Museus gratuitos em Paris – Parte II

2

Ah Paris e seus museus belíssimos. E gratuitos! Como já falei no post anterior Museus gratuitos em Paris – Parte I, Paris tem lindos museus que você visita e não gasta um centavo.

É possível programar uma viagem a Cidade Luz e não ter muitos gastos com museus e outras atrações turísticas. Estes museus, que são gratuitos, ainda não são muito conhecidos dos turistas, o que quer dizer que não vai ter filas e turistas disputando fotos.

Nas informações você vai encontrar as estações de metrô mais próximas, mas se eu fosse você, nos museus centrais, vá caminhando. Paris é linda e é feita para flanar.

MUSEU DA VIDA ROMÂNTICA

museu da vida romântica em paris
museu da vida romântica
museu da vida romântica
museu da vida romântica

É um dos museus mais fofos de Paris, como o próprio nome já diz. E tem tudo haver com o clima de romantismo da Cidade Luz. Uma mansão transformada em um museu cujo acesso à coleção permanente é gratuita, genial não?! A antiga casa do pintor holandês Ary Scheffer foi no século XIX, o covil da Sociedade de Artes e Letras.

Abriga principalmente uma visão, um clima, da era romântica e seus sonhos burgueses embaçados pelo neoclassicismo. Delacroix, Chopin e George Sand passaram noites conversando sobre o piano Pleyel, enquanto Liszt e Dickens tomavam seus aperitivos. Hoje, o museu exala o perfume desta era fascinante. Suas coleções homenagear Scheffer, cujas pinturas estão expostas no chão, e George Sand, cujas memórias ocupam o andar térreo. Você vai encontrar desde jóias, aguarelas e medalhas que pertenciam a ele, dizendo muito sobre o caráter e as idéias do escritor – você verá até mesmo um molde de gesso de seu braço direito .

Você com certeza terá horas muito agradáveis visitando os jardins e os apartamentos, que são deslumbrantes. Um clima de romance estará pelo ar.  Com sorte você poderá ver alguma ótima exposição temporária.

Endereço: Scheffer-Renan Hotel – 16 Rue Chaptal – 9e arrondissement

Site: www.paris.fr/loisirs/musees-expos/musee-de-la-vie-romantique

Horário: De terça-feira a domingo, das 10h às 18h

Como chegar:

Metro:  Pigalle e Saint-Georges 

Preço: Entrada gratuita e 3,50 euros – 7 euros para exposições temporárias (grátis para crianças – 14 anos)

MUSEU BOURDELLE

Museu Bourdelle, Paris
Museu Bourdelle, Paris
Museu Bourdelle, Paris
Museu Bourdelle, Paris

Antoine Bourdelle (1861-1929), escultor, aluno de Alexander Falguière, um discípulo de Rodin, Giacometti … Foi um dos “grandes” da escultura francesa, que sonhava com um templo erguido em seu nome no coração da capital. Foi em 1949 que sua esposa, Cleópatra, fiel à vontade do falecido marido finalmente inaugurou este museu dedicado à obra e vida do artista. As coleções ocupam a antiga oficina, com modernos afrescos; oficina onde trabalhou junto de Eugène Carrière, Aimé-Jules Dalou e Marc Chagall.  

Tripulado por memórias flutuantes, estranhas, quase palpáveis, suas galerias e jardins têm mantido uma aura intimista.Na exposição você vai encontrar suas muitas esculturas, desenhos e fotografias de Bourdelle, incluindo o famoso “Hercules a Archer” e dados sobre o monumento equestre de General Alvear que fica em Buenos Aires. Parte das coleções pessoais do artista também é apresentada, incluindo obras de Rodin, Carrière, Monticelli, Ingres e Delacroix. 

Endereço : 18 rue Antoine Bourdelle – 15e arrondissement

Site : www.paris.fr/loisirs/musees-expos/musee-bourdelle

Horário : De terça-feira a domingo, das 10h às 18h

Como chegar :

Metro:  Falguière e Montparnasse Bienvenue 

Preço : Entrada gratuita e 3,50 euros – 7 euros para exposições temporárias (grátis para crianças – 14 anos)

MUSEU CERNUSCHI

Museu Cernuschi em Paris
Museu Cernuschi em Paris
Museu Cernuschi em Paris
Museu Cernuschi em Paris




Desde que o banqueiro Henri Cernuschi teve a brilhante ideia de construir uma mansão, com estilo clássico pelo arquiteto Bouwens van der Boijen bem perto do Parc Monceau, em 1871, a fim de acolher os seus tesouros do Extremo Oriente, a coleção de arte asiática de Paris foi enriquecida. Este é um museu “ainda” pouco visitado em Paris. Ele é especializado em arte asiática, principalmente China e Japão.
Cernuschi foi um italiano que lutou pela liberação da Itália do jugo austríaco, foi eleito deputado da República romana, que teve curtíssima duração (apenas de 1948 a 1949), refugiando-se na França, onde acaba se destacando como grande conhecedor de economia e investidor. Viaja à China e ao Japão, adquire uma considerável coleção de obras de arte e, ao morrer, deixa todo o seu acervo como doação à cidade de Paris.

Quando você vê o prédio de fora, não tem noção do que vai encontrar. Logo que você entra no museu, você se depara com um Buda enorme. Ali você terá a certeza que a visita será incrível. As obras atravessam várias dinastias, do século XV a.C até a Idade Média. Legiões de estátuas funerárias do Han Wei e sua dinastia, muitas porcelanas e louças finas são algumas das obras-primas do museu. Não deixe de visitar o museu e se encantar com as estátuas. Sem dúvida uma das mais bonitas coleções de arte asiática na Europa. 

Endereço : 7 avenida Velasquez  – 8e arrondissement

Site : www.paris.fr/loisirs/musees-expos/musee-cernuschi

Horário : De terça-feira a domingo, das 10h às 18h

Como chegar :

Metro: Villiers ou Monceau  

Preço : Entrada gratuita e 3,50 euros – 9 euros para exposições temporárias 

MUSEU COGNACQ-JAY

museu cognacq-jay em Paris
museu cognacq-jay em Paris
museu cognacq-jay em Paris
museu cognacq-jay em Paris

Outro museu imperdível. Está situado no Hôtel Donon, no 3º arrondissement. É um museu tão bom que é difícil acreditar que é gratuito! O acervo do museu foi formado entre 1900-1925 por Théodore-Ernest Cognacq (1839-1928) e sua esposa Marie-Louise Jay (1838-925), fundadores da loja de departamentos La Samaritaine. Na ocasião da sua morte, Cognacq doou a coleção para a cidade de Paris. Em 1929 o Musée Cognacq-Jay foi inagurado.

Em 1990, o maravilhoso acervo foi transferido para o Donon Hôtel (este prédio e maravilhoso também, construído em 1575), no Marais, onde a coleção é apresentada em vinte salas (quatro andares), nos estilos de Luís XV e Luís XVI. Toda a decoração do museu é de época.

O museu contém uma excepcional coleção de arte e artigos de decoração, cerca de 1200 itens no total, com ênfase na França do século 18, que variam de cerâmicas européias e chinesas, jóias entre outros, pinturas de Leopoldina-ES Boilly, François Boucher, Canaletto, Jean-Siméon Chardin, Jean-Honoré Fragonard, Jean-Baptiste Greuze, Maurice Quentin de La Tour, Sir Thomas Lawrence, Hubert Robert, Giovanni Battista Tiepolo, e Jean-Antoine Watteau, esculturas incriveis de Jean-Antoine Houdon, Jean-Baptiste Lemoyne e Jacques-François-Joseph Saly, móbiliario atribuídos a Jean-François Oeben e Van der Roger Cruse.

O Século 17 também está representado, nomeadamente com duas pinturas de Rembrandt, enquanto século 19 é representado com obras de Camille Corot, Paul Cézanne e também Edgar Degas. Este Museu maravilhoso fica bem perto da Place des Vosges, e vale a pena ver mesmo!

Endereço : Hôtel Donon – 8 rue Elzevir  – 3e arrondissement

Site : www.paris.fr/loisirs/musees-expos/musee-cognacq-jay

Horário : De terça-feira a domingo, das 10h às 18h

Como chegar :

Metro: Chemin Vert e Saint Paul

Preço : Entrada gratuita e 3,50 euros – 9 euros para exposições temporárias 


Você lembrou do seguro viagem? Ele é um dos itens mais importantes da sua viagem. O seguro viagem é obrigatório nos países da Europa que fazem parte do Tratado de Schengen e precisa ter uma cobertura mínima de 30 mil Euros. Nos demais países em que ele não é obrigatório também é recomendável a contratação, já que infelizmente não podemos prever acidentes. Nos Estados Unidos, o custo médico diário de uma internação é muito caro (uns U$2.000). Não esquecendo que o seguro é muito útil nos casos de cancelamento de viagem, extravio de bagagem e assistência odontológica. Faça sua cotação para encontrar o seguro que você precisa. Você pode pagar em até 12x no cartão ou ter desconto no boleto. Nossos leitores ainda recebem um desconto de 5% na hora de pagar. Use o código promocional: VIAJOTECA5.

Europa 1

CONTINUE PLANEJANDO SUA VIAGEM AQUI :

–  Reserve seu hotel no Booking.com ( sem taxa de reserva e a maioria dos hotéis oferece cancelamento grátis)

–  Compre seu seguro de viagem na Seguros Promo (faz cotação em 10 ótimas seguradoras)

–  Compre seus Ingressos para atrações, excursões e passeios na Europa com a Get Your Guide

–  Alugue seu Carro na Europa com a RentCars

–  Índice com todos os posts do Viajoteca

Se você fizer sua reserva através dos links aqui da Viajoteca, a gente ganha uma comissão, mas você não paga nada a mais por isso. Essa é uma forma de apoiar a Viajoteca a continuar escrevendo sempre ótimas dicas para você. Obrigada!


2 Comentários
  1. Fernanda Scafi Diz

    Nossa, como cidade grande europeia é infinita em termos de atrações né? Só tinha ouvido falar do último museu aí…

    1. Martinha Andersen Diz

      Nem fale, eu vivo descobrindo atrações novas. =)

Comente Aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.