Página Principal Maurícios Descubra a Ilhas Maurício: dicas e informações para planejar sua viagem!

Descubra a Ilhas Maurício: dicas e informações para planejar sua viagem!

por Carina
0 comment

Viajar para Ilhas Maurício é o sonho de muitas pessoas e eu entendo completamente. Afinal, um destino tão paradisíaco realmente não deve ficar de fora da lista das viagens dos sonhos. Por isso, fiz este post para ajudar você a planejar esta viagem tão incrível e que pode ser muito mais tranquila e barata do que você imagina!

Sim, você leu certo. Visitar as Ilhas Maurício pode ser tranquilo e barato. Ok, não é baratinho, baratinho, mas não é um destino caríssimo, onde tudo custa uma fortuna. Arrisco a dizer, que sabendo se planejar, a viagem custa mais barato que muita viagem pelos Estados Unidos e pela Europa! Juro para você!

Claro que é normal ficarmos um pouco receosos de planejar uma viagem para Maurícios. Mas eu fiz o caminho das pedras e posso garantir que o planejamento é muito mais tranquilo do que você imagina! Apesar de ficar num lugar tão remoto, realmente é tranquilo organizar uma viagem para lá. Inclusive, em nada difere do planejamento de qualquer outra viagem. Como tudo nesta vida, você precisa de um pouco de tempo e disposição para procurar e se organizar.


Temos mais posts sobre a Ilhas Maurício aqui:

+ O QUE FAZER EM MAURÍCIOS

+ ONDE FICAR EM MAURÍCIOS


Ilhas Maurício Le Morne
Le Morne – Maurícios

Não esqueça de fazer o seu Seguro de Viagem para Maurícios! E transforme sua viagem ao paraíso ainda mais completa e sem riscos. Nossos leitores recebem um desconto de até 10% na hora de pagar. Use o código promocional: VIAJOTECA5.

Ilhas Maurício: dicas e informações sobre o país

Para começar, o arquipélago da Ilhas Maurício pode ser encontrado por aí com vários nomes. E todos estão corretos! Então você vai ver textos que usam Ilhas Maurício, Ilhas Maurícia (português de Portugal), Maurícios e ainda Maurícias. Inclusive, deixa eu te contar que o nome do país é uma homenagem a Maurício de Nassau, um grande conhecido nosso. Depois de esclarecido isto, preciso te contar que independente do nome, certamente este é um dos paraísos na Terra!

Oficialmente, o nome do país é República de Maurício e este país africano fica no Oceano Índico. Ele é constituído pelas Ilhas Rodrigues, Maurício, Cargados, Agalega e Carajos. A área total do país é de 2040 km² e todas as ilhas foram formadas por erupções vulcânicas há cerca de 10 milhões de anos. A capital é Port Louis (Porto Luís) e fica em Maurícios, a maior e principal delas.

Sabe aquele país que pode te oferecer uma viagem inesquecível e completa? Pois é. As Ilhas Maurício têm praias de cartão postal, um mar de cor indescritível, montanhas e florestas tropicais. Além de diversas outras belezas naturais. Ainda é um país extremamente diverso e multicultural, que oferece opções para todos os gostos e tipos de viagens.

Neste post, eu pretendo apresentar um pouco do país e algumas de suas curiosidades.

ONDE FICA MAURÍCIO

O arquipélago das Ilhas Maurício está localizado no meio do Oceano Índico, no continente africano. Inclusive, ele está a 800 quilômetros de distância do sudeste da África, mais precisamente de Madagáscar. Já seus outros vizinhos mais próximos são as Ilhas Seychelles e o departamento francês de Reunião.

FAUNA E FLORA DE MAURÍCIOS

O conjunto de ilhas que forma o país surgiu há 8 milhões de anos após uma massiva erupção vulcânica. E isso tornou esta região única. As ilhas Maurício possuem flora e fauna bem tropicais e variadas. Sendo que a ilha conta com muitas espécies endémicas. Sem dúvida, a gente percebe a originalidade da ilha com mais intensidade no sul do que no Norte. Já que ali a natureza é bem mais selvagem e acidentada. Em parte, isto se explica que no Sul tem mais montanhas e variedade de paisagens. Enquanto no Norte, a gente encontra áreas mais planas. Por outro lado, esta região também é bem menos turística e povoada.

Aliás, a ilha é amplamente conhecida como a única casa conhecida do Pássaro Dodô. Para quem não conhece, o Dodô foi uma ave que foi extinta relativamente pouco depois do povoamento da ilha. Entretanto, ela não foi a única. Pois várias outras espécies de aves e as Tartarugas Gigantes deixaram de existir neste mesmo período em Maurícios.

A ilha aprendeu sua grande lição e hoje cuida da preservação ambiental de forma intensiva. Dessa forma, eles têm grandes áreas que são de preservação ambiental. De forma alguma eles querem se tornar uma nova Bali. Então, você encontra bastante lixeiras e grandes cercados para jogar garrafas plásticas pela ilha. Mas o povo ainda precisa aprender mais sobre o tema, pois cansei de recolher lixo plástico nas praias.

Passeio de barco, golfinhos e churrasco mauriciano: compre aqui!

Mauricios Sul Photo by Xavier Coiffic on Unsplash
Maconde, Maurícios – Foto: Xavier Coiffic / Unsplash

Pássaro Dodô e Tartarugas gigantes

Infelizmente, o Pássaro Dodô e as Tartarugas Gigantes são símbolos da extinção de animais no nosso planeta. O Dodô é uma espécie extinta e encontrada somente em Maurícios, por isso ele se tornou símbolo do país. A ave pertencia à família dos pombos e não conseguia voar devido suas asas curtas, inclusive era extremamente dócil. Ela foi descoberta em 1598 por navegadores holandeses, mas em 1668 ela já estava completamente extinta. Isto aconteceu porque ela serviu de comida para os marinheiros que atracavam na ilha.

O que a gente sabe sobre o Dodô é que ele pesava mais de 20 quilos e tinha cerca de um metro de altura. Apesar da pouca informação que temos, dizem que Dodô teria penas nas cores branca, cinza e preto e patas amarelas. A parte mais “diferente” seria sua cabeça, que tinha um bico preto, amarelo e verde. Ainda era longo e curvado na ponta, pois facilitava sua alimentação que era principalmente peixes, frutas e algumas sementes.

Se você não conhece o Dodô, coloquei uma foto dele ali embaixo. Mas ele também aparece em diversos filmes, como “Alice no País das Maravilhas” e “A Era do Gelo”.

Já a Tartaruga Gigante de Maurícios, que também está extinta, tinha proporções enormes. Inclusive, elas eram semelhante as tartarugas encontradas ainda hoje em Seychelles. Acredita-se que chegava a ter cerca de 1 metro de comprimento e pesar 140 quilos. Estas tartarugas podiam ser encontradas ainda no século 18 nas Ilhas Maurício. Mas por causa da intervenção humana no arquipélago, elas foram extintas.

Pássaro Dodô

SOBRE O PAÍS

Definitivamente, não é fácil definir o povo mauriciano. Afinal, ele é multiétnico, tem várias religiões, além de ser multicultural e multilíngue. Ou seja, uma grande mistura. Andando pela ilha de Maurício, que é a ilha que visitei e a qual vou me referir sempre abaixo, pois foi a ilha que eu experienciei, a gente vê pequenas vilas e cada uma tem seu estilo baseado na maioria dos seus morados. Dessa forma, nas regiões mais costeiras, a gente vê mais vilas de nativos. Enquanto que no centro da ilha tem mais vilas indianas, e por aí vai.

DESENVOLVIMENTO

As pessoas nas Ilhas Maurício têm uma vida boa, afinal o país é tem um desenvolvimento muito bom. Juntamente com a Tunísia, Líbia, Botsuana e as Ilhas Seychelles, são os únicos países do continente africano com Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) considerado alto. Para se ter uma ideia, o país está na 66ª posição do ranking global. Ou seja, várias posições à frente do Brasil (84ª).

CRIMINALIDADE EM MAURÍCIO

Maurício é considerado muito seguro e a criminalidade é baixa. Devo dizer que nos sentimos muito seguros em todos os momentos do dia e da noite. Entretanto, conhece-se casos de furtos. Por isso, tenha precauções, como em outros lugares do mundo.

Geralmente, os mauricianos são incrivelmente amigáveis, então conte com sorrisos e tchauzinho das crianças pelas ruas. Aliás, o único lugar que vi pedintes foi em Mahébourg.

Passeio imperdível para Ilha aux Cerfs!

RELIGIÃO

Ao contrário da maioria dos países africanos, a religião da população não é predominantemente cristã. Já que em Maurício os grupos religiosos mais representativos são os hindus (51%). Depois destes vem os cristãos (28,56%), sendo a grande maioria de romano-católicos (26%) e só 2,3% de protestantes. Mas a ilha ainda tem uma população considerável de muçulmanos (16%). Aliás, as Ilhas Maurício é o único país da África onde o hinduísmo é a religião mais praticada.

Templo Grand Bassin Ilhas Mauricio
Templo hindu Grand Bassin

CLIMA

As Ilhas Maurício têm um clima tropical de monção com grande influência oceânica. Assim sendo, ele tem duas estações distintas: um verão quente, mas úmido, que dura de novembro a abril e um inverno um tanto frio e seco, que dura de junho a setembro.

GEOGRAFIA DE MAURÍCIOS

Maurícios é uma ilha vulcânica, com duas áreas geográficas distintas: a do Norte, com planícies; e a do Centro e Sul, onde predominam planaltos rodeados de crateras vulcânicas, cuja altitude não ultrapassa os 826 metros. As praias costumam ter uma barreira de corais que protegem grande parte delas. Assim, muitas tem poucas ondas e areia abundante. Somente no sul a gente encontra algumas praias lindas, mas com mar aberto, como Gris Gris. Mas a grande maioria delas tem muitas árvores até bem próximo da água.

Ilhas Maurício Gris Gris
Praia Gris Gris – Maurícios

ECONOMIA

A economia de Maurício dependeu durante muito tempo do cultivo da cana-de-açúcar. Inclusive, o país chegou a ser o 3º maior produtor mundial. Mas desde a década de 80 esse quadro vem se alterando, com o desenvolvimento do turismo e a indústria têxtil. Todavia, ao circular pela ilha você ainda vê muitas plantações de cana-de-açúcar.

MOEDA DAS ILHAS MAURÍCIO

A moeda local é a Rúpia Mauriciana (MRU).

A melhor maneira de se pagar as compras do dia a dia é em dinheiro e na moeda local. Já em muitos restaurantes, lojas e hotéis pode-se pagar facilmente com cartão de crédito (Visa e Masterdard) e Euro.

Retirar dinheiro nos caixas automáticos (ATM) também é possível e sem dificuldade. Existem caixas eletrônicos nas ruas e nos maiores bancos de Maurício, mas são menos comuns em Rodrigues. Além disso, é possível sacar dinheiro na moeda local no aeroporto.

Dificilmente você conseguirá rupias mauricianas no Brasil, por isso, o melhor é levar euros e fazer a troca ao desembarcar no país. Euros e dólares podem ser trocados em casas de câmbio e estabelecimentos bancários, onde as taxas de câmbio geralmente são melhores. Para a troca de dinheiro sempre é necessário o passaporte. Também é possível fazer câmbio na maioria dos hotéis da ilha.

Cotação atual:

US$ 1 = MRU 46

€1 = MRU 48

(em julho de 2022)

DÁ PARA USAR EURO E DÓLAR EM MAURÍCIO?

Sim, o euro e o dólar americano são amplamente aceitos como forma de pagamento. Assim como o MasterCard e o Visa. Hospedagens, restaurantes, mercadinhos e afins podem ser pagos com euro. Entretanto, é bom sempre ter rúpias mauricianas para pequenas compras.

IDIOMAS NAS ILHAS MAURÍCIO

Na realidade, o país não conta com nenhuma língua oficial designada. Embora o inglês seja a língua usada pela administração e o francês seja a língua dos negócios, o crioulo é a língua na qual os moradores se comunicam. Dessa forma, dá para afirmar que o crioulo é usado por 90% da população, aproximadamente. Entretanto, prepare-se para ouvir conversas ainda em chinês e em dezenas de dialetos hindus.

Planejando uma viagem para Ilhas Maurício

Embora, para nós brasileiros não seja tão fácil chegar lá, já que não temos voos diretos para Maurícios, as conexões valem a pena. Pois o país é incrível e oferece uma diversidade enorme de experiências. Abaixo você vai encontrar diversas informações e dicas, assim como tudo para planejar sua viagem.

Então, para qualquer viagem ser perfeita, definitivamente ela deve ter um planejamento prévio. Desta forma, uma viagem para um destino distante como Maurícios, requer uma boa organização antes de embarcar. Não só uma apurada organização burocrática é necessária, bem como um roteiro bem pensado. Afinal, ninguém que ir para um lugar tão longe e ao chegar de lá se descobrir que se estava do lado da praia mais linda do mundo e não a viu porque não sabia da sua existência!

Ilhas Mauricio Cachoeira Xavier Coiffic Unsplash
Península de Le Morne – Foto: Xavier Coiffic / Unsplash

O QUE PENSAR ANTES DE PARTIR NUMA VIAGEM A ILHAS MAURÍCIO

VISTO DE ENTRADA E DOCUMENTOS

Não é necessário nenhum tipo de visto para entrar no país para visitas de turismo. As autoridades de imigração, na chegada, quem dão o direito de entrar no país. Entretanto, o passaporte precisa ter validade pelo período da visita e ainda ter pelo menos duas páginas em branco. Ainda é necessário apresentar o bilhete de retorno, além do comprovante de hospedagem durante toda a estadia.

Quando eu visitei Maurícios, eles ainda estavam exigindo o comprovante de vacinação e um seguro de saúde que cobria despesas com a COVID 19. Mas não vacinados também podiam entrar, desde que ficassem 7 dias em isolamento. Outra exigência, era a necessidade de fazer um teste de covid no momento da chegada.

Entretanto, desde o dia 01.07.2022 as Ilhas Maurício estão abertas para todos e sem nenhuma das exigências mencionadas. Como as exigências podem mudar de uma hora para outra, eu recomendo fortemente que você se informe no site oficial. Neste site você encontra quais são as vacinas aceitas e as regras mais recentes de entrada no país.



SEGURO DE VIAGEM

Este é um assunto de deve ser tratado com bastante cuidado antes de se iniciar uma viagem. Seja para qual for o destino, ter um seguro de viagem sempre é muito indicado, independentemente da idade do viajante. Entretanto, para destinos remotos, como é o caso de uma viagem para Maurícios, ter um seguro passa a ter uma importância ainda maior.

Não viaje sem seguro de viagem! >>> Faça o seu!

Apesar de Seychelles contar com estado sanitário satisfatório, em contrapartida as suas estruturas hospitalares são inadaptadas para receber pacientes que sofrem algum tipo de acidente ou de doença grave. E ainda mais em se tratando de ilhas mais remotas, onde muitas vezes não existem médicos disponíveis, deve-se pensar seriamente em opções caso algo venha a acontecer.

SEGURO VIAGEM É IMPRESCINDÍVEL?

SEGURO VIAGEM: A IMPORTÂNCIA DE TER UM E COMO COMPRAR

QUANTO CUSTA UMA VIAGEM PARA ILHAS MAURÍCIO

Esta é uma pergunta espinhosa e difícil de ser respondida sem ser de forma generalista. Primeiramente porque depende do tipo de viagem que cada pessoa vai fazer. Pois existem opções para viagens simples, para viagens sofisticadas e ainda para viagens de sonhos. Principalmente porque varia do tipo de experiência que vai se querer ter. Entretanto, vou tentar dar uma ideia de valores para quem está organizando uma viagem para Maurícios, pode, ao menos, ter uma ideia básica.

A fama de uma viagem cara vem do fato de Maurícios ser um destino remoto e de difícil acesso. Sobretudo por ter hotéis fantásticos e exclusivos. Mas Maurícios não vive só de resorts de luxo, inclusive a oferta de casas e apartamentos para alugar é grande!

Como os valores de pacotes para Ilhas Maurício podem ser facilmente pesquisados pela internet, eu não vou entrar neles. Até porque não foi a forma como eu viajei para lá. Outrossim, vou falar dos preços de voos e de hospedagem que encontrei quando organizei minha viagem.

PREÇOS DE VOO PARA ILHAS MAURÍCIO

Como não existem voos direto do Brasil para Ilhas Maurício. Então será necessário fazer uma conexão na Europa ou até mesmo na África do Sul. Como eu moro na Alemanha, vou falar especificamente da minha procura com voos saindo de Frankfurt.

Comecei a procurar valores e comprei a passagem com cerca de 3-4 meses de antecedência. Já posso adiantar com toda certeza, que o período de viagem influência muito no valor da passagem. Desta maneira deixo claro que minha viagem aconteceu final de maio e começo de junho.

Para este período eu encontrei valores de Frankfurt até Maurícios a partir de 600 euros pela Air France, Emirates e a Qatar. Existe um voo pela Condor Airlines a partir de Frankfurt, mas como é um voo direto ele custava a partir de 900 euros por pessoa.

Seguros Promo

PREÇOS DE HOSPEDAGEM ILHAS MAURÍCIO

Naturalmente, você vai encontrar todas as formas de hospedagem. Os apartamentos simples com um quarto e que não tem nenhum tipo de serviço, além de limpeza, custam a partir de 80 euros por noite. A partir disto, é bom saber que quanto mais próximo do mar e mais confortável a hospedagem é, como é de se imaginar, mais caro fica.

Para ter uma ideia de valores média, eu diria que um casal, num resort bacana (não estou falando de resort luxuoso!) pode contar com diárias entre 250 e 300 euros por dia. Certamente, existem vários hotéis com diárias de valores bem maiores do que estas. Mas vale dizer que eles “valem o quanto pesam”. Definitivamente, são hotéis incríveis.

Quem procura casas e apartamentos de aluguel consegue encontrar custo benefício bem melhor. Eu aluguei apartamentos com 3 quartos, um em Le Morne e outro em Belle Mare, e paguei em ambos cerca de 200 euros de diária. Posto que, estes apartamentos ficavam de frente para o mar, mas eram em regiões onde foi necessário alugar carro para se deslocar. Minha prioridade foi tranquilidade e mar em frente de casa. Definitivamente foi o que encontrei. 🙂

IDEIA DE PREÇOS EM MAURÍCIOS

Em nenhum momento quero passar a ideia de que viajar para Ilhas Maurício é baratinho. Temos que ter em mente que muitas das coisas que circulam na ilha vem de fora. Fora que esta é uma ilha que fica num lugar super distante. O continente mais próximo, a África, fica a mil quilômetros de distância.

Entretanto também não acho justo espalhar a ideia de que seja muito caro. Não é. Inclusive é possível visitar Maurícios com orçamento limitado. Na realidade, a viagem por lá não é nada muito diferente do que se gasta em outras viagens. Para quem está acostumado a visitar algumas cidades famosas pelo mundo, como Nova York e Paris, por exemplo, não vai sentir muita diferença.

Os supermercados e restaurantes correspondem aos preços na Alemanha, por exemplo. Apenas comida local na beira da estrada é muito mais barata. Para lhe dar uma visão geral dos preços comuns, aqui está:

Garrafa de água (1,5l) = 0,50 a 0,75 euros

Bilhete de ônibus = aproximadamente 0,75 euros

Gasolina (1l) = aproximadamente 2 euros

Comida local simples = 5 a 8 euros

Comida ocidental = 10 a 20 euros

ALIMENTAÇÃO E SUPERMERCADO

Fique tranquilo, a cozinha continental, como massas, batatas fritas, pizzas ou hambúrgueres estão disponíveis em todos os restaurantes. Basicamente, a comida típica em Maurício é uma mistura de crioulo e indiano. Assim sendo, você encontra muito peixe e arroz. Vinhos, cervejas, sucos e refrigerantes também estão disponíveis em todos os lugares. O nível de preços é semelhante ao da Alemanha, apenas nas barracas de praia são significativamente mais baratas.

Ao contrário do que eu esperava, eu achei os supermercados de Maurícios bem abastecidos e com preços semelhantes aos que eu encontro na Alemanha, onde moro. Eu estava bem receosa, pois a gente alugou apartamento e nossa intenção era fazer algumas refeições em casa. Como a minha experiência em Seychelles não tinha sido das melhores (lá os supermercados que encontrei eram bem simples), achei que Maurícios seria igual. Ainda bem que estava enganada!

Nos supermercados das Ilhas Maurício a gente encontra de tudo que estamos acostumados. A variedade é grande de iogurtes, frutas, vegetais, carnes, produtos de limpeza, etc. Para quem viaja com crianças e bebês, eles tem comida para bebê, leite em pó e fraldas. Inclusive, eu encontrei até frango brasileiro! Então, se você está planejando alugar um apartamento ou uma casa na ilha, vá tranquilo. A oferta nos supermercados é boa.

COMO É A COMIDA NAS ILHAS MAURÍCIO

Podemos resumir a comida da ilha em colorida, versátil e bem temperada. Isto graças a excitante mistura de influências asiáticas, africanas e europeias que criou uma mistura apaixonada e complementada pelas tradições crioulas. Dessa maneira, espere encontrar samosas, currys, vários pratos asiáticos como riz frit e mine frit (arroz frito e macarrão frito). Assim como, ainda peixes, frutos do mar e molhos picantes. Certamente, a ilha conta com inúmeros restaurantes, mas os mauricianos amam comida de rua. Então, por todo o canto você vai encontrar carrinhos de lanches oferecendo pratos rápidos, feitos na hora e com preço bem camarada.

Comida Ilhas Maurício

ÁGUA EM MAURÍCIO

A água da torneira é potável e está em conformidade com os regulamentos da Organização Mundial da Saúde. Bem como é muito fácil achar minimercados que vendem água em garrafinha. Em princípio, não espere encontrar vendedores de águas nas praias ou barzinhos bem próximos a elas.

QUANDO IR PARA AS ILHAS MAURÍCIO?

Sem dúvida, a Ilhas Maurício é aquele tipo de destino que pode ser visitado durante todo o ano. Afinal, o clima de Maurícios é tropical, então a temperatura é agradável durante o ano todo. Apesar de eles dividirem as estações em verão e inverno, as temperaturas não variam tanto. A média de temperatura é de 26°C e 20°C, sendo que o período mais quente acontece entre dezembro e fevereiro, já o mais frio é entre julho e agosto.

Mas estamos falando de média, e claro que a temperatura pode chegar fácil nos 34°C no alto verão. E o verão é uma época que pode acontecer de chover um pouco. Ah! Ainda saiba que os ciclones tropicais podem aparecer na ilha principalmente entre janeiro e abril.

Dizem que a época mais agradável para visitar Maurícios é entre maio e junho, bem como de setembro a novembro. Pois a temperatura é agradável, nem muito quente e nem muito frio e ainda as chuvas são limitadas. Fora que a alta temporada já passou (entre novembro e abril) e os preços estão melhores e a ilha mais vazia.

Meu conselho

O que eu aconselho mesmo é saber qual região da ilha se quer visitar e o que quer fazer. Pois existem épocas distintas para alguns esportes e atividades. Então é importante descobrir quais são estes períodos para visitar na época certa. Por exemplo, se você deseja ver as baleias jubarte, você deve ir entre julho e novembro.

Fora isso, eu também acho importante saber se no período que você deseja ir bate vento forte onde pretende ficar ou não. Pois o vento pode ser um fator determinante no caso da Ilha Maurício.

Ventos em Maurícios

A região mais turística de Maurícios fica no Norte e no Noroeste da ilha e isso não é à toa. Afinal, ali, durante o ano todo você estará mais protegido do vento. Mas apesar de ser bonito, esta não foi nem de perto minha região preferida na ilha. Eu amei ter ficado hospedada em Le Morne e em Belle Mare, mas estas são regiões onde o vento sopra forte entre maio e outubro. Nós pegamos um ventinho intenso já no fim de maio em Belle Mare.

Dessa forma, se você quer ficar na parte Sul, Sudeste e Leste da ilha, deve ou se preparar para o vento ou fugir dele, escolhendo outro período. Este é o motivo de nestas regiões, principalmente na parte sudeste da ilha ter bastante windsurf e kitesurf.

A melhor época para algumas atividades

Snorkeling e mergulho

Estas são atividades que você pode fazer durante todo o ano. No entanto, a melhor época para um bom mergulho é entre dezembro e março. Inclusive, a costa norte e oeste é mais recomendada, pois pode haver mais ondas altas e correntes perigosas na costa leste.

Mergulhe em Maurícios!

mergulho Ilhas Mauricio
Snorkeling em Maurícios (Belle Mare)

Pesca

Caso você goste de pesca em alto mar, o ideal é ir de outubro a abril.

Ver baleias jubarte

Apesar de você conseguir ver as baleias durante o ano todo, elas são mais facilmente visíveis entre julho e novembro. Já que neste período elas dão à luz seus filhotes nas águas calmas. Inclusive, um ótimo ponto de observação é a ilha de Coin de Mire, no norte da Ilhas Maurício, pois grupos inteiros de baleias jubarte passam por ali entre julho e agosto.

Veja baleias em Maurícios!

Nadar com golfinhos

Esta é uma atividade que você pode fazer o ano todo. Eu fiz e adorei!!

Mergulhe com Golfinhos em Maurícios!

A melhor época para windsurf e kitesurf

Os praticantes de windsurf e kitesurf já sabem que Maurícios é um excelente ponto para prática destas atividades. Inclusive, o sul de Maurícios, Le Morne, é especialmente conhecido, pois tem uma baía perfeita. Claro que é possível praticar windsurf e kite o ano todo, mas os ventos ideais são de junho a outubro.

Le Morne Windsurf
Windsurf em Le Morne

QUANTOS DIAS NAS ILHAS MAURÍCIO

Esta é a grande dúvida de quem está planejando uma viagem para Maurícios pela primeira vez. Afinal, quantos dias ficar? Qual parte da ilha escolher? Realmente esta não é uma dúvida fácil de se sanar. Principalmente porque gosto é uma coisa muito particular e quando não se esteve lá antes, não se sabe qual é mais o seu estilo. Dessa forma, o ideal é ler bastante para conhecer bem cada região e assim escolher com mais propriedade.

Outro ponto a se levar em consideração é o estilo de viagem que quer se fazer. Muitos visitantes querem somente relaxar e curtir uma mesma praia ou resort. Já, outros, querem ver o máximo possível de praias e lugares. E ainda tem aqueles que ficam no meio termo. Onde eu me encaixo. 🙂

Justamente por causa da distância, eu acredito que uma semana seja o mínimo para ficar na ilha. Nós ficamos 12 dias e eu acredito que 14 dias teriam sido o ideal para nós. Pois optamos por ficar 1 semana nos arredores de Le Morne e de lá fazer passeios pela região sul da ilha. O restante do tempo escolhemos Belle Mare e de lá partimos para conhecer o norte da ilha. Mas nós estávamos com uma criança de 6 anos e com meus sogros, que tem 70 anos. Então, nosso ritmo foi mais lento e bem ao estilo férias sem pressa. Por isso, não conseguimos fazer alguns passeios que tínhamos planejado, como conhecer a capital Port Louis, por exemplo.

1ª VIAGEM PARA MAURÍCIOS

Numa primeira viagem para Maurícios, eu recomendo pelo menos 10 dias e ainda escolher duas regiões da ilha para se hospedar. Maurícios apresenta bastante diferença de paisagem entre o norte e o sul, assim como no leste e no oeste. Quem optar por ficar somente num resort e não tiver o interesse de desbravar a ilha, acredito que uma semana seja de bom tamanho.

Como já mencionei, eu adorei ter escolhido a região de Le Morne e Belle Mare para ficar. Mas optamos por estar de carro e eu sabia que poderia pegar vento (fomos fim de maio). E pegamos um tanto de vento em Belle Mare, sim. Nada que atrapalhou nossas férias, mas a gente percebeu que naquele lado da ilha estava bem mais fresco que no oeste e norte no mesmo período.

Entretanto, as praias e paisagens mais lindas são realmente no sul, sudeste, sudoeste e leste. Eu não recomendo se hospedar no norte, a região mais turísitica. Eu achei bem muvucado e as praias ok se comparadas com as outras regiões.

Belle Mare ILhas Maurício
Belle Mare

HOSPEDAGEM NAS ILHAS MAURÍCIO

O que não faltam em Maurícios são hotéis incríveis, daqueles de sonhos e de lua de mel. Mas o que eu acho mais importante de ressaltar, é que na ilha existem hospedagem para todos os bolsos. Maurícios é bem democrática e você encontra bons hotéis a preços bem legais. Assim como encontra apartamentos excelentes com preços justos. Afinal, nem todos podem pagar verdadeiras fortunas em diárias, mas a ilha recebe pessoas de todos os budgets.

Para facilitar e explicar tudo, estou fazendo um post só sobre hospedagem em Maurícios. Daí nele vou contar nossa experiência e tudo que li e vi, assim como minhas recomendações. 😉

Marriott Le Morne
Hotel JW Marriott em Le Morne
Booking.com

Onde se hospedar nas Ilhas Maurício

Qual costa é melhor para ficar em Maurício?

Esta é uma pergunta não muito fácil de responder, pois depende muito das suas intenções e época do ano. Mas vou tentar te ajudar de uma forma objetiva abaixo. Aliás, eu fiz um post só sobre onde ficar em Maurícios, passa lá!

Já adianto que eu amei o sul e o leste, especialmente as praias de Le Morne e Belle Mare. E vou alertar: a paisagem é bem mais incrível no sul com as suas montanhas e rochedos. Fora que as praias são quase desertas e ainda mais bonitas. Sem dúvida, no sul você encontra mais natureza e originalidade.

Apesar de ter algumas praias bonitas no norte e a grande maioria dos turistas irem para lá, eu achei esta região muito povoada, turistóide e muito bagunçada. E olha que eu fui na baixa temporada…


+ ONDE FICAR EM MAURÍCIOS


Para fugir do vento

De abril a outubro: Litoral Norte e Litoral Oeste.

De novembro a março: todas as costas.

Para grandes mergulhos e pores do sol inesquecíveis

Eu indico Flic en Flac (para quem deseja mais estrutura) e toda Costa Oeste. Costuma-se dizer que “o oeste é melhor” para quem vai para pegar praia e certamente eu concordo. Pois a costa oeste tem praias imbatíveis que vão desde as areias brancas e finas de Trou aux Biches, no extremo norte, até a isolada Península Le Morne, na ponta sudoeste da ilha.

Le Morne Por do sol
Pôr do sol em Le Morne
Praias incríveis
  • Le Morne
  • Belle Mare
  • Point d’Esny
  • Blue Bay
  • Ile Aux Cerfs
Com crianças
  • Pereybére em Grand Baie no norte
  • Mont Choisy perto de Grand Baie no norte
  • Trou aux Biches perto de Grand Baie no norte
  • Flic n Flac no oeste
  • Le Morne no sudoeste
  • La Prairie no sul
  • Point d’Esny no sudeste
  • Blue Bay no sudeste Belle Mare no leste
Praias Públicas

Quando você estiver pesquisando sobre as praias em Maurícios, você vai encontrar em muitos lugares áreas designadas como “Praia Pública”. Isto não significa que as outras praias são exclusivas dos hotéis que estão junto delas. Todos podem usufruir das praias em Maurícios, mas claro que os hotéis costumam colocar uma certa estrutura privada que não pode ser usada por não-hóspedes.

Mas a boa notícia é que a grande maioria das boas praias tem praias públicas. E estas são áreas onde tem estacionamento gratuito e acesso livre a todos. Muitas destas praias contam com banheiros públicos limpos e duchas. Ainda nas mais visitadas encontramos vários carrinhos que vendem comidas e até souvenires. Em algumas é possível até alugar cadeiras e guarda-sol, o que nem sempre é necessário, já que as praias costumam ter muitas árvores até bem próximo da beira.

Tamarin Public Beach Maurícios
Tamarin Public Beach

TRANSPORTE NAS ILHAS MAURÍCIO

AEROPORTO

O Aeroporto Internacional Sir Seewoosagur Ramgoolam é o principal e mais movimentado aeroporto internacional de Maurícios. Ele fica a cerca de 48 km a sudeste da capital Port Louis.

Seguros Promo

DIRIGIR EM MAURÍCIOS

Para aqueles que pretendem dirigir nas Ilhas Maurício, deve-se estar alerta que é usada a mão inglesa. Ou seja, dirige-se pela esquerda. Se você não estiver habituado a conduzir pela esquerda, recomendo que alugue um carro com câmbio automático. Assim você não precisa se preocupar em mudar a marcha com a mão esquerda e pode se concentrar totalmente na direção.

Sobre a experiência de dirigir em Maurícios, eu li muitos blogs falando que os motoristas eram imprudentes por lá, que o trânsito era terrível, as estradas precárias, etc. Devo dizer que não foi o que nós encontramos. Ok, o trânsito não é uma maravilha, mas é mais só nas regiões mais habitadas, como nos arredores da capital e principalmente no horário de rush (no começo da manhã e no fim do dia).

Estradas

As estradas são boas e com várias rotatórias, sendo que algumas são mais estreitas e o trânsito fica mais lento. Em áreas habitadas você pode dirigir a 40 km/h, fora destas áreas a velocidade permitida é de 90 km/h ou 110 km/h em vias expressas. Inclusive, esteja atento e respeite os limites de velocidade, porque tem vários radares pela ilha. Outro motivo para prestar atenção é que quase nenhuma estrada tem acostamento.

Por fim, você não precisa ter uma carteira de motorista internacional em Maurício. Então você pode simplesmente usar a sua carteira de motorista.

Estradas Ilhas Maurício
Estrada no sul de Maurícios, arredores de Le Morne
Alugar carro em Maurícios

Nós adoramos a flexibilidade de estar de carro alugado nas Ilhas Maurício. Dessa forma, percorremos a ilha quase toda e pudemos conhecer várias praias lindas e diferentes nuances dela. Inclusive, não achamos as estradas ruins, como havíamos lido e também não pegamos grandes congestionamentos. Mas claro, evitamos a capital e as áreas mais turísticas nas horas de rush. Então, eu recomendo muito alugar um carro se você quer realmente conhecer Maurícios. Vale muito a pena desbravar seus vários cantos, e isto só é possível de carro.

Certamente, você pode encontrar lojas da Hertz, Sixt, Europcar e outras no aeroporto. Mas eu recomendo você já alugar antes de sair do Brasil. Pois na hora sempre é mais caro e você corre o risco de não conseguir o carro que quer. Dê uma olhada nos preços de várias locadoras através da Rentcars.com. Fora que ainda você pode fazer o pagamento em Reais, sem IOF e parcelar em até 12 vezes sem juros. 😊

Como ir do aeroporto para o hotel

Se você reservou suas férias como um pacote, geralmente não precisa se preocupar com sua transferência, pois será buscado diretamente no aeroporto. Caso você mesmo tenha feito suas reservas e não queira alugar um carro, saiba existem várias maneiras de ir do aeroporto ao hotel.

Transfer do Hotel: a maioria dos hotéis oferece seu próprio serviço de transfer, basta perguntar no seu hotel. Entretanto, o serviço de transfer dos hotéis é sempre o mais caro.

Táxi: você pode pegar um táxi do aeroporto. No entanto, os táxis na Ilhas Maurício não costumam usar taxímetro, o que significa que você precisa negociar o preço com o motorista com antecedência.

Reservar transfer privado: você também tem a opção de reservar o seu transfer online. O motorista estará esperando por você na saída com uma placa em mãos e o levará direto ao seu hotel. Você pode reservar um transfer aqui.

DIFERENÇA DE FUSO HORÁRIO DE MAURÍCIO E HORAS DE SOL

Maurício está 7 horas à frente do Brasil (GMT +4). Já a diferença entre a Europa e o país é  de +3 ​​horas no horário de inverno e apenas +2 horas no horário de verão.

Quanto ao sol, os visitantes conseguem aproveitar cerca de 12 horas de sol por dia ao longo do ano.


COMO LIDAR COM AS DIFERENÇAS DE FUSO HORÁRIOS NAS VIAGENS


CORRENTE ELÉTRICA E TOMADA

A corrente elétrica é de 230 Volts e 50 Hz.

As tomadas são de dois e três pinos (tipo C e G). No entanto, a maioria dos hotéis oferece adaptadores ou instalou tomadas padrão europeias, além das tomadas das Ilhas Maurício. No entanto, por segurança, ainda recomendo levar um adaptador de viagem.

Tomada Ilhas Maurício

TELECOMUNICAÇÕES

Em Maurício, a gente encontra um serviço moderno de comunicações e as ilhas têm boa infraestrutura para se usar celular e internet. Existem dois grandes operadores na ilha: Orange e Emtel.

Se pretende usar o seu celular brasileiro numa visita, verifique com sua operadora se o roaming está disponível para este país. Caso negativo, é possível comprar um chip local já no aeroporto, na sua chegada.

O código do país é +230.

COMPRAS MAURÍCIOS

Quem planeja comprar souvenires ou artigos em Maurícios pode voltar decepcionado. Primeiramente, as ofertas são poucas e a gente encontra aquele básico: camiseta, toalha, imã… Fora que quase tudo tem o desenho do Dodô, o animal que um dia viveu na ilha e foi extinto séculos atrás. As lojas de souvenires estão mais concetradas na parte norte da ilha e nas praias com mais turistas, como Grand Baie e afins. Mas claro que você encontra artigos para presentear em todos os supermercados das Ilhas Maurício.

Entretanto, um bom presente e lembrança para se trazer das ilhas é seu rum. Fabricado na ilha de Maurício e feito a partir de cana de açúcar plantada da ilha. Ao contrário de Seychelles, onde tem uma marca famosa de rum, em Maurícios você encontra várias.

O QUE VESTIR NUMA VIAGEM A ILHAS MAURÍCIO

Taí um tópico que você precisa se preocupar bem pouco! O destino é de praia, quente e úmido, para tanto você precisa levar roupas leves e confortáveis. Tudo é muito simples por lá. Eu levei bem pouca roupa e ainda voltei com várias sem usar. Não esqueça de levar chapéu (ou boné), óculos de sol, e protetor solar.

Além das roupas de praia do dia a dia, leve pelo menos uma roupa mais casual para jantar à noite. Muitos restaurantes e hotéis exigem calça e sapatos para os homens. Mas se você não for se hospedar em resorts luxuosos, certamente não precisa ser nada sofisticado.

Ainda aqueles que planejam fazer trilhas pelas matas e para visitar praias mais remotas devem lembrar de levar roupas e sapatos apropriados.

DICAS PARA A VIAGEM

  • Leve óculos de mergulho e snorkel com você em todos os lugares.
  • Tenha um sapato de praia, muitas praias tem corais e podem machucar o pé, fora a dificuldade de caminhar.
  • Dizem que tem muitos mosquitos na Ilhas Maurício, especialmente no sul. Mas devo dizer que eu fui em maio e fiquei no sul, e não precisei de repelente nenhuma vez. No entanto, observei que nos hotéis e apartamentos existem fragrâncias anti-mosquito para a tomada.
  • Reserve sua hospedagem com antecedência, desta forma costuma se conseguir tarifas melhores.
  • Para evitar multidões e preços altos, evite as férias de inverno na Europa.

Gostou do post?

Tem mais alguma sugestão ou informação para nos dar e melhorarmos o post? Então, escreve para gente ali nos comentários! Com certeza, suas dúvidas e informações vão enriquecer a gente e nossos outros leitores!

LEIA TAMBÉM:

Fale com a gente!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

O Viajoteca usa cookies para tudo funcionar direitinho no seu browser, tudo bem? Aceito Leia mais

Privacidade & Cookies