Dicas de Viagem

GUIA DE VIAGEM : TORONTO

Tudo o que você precisa para organizar sua próxima viagem à Toronto no Canadá, pode ser encontrado aqui no nosso espaço ” Guia Viagem : Toronto “. Todos os links e dicas da cidade em um só lugar e super fácil de encontrar.

PS: sempre que encontrar uma palavra ou frase em laranja, ela te encaminhará para outros posts do viajoteca ou links, que acrescentarão mais informações sobre o tema. 

Guia de Viagem : Toronto

Toronto: uma cidade para todos

Orgulhosa de ser uma das cidades mais multiculturais do mundo, Toronto abre as portas para visitantes, estudantes, novos imigrantes e residentes, de forma aberta e sem barreiras. Pense em um lugar onde 140 linguas são falada diariamente pelas ruas, e que pelo menos metade dos moradores não nasceram no Canadá? Essa é Toronto…

Quem vai passar apenas alguns dias na cidade, talvez não note essa diversidade, mas própria a estrutura da cidade é dividida em “tribos”, sub-bairros com características e identidade própria, mas que se misturam e formam um emaranhado de pessoas orgulhosas da cidade que residem.

Toronto tem vários apelidos, entre eles o mais novo e criativo é; “The6ix” ou “The Six”, inventado e registrado por ninguém menos que o Drake, um dos rappers mais famosos da atualidade e que chama Toronto de casa. Outros apelidos são: TO, Hogtown, Big Smoke, T-Dot, YYZ etc

Muito bacana, não é mesmo? Mas agora, vamos aos tópicos para você organizar sua viagem!

Guia de Viagem : Toronto

Guia de Viagem : Toronto

Antes de embarcar:

Passaporte: deve estar válido no momento da entrada.

Visto: brasileiros precisam de visto para embarcar e entrar no país. Desde Maio/2017 há duas formas de “visto de turismo”.

TRV – temporary residence visa: visto completo de turismo, guia passo a passo do visto online aqui.

eTA – visto eletrônico válido para quem tem visto válido americano ou já teve visto canadense. É mais rápido de emitir, mais barato, mas há restrições, todos os detalhes do eTA aqui.

Como passar a imigração: nesse post tem o passo a passo de como proceder ao chegar no aeroporto em Toronto.

Seguro viagem: não é obrigatório, mas não é recomendado viajar sem ele. O Canadá não cobre serviços hospitalares e/ou de emergência para turistas ou estudantes. (Faça sua cotação com a Real Seguros).

Vacinas: brasileiros não precisam de nenhum tipo de vacinação para entrar no Canadá, até o momento que foi produzido esse post (20/Ago/2016).

Carteira de habilitação internacional: não é preciso, basta a carteira de motorista brasileira válida, para poder dirigir no Canadá de 3 a 6 meses, dependendo da província.  Leia: Dicas para alugar o carro no exterior.

Fuso horário: Outubro à Março (EST – 3 horas a menos de Brasília) e Abril à Novembro (EDT – 1 hora a menos de Brasília).

Gorjeta: 15-20% em restaurantes e 10-15% em taxis (Uber não precisa). No hotel: porteiro que chama taxi $2, mensageiro de $2 a $5 por mala, camareira de $2 a $5 por dia, valet/motorista $5.

Consulado do Brasil em Toronto: 77 Bloor Street West (Suite 1109) / Ph: +1 (416) 922 2503 / Website: toronto.itamaraty.gov.br

Tipo de tomada: dois tipos de tomada encaixam nos plugs do Canadá, as imagens abaixo ilustram.

Tipo de Tomada no Canadá

Dinheiro:

Dolar Canadense (C$ – CAD)

A média atual de conversão: 1CAD = 2,50BRL (veja no XE o valor de hoje)

Você consegue trocar dolar americano por dolar canadense em qualquer caixa de banco, eles cobram uma taxa de aproximadamente C$5 por transação. Se tiver amigos ou familiares que tenham conta em algum dos bancos locais, essa taxa é isenta, desde que eles estejam com você.

Evite trocar dinheiro em casa de câmbio próximo ao shopping Eaton Centre / Dundas Square, pois a cotação costuma ser a pior da cidade.

Máquinas de ATM podem ser encontradas por toda Toronto; em bancos, lojas de conveniência, fármacias etc.

Aeroportos:

 

  • Billy Bishop Toronto City Airport (2.5km de downtown): o aeroporto é pequeno e recebe somente vôos internos ou de alguns locais dos Estados Unidos, mas a praticidade é incrível, além da vista da cidade ao decolar e pousar.

Quando ir:

Maio, Junho e Setembro: excelente época para curtir Toronto, mas sem a muvuca da alta temporada do verão. Preços dos hoteis costumam ser competitivos, mas ainda é tranquilo de passear, sem precisar se agasalhar muito.

Julho e Agosto: altíssima temporada, especialmente nas escolas de inglês que ficam lotadas de gente do mundo inteiro. E aqueles que pensam que no Canadá não existe verão, nunca foi a Toronto nessa época do ano, claro que as vezes bate uma frente fria, mas geralmente a cidade é muito quente, chegando facilmente a 35C durante o dia. Caminhar pela cidade nessa época, especialmente em dias de sol é uma maravilha; a cidade vibra (apesar das construções de downtown) e os locais estão prontos para curtir cada minuto de clima ameno. Também não faltam opções de festivais, restaurantes e bares (Torontonians adoram os patios, bares com varanda para happy hour). Geralmente tem poucas opções de shows da broadway, ballet ou ópera nessa época do ano . Leia: Passeios em Toronto no verão 

Novembro e Março: evite se puder, são os piores meses do ano, pois em Novembro as folhas do outono já cairam, o frio chegou e o clima de natal ainda não bateu. Março é o final do inverno com um clima cinzento, neve suja pelas ruas e aquela esperança de dias de sol e temperaturas positivas (risos).




Dezembro à Fevereiro: eu aconselho ir nessa época somente quem realmente quer vivenciar o inverno, no real significado da palavra, ou para quem gosta de praticar esportes de inverno, do contrário, o passeio pode virar um martírio, pois caminhar no frio intenso dói e deixa tudo mais devagar. Leia também: Onde esquiar em Toronto e Razões para visitar Toronto no inverno

Leia também:

Como é o clima em Toronto (mês a mês)

Quando visitar o Canadá

Guia de Viagem : Toronto

Roteiro de 2 dias em Toronto:

Esse roteiro de 2 dias em Toronto que preparei com mapas, dicas de restaurantes e passeios, pode ser facilmente feito em 3 ou 4 dias, ficando tudo mais espaçado e tranquilo.

Recomendo também ler o roteiro de 14 dias pelo leste do Canadá, começando e terminando em Toronto. E algumas sugestões para bate e volta desde TO.

Leia também:

Como se localizar em Toronto:

As pessoas em Toronto se localizam usando os pontos cardeais, além das intersecções das ruas principais, que eles escrevem e falam assim: Queen x Yonge.

Para entender a questão dos pontos cardeais, tenha sempre em mente a Yonge Street para definir seu leste e oeste, e sul é onde fica o Lago Ontario.

Enfatizo que a Yonge St é a linha divisória da parte leste e oeste da cidade, pois grande parte das ruas principais de Toronto tem o mesmo nome, mudando somente o final leste ou oeste (East ou West), dessa forma não esqueça de prestar atenção no final do nome da rua, do contrário, você pode parar em um lugar completamente diferente do que está procurando ?. [Aqui um mapinha tosco para te ajudar a entender esse emaranhado de ruas]

Leia: Como usar transporte público em Toronto

Onde se hospedar em Toronto:

Os locais de hospedagem em Toronto preferidos de turistas, devido a localização e facilidade de locomoção são; os bairros de Yorkville e a região de downtown, que inclui Yonge x Dundas, Distrito Financeiro e Distrito de Entretenimento.

Para deixar sua vida mais fácil, esse post descreve em detalhes cada um dos bairros e indica alguns dos hoteis disponíveis em cada local.

Bairros para jantar e sair a noite:

Toronto tem várias ruas ou regiões para sair a noite e jantar, geralmente os restaurantes fecham a cozinha por volta das 22hs, então não recomendo programar de comer muito mais tarde que 20h30 ou 21h.

Minhas recomendações de locais para jantar ou sair a noite:

  • King St West: entre as ruas Spadina e Bathurst
  • The Esplanade: entre as ruas Scott e Church
  • Front St: entre as ruas Church e George
  • Distillery District
  • Yorkville Park: vários restaurantes nessa região
  • Danforth Ave: entre as ruas Chester e Pape
  • Queen St West: entre as ruas Simcoe e Bathurst
  • West Queen West: entre as ruas Bathurst e Dufferin

Locais alternativos, off beaten para turistas

  • Dundas West: entre as ruas Ossington e Dovercourt
  • The Junction: na Dundas St W. entre as ruas Keele e Mcmurray
  • Bloor West: entre as ruas Dovercourt e Crawford
  • Bloor Village: entre as ruas Dufferin e Lansdowne
  • Little Italy: na College St entre as ruas Borden e Dovercourt
  • Church St: entre as ruas Wellesley e Alexander (LGBT)
  • Riverside: na Queen St E. entre Davies e Boulton
  • Parkdale: na Queen St W. entre Dufferin e Roncesvalle

Prometo que um dia vou escrever sobre cada uma dessas ruas, mas nesse meio tempo, deixo duas listas de restaurantes testados e aprovados (com mapa) – são 19 para você escolher:

Compras em Toronto:

O principal shopping da cidade, que fica ali em downtown chama-se Eaton Centre. Mas meu shopping favorito, e mais fora de mão para turistas é o Yorkdale.

A rua mais fashion da cidade é a Bloor St em Yorkville, especialmente entre Avenue Road e Yonge St.. A Queen St. West, especialmente entre a Beverley St e Gore Vale Ave, também é bacana de passear, apesar de mais alternativa.

E para quem gosta de outlets, meu favoritos são Vaughn Mills e Toronto Premium Outlets – todos os detalhes nesse post.

Inglês básico para viagem:

Um série de posts, dividido por temas, com palavras e frases em inglês para você se virar durante sua viagem:

Fotos de Toronto para te inspirar:

Este slideshow necessita de JavaScript.