta para fazer um passeio passando pelo centro da antiga cidade de Dordrecht, os moinhos de vento Kinderdijk ou ainda pela Reserva Natural De Biesbosch. Você pode transportar a sua bicicleta no Waterbus e no Aqualiner gratuitamente.

Passeios de barco Roterda GREGOR por Pixabay

Erasmusbrug, Wilhelminapier e arredores

Se você está planejando atravessar a Ponte Erasmus, eu indico você pegar um dos trams, pois fazer a travessia da ponte a pé pode ser muito frio e ventoso, especialmente no inverno.

Dessa forma, pegue algum dos trams de nr. 12, 20, 23, 25. Siga até a parada Wilhelminaplein, do outro lado da ponte.

Erasmusbrug – Ponte Erasmus

Inegavelmente, a Erasmusbrug é um dos ícones de Rotterdam e uma das pontes mais famosas da Holanda. Inclusive, ela faz parte da logomarca oficial da cidade! Especialmente à noite, quando está iluminada, ela fica mágica e é difícil parar de fotografar.

Oficialmente inaugurada pela Rainha Beatriz em 1996, a Ponte Erasmus liga as zonas norte e sul da cidade. Ela é uma ponte estaiada e basculante, ou seja, ela se levanta para os barcos no rio Nieuwe Maas passarem. Entre outros superlativos, ela é a ponte mais alta do país com seus 139 metros de altura e 808 metros de comprimento.

Já o nome da ponte é uma homenagem ao humanista e filosofo holandês da Renascença, Desiderius Erasmus (1466-1536). Ele foi um notável estudioso da era humanista e que nasceu em Rotterdam.

Erasmusbrug Sergio Palau por Pixabay
Erasmusbrug Foto: Sergio Palau por Pixabay

Wilhelminapier

Do outro lado da ponte está o píer Wilhelminapier. Sem dúvida, este é o melhor lugar para conhecer a Rotterdam moderna. Afinal, costumam comparar esta região com Manhattan, já que a densa construção de arranha-céus cria uma certa semelhança.

Inclusive, o edifício Torre Maas (Maastoren) fica ali. Com 161,2 metros, é o edifício mais alto dos países do BENELUX. O “De Rotterdam” também fica ali, com 150 metros de altura, além de cobrir uma área de 160.000 m2 com suas três torres. E os altos edifícios só vão se somando ao longo da Wilhelminakade, sendo que a maioria foi construída usando as técnicas sustentáveis mais recentes e um design arrojado.

Destefamoso píer de Rotterdam, entre 1901 e 1971, saiam os navios que viajavam entre Rotterdam e Nova York, e quando a Holland America Line era o portão de entrada da América para muitos países europeus, especialmente durante a Primeira Guerra Mundial.

Wilhelminapier Roterda djedj por Pixabay
Vista do Wilhelminapier e Hotel New York – Foto: djedj por Pixabay

Nieuwe Luxor Theater – Novo Teatro Luxor

O Novo Teatro Luxor é o principal teatro de Rotterdam. Os especialistas concordam que a arquitetura, localização e apelo fazem dele um dos mais lindos teatros da Holanda. Para começar, o prédio tem cor vermelha, que o torna bem chamativo. Depois, seu impressionante saguão de entrada, suas amplas escadarias e os muitos janelões com vistas incríveis são um atrativo a parte. Por fim, o teatro está aos pés da Ponte Erasmus, com isso, seu terraço no teto e o foyer oferecem aos visitantes uma vista espetacular de Rotterdam. Caso você queira conhecê-lo, sem assistir uma peça, pode fazer um tour pelo teatro num passeio de 60 minutos.

Posthumalaan, 1.

Nederlands Fotomuseum

O Nederlands Fotomuseum é um museu centrado na fotografia no sentido mais amplo da palavra. Mais de um século de história fotográfica holandesa e fotos de todos os tipos, desde negativos de vidro até chapas autocromáticas estão expostos aqui. Ao fazer isso, o museu quer mostrar a diversidade de formas de fotografia. Não só como uma forma de expressão artística, mas também, e sobretudo, como um meio de expressão social e comentário. Ainda, um dos destaques é a câmara escura, onde você pode mergulhar no processo de fotografia de tempos passados.

Aberto de 3ª-feira a domingo, entre 11:00 e 17:00.

Las Palmas building, Wilhelminakade, 332.

>> Ingresso para o Museu Nacional de Fotografia sem filas aqui! <<

Hotel New York

Geralmente um hotel não é um dos pontos turísticos típicos de uma cidade. Entretanto, o Hotel New York é única estrutura original no Wilhelminakade em Rotterdam que estava lá antes dos bombardeios de 1940. Ainda, este prédio foi a sede da Holland-Amerika Lijn (Holland America Line) até o início dos anos 1970. Esta empresa fazia a linha Rotterdam – Nova York e através deles, dezenas de milhares de pessoas emigraram daqui para a América de navio durante um século.

Depois de muitos anos de abandono, o prédio tornou-se um hotel em 1993. Desde então, o Hotel New York se esforça para manter a arquitetura original e o interior intactos. O complexo é composto por um hotel, bar, restaurante, café ao ar livre, um quiosque, uma livraria e até barbearia.

Mesmo não sendo hóspede, você pode apreciar o charme histórico do hotel, assim como se deliciar no restaurante, enquanto aprecia a vista de Rotterdam.

Koninginnenhoofd, 1.

>> Hospede-se no Hotel Nova York, clique aqui e faça sua reserva!

Fenix Food Factory

Em termos de arquitetura e tamanho, a Fenix ​​​​Food Factory pode não competir com o mercado municipal. No entanto, o lugar oferece um ambiente muito acolhedor e uma comida igualmente deliciosa. Ele fica localizado bem em frente a água e com vista para o Hotel New York. Além dos bons restaurantes, tem vários estandes com produtos regionais. Aliás, não deixe de provar a cerveja artesanal realmente saborosa da cervejaria local, Kaapse Brouwers.

SS Rotterdam

O SS Rotterdam é a “Grande Dame” de Rotterdam e o maior navio de passageiros já construído em solo holandês. O SS Rotterdam é o antigo carro-chefe da Holland America Line, que navegou pelos mares a partir de 1959 até sua aposentadoria em 2000. Este grande navio é hoje uma das grandes atrações de Rotterdam, portanto algumas atividades são oferecidas ali.

Primeiramente, vale saber que você pode passar a noite no De Rotterdam. Sim, várias de suas cabines foram transformadas em quartos de hotel e você pode se hospedar no navio. Com toda certeza, uma experiência inesquecível para criançada!

Caso você só queira conhecer o navio por dentro, você pode fazer um tour em visitas guiadas e explorar este fantástico navio a vapor. Ainda o SS Rotterdam é também um ótimo lugar para jantar ou tomar uma bebida no seu bom restaurante. A vista de Rotterdam é linda dali.

3e Katendrechtse Hoofd 25.

>> Hospede-se no SS Rotterdam! <<

>> Bilhete de entrada para o Steamship Rotterdam Audio Tour <<

ss-rotterdam-Andreas 😊 por Pixabay
SS Rotterdam – Foto: Andreas 😊 por Pixabay

Delfshaven

Delfshaven é um pequeno bairro histórico aconchegante e com um porto urbano. Com muitas construções históricas do século XVII em torno de dois canais charmosos, a área é famosa pelos restaurantes, bares, galerias e monumentos arquitetônicos. O bairro é perfeito para simplesmente passear pelos becos e passar uma tarde relaxante.

Ao contrário da maior parte de Rotterdam, Delfshaven não foi destruído nos bombardeios da Segunda Guerra Mundial. Visite o lugar para ter uma ideia de como era Rotterdam antes dos bombardeios. Certamente, a história da área, a arquitetura e os vários bares e restaurantes farão a visita valer a pena.

Você consegue chegar lá usando o Tram 8 ou indo de metrô, parada Delfshaven.

Então, anote as cinco melhores atrações de Delfshaven:

  • De Dubbelde Palmboom: uma filial do Museu Histórico de Rotterdam.
  • O Peregrino (De Pelgrim): a única cervejaria em Rotterdam. A cerveja não é chamada de “Ouro Líquido de Rotterdam” à toa. 😉
  • De Delft: a reconstrução de um navio de guerra de 63 metros do século XVIII que afundou no Mar do Norte. Esta é a maior reconstrução de um navio de guerra de madeira na Europa. (Schiehaven, 15)
  • De Distilleerketel: um moinho de grãos à beira do porto. 
  • Igreja dos Pais dos Peregrinos: onde os peregrinos se reuniam antes de partir para a América em 1620.
Delfshaven Emilie Collard por Pixabay
Delfshaven – Foto: Emilie Collard por Pixabay

>> Rotterdam: cervejarias e passeio de táxi aquático

>> Roterdã: visita guiada à cervejaria Heineken Gebouw

>> Heineken Gebouw Tour com guia de áudio e bebida

>> Tour pela Cervejaria Stadshaven com degustações de cerveja

O que fazer em Rotterdam com crianças

Miniworld

O Mini Mundo de Rotterdam expõe a maior coleção de miniaturas da Holanda, Bélgica e Luxemburgo. Mas não só, pois o mundo inteiro está esperando por você ali. Então, você explorar a cidade de Rotterdam, bem como outras partes da Holanda, repletas de moinhos de vento e diversas outras cidades do mundo. Dessa forma, é possível conhecer sua história e arquitetura da Holanda e outros países através de diversas maquetes. Ali você pode ver de maneira diminuta o maior modelo em miniatura da planta ferroviária dos Países Baixos.

Aberto de 4ª-feira a domingo, entre 10:00 e 17:00. Sendo que em julho e agosto o lugar abre diariamente.

Weena, 745 (próximo da estação Rotterdam Centraal).

>> Ingresso sem fila para o Miniworld Rotterdam <<

Miniworld Rotterdam
Miniworld Rotterdam

Rotterdam Zoo

O Zoológico de Rotterdam (“Diergaarde Blijdorp”, em holandês) é uma das maiores atrações da Holanda. Não sabe o que fazer em Rotterdam com crianças? Vá para o zoológico, que não vai ter erro!

Todo ano, mais de um milhão e meio de pessoas visitam os diferentes continentes do Blijdorp, onde os animais vivem em seus habitats simulados. Por ali, você pode ver uma savana, uma ilha de gorilas, um rio de crocodilos, assim como caverna de morcegos, um parque tropical com elefantes e até uma caverna de gelo, onde nadam ursos polares.

Sem dúvida, umas das maiores atrações é Oceanium, um túnel de 22 metros no fundo do mar. Você vai ver muitos animais marinhos, como diversos peixes, tubarões, tartarugas, lontras e pinguins-reis. O Blijdorp tem ainda vários restaurantes e quiosques e uma Floresta para Crianças, onde as crianças podem balançar, subir e deslizar como os macacos.

Diariamente, entre 09:00 e 17:00.

Blijdorplaan, 8.

>> Compre aqui seu ingresso para o Zoo sem filas! <<

Trompenburg Tuinen & Arboretum

Este lugar cultiva uma maravilhosa coleção de árvores, arbustos, plantas e bulbos no centro da cidade de Rotterdam. Amantes de plantas de todo o mundo visitam o lugar e você pode passear livremente por uma plantação de peras, lagoa de peixes dourados, quadra de carvalhos e cerca de uma dúzia de outros jardins.

Inclusive, vale a pena visitar o lugar várias vezes por ano, porque o parque muda conforme a estação do ano. Entretanto, os jardins permanecem fechados de meados de dezembro até meados de janeiro. Diariamente entre 10:00 e 17:00.

Honingerdijk, 86.

Feyenoord Stadium

Também chamado de De Kuip, este é muitas vezes chamado de o estádio mais bonito na Holanda, apesar de De Kuip significar “banheira”. De onde veio esse apelido não é um mistério, basta olhar o prédio por fora. Naturalmente, meninos de todas as idades vão adorar o programa!

De fato, o Estádio do Feyenoord não é impressionante apenas para os fãs de futebol. Com 51.117 lugares, é o segundo maior estádio de futebol da Holanda. Desde que abriu suas portas em 27 de março de 1937, o estádio cultiva uma história longa e rica com o futebol.

Você pode visitar o estádio e conhecer sua fazendo um tour de 90 minutos e visitar o museu adjacente.

Van Zandvlietplein 1.

Parque de diversões Efteling

O Efteling é um dos principais parques temáticos da Europa e já recebeu prêmios, incluindo o prêmio de melhor parque temático e o parque temático mais adequado para crianças na Holanda e na Bélgica. Como o parque fica a cerca de 1hora de carro, esta é uma excelente opção do que fazer em Rotterdam com crianças!

Efteling Teunard Droog Unsplash
Efteling – Foto: Teunard Droog / Unsplash

Aberto o ano inteiro, o parque é realmente bom e conta com atrações para todas as idades, inclusive várias radicais. No período frio do ano, o parque temático transforma-se num paraíso de inverno, com música ao vivo e lareiras espalhadas pelo parque.

Mas vale lembrar que o parque é sempre muito bem visitado, mesmo no inverno. Por isso, indico fortemente que você compre seus ingressos antecipados, para não perder um tempo precioso na fila da bilheteria.

Europalaan 1, 5171 KW Kaatsheuvel.

Moinhos de vento em Rotterdam

Apenas sete moinhos de vento restaram em Rotterdam. Destes, apenas De Ster e De Lelie estão abertos aos visitantes regularmente. Outros moinhos de vento estão abertos aos visitantes quando o moinho está girando (fácil de ver), mas há algumas exceções a essa regra geral. Uma bandeira azul também indica que o moinho está aberto à visitação.

Moinhos em Rotterdam:

  • De Ster e De Lelie, Plaszoom: estes dois moinhos junto ao lago Kralingse Plas, ficam um ao lado do outro e datam de 1777 e 1829. Além de estarem em uso, estão abertos à visitação. Então, você vai poder vê-los fazendo a moagem de especiarias e tabaco. Ali você também vai encontrar uma loja, que vende os produtos feitos no local. Plaszoom, 324.
  • De Prinsenmolen: este moinho fica ao norte da cidade e não é visitável, pois hoje é uma casa. Mas a região é bem agradável e vale uma caminhada ao longo do lago Bergse Voorplas. O moinho data de 1648 e funcionou até 1966. Boterdorpse Verlaat, 1.
  • Moinho De Vier Winden: 10 minutos de distância do moinho acima, você chega neste outro moinho, que também está fechado a visitantes, mas tem uma lojinha aberta de 4ª-feira a domingo. De Vier Winden foi construído em 1776 e moeu trigo até 1964 foi usado para moer trigo. Terbregse Rechter Rottekade, 91.
  • De Speelman: este moinho no norte da cidade oferece visitas de 4ª-feira a domingo e foi construído em 1712. Apesar de ter sido fortemente danificado durante o bombardeio de 1940, foi restaurado e movido para sua localização atual. Overschiese Kleiweg, 775.
  • De Zandweg: este moinho fica na parte sul da cidade e data de 1723. Também não é aberto a visitação, mas fica ao lado de um parque bem bonito, e próximo de atrações como a mansão de campo Oliphant e uma fazendinha infantil, onde os pequenos podem brincar e ver animais (Kinderboerderij De Molenwei). Kromme Zandweg, 99.
  • Korenmolen de Distilleerketel: talvez este moinho de 1727 seja o mais prático para se visitar, já que fica em Delfshaven. Ele também foi restaurado e remontado neste lugar em 1986. Voorhaven, 210.

Kinderdijk

A cerca de 15 quilômetros de Rotterdam está uma das atrações mais visitadas da Holanda: os moinhos de Kinderdijk. Num mesmo lugar estão 19 moinhos de vento do século XVIII, um ao lado do outro, formando a paisagem que todo turista sonha em ver na Holanda.

Aliás, Kinderdijk é muito mais do que um monte de moinhos reunidos, o lugar tem um valor histórico inestimável e é Patrimônio Mundial da UNESCO.


+ KINDERDIJK: UM DOS MELHORES LUGARES PARA SE VISITAR MOINHOS NA HOLANDA


Os horários de funcionamento do parque de Kinderdijk variam dependendo da época do ano, mas você pode saber todas as informações necessárias no post acima. 😉

>> Compre seu ingresso antecipado para o Kinderdijk e não fique na fila!

>> A partir de Amsterdam: tour para Kinderdijk e Haia

Kinderdijk10
Kinderdijk

Gostou do post sobre o que fazer em Rotterdam?

Sem dúvida, Rotterdam é uma cidade de superlativos. Apesar de contar com muitos arranha-céus, construções inovadoras e de design arrojado, e ter o maior porto da Europa, ainda tem ares de cidade pequena. Tudo fica a uma curta caminhada e a cada cantinho da cidade, você encontra ruelas agradáveis e lugares pitorescos. Certamente, você vai se apaixonar por ela!

Caso este post tenha te agradado ou te ajudado de alguma forma, utilize os links que estão dentro dele para fazer suas reservas. Através deles ganhamos uma pequena comissão que nos ajuda a sempre ter conteúdo fresquinho e de qualidade para você! 🙂

Obrigada!!

Continue lendo sobre a Holanda:

>> O QUE FAZER EM AMSTERDAM
>> MUSEU VAN GOGH EM AMSTERDAM
>> KONINGSDAG – DIA DO REI EM AMSTERDAM
>> O INCRÍVEL MUSEU RIJKSMUSEUM EM AMSTERDAM
>> HEINEKEN EXPERIENCE | O MUSEU HEINEKEN EM AMSTERDAM

LEIA TAMBÉM:

Fale com a gente!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

O Viajoteca usa cookies para tudo funcionar direitinho no seu browser, tudo bem? Aceito Leia mais

Privacidade & Cookies