Logo

Dart River: Explorando o Mount Aspiring National Park de Jet Boat

by / 3 Comentarios / 27 de janeiro de 2015

Já fazia algum tempo que um passeio de Jet Boat por algum dos inúmeros rios de origem glacial que nascem no Southern Alps da ilha Sul da Nova Zelândia estava na nossa bucketlist. Aproveitando nossa última viagem à Queenstown no final do ano passado, decidimos riscar mais esse item da nossa lista de coisas para fazer na Nova Zelândia. E já que esperamos tanto, acabamos optando por fazer um dos melhores. O passeio de Jet Boat com a Dart River Jet Safaris pelo interior do intocado Mt. Aspiring National Park.

Jet Boat Dart River no Mt. Aspiring National Park (17)

Considerado o mais longo, e provavelmente o mais impressionante e cênico dos passeios de Jet Boat da região de Queenstown e arredores. O Dart River Wilderness Jet não é dos passeios mais baratos, mas leva você ao coração deste belíssimo e praticamente intocado parque nacional neozelandês Uma área de acesso extremamente limitado em que você teoricamente só chega à pé, Jet Boat ou helicóptero.

Jet Boat Dart River no Mt. Aspiring National Park (22)

Reconhecido como patrimônio mundial da humanidade pela UNESCO juntamente com os parques nacionais de Fiordland, Westland e Mount Cook. O Mount Aspiring National Park está inserido numa área de conservação também conhecida como Te Wahipounamu que além de abrigar alguns dos ecossistemas mais preservado do país, abriga também a melhor e mais preservada representação moderna da antiga biota de Gondwana ainda existente no mundo.

Jet Boat Dart River no Mt. Aspiring National Park (4)

Uma experiência absolutamente inesquecível que combina não apenas natureza exuberante de um ambiente selvagem com florestas nativas intocadas, enormes montanhas, algumas das quais com picos nevados que por sua vez abastecem rios de degelo que são alimentados por outros afluentes de águas tão transparentes que é possível se enxergar os peixes. E que além de tudo isso, ainda combina uma boa dose de adrenalina.

Jet Boat Dart River no Mt. Aspiring National Park (12)

Isso mesmo, adrenalina. À medida que o Jet Boat deixa as águas plácidas do Lake Wakatipu em Glenorchy e entra no delta da foz do turbulento Dart River e começa a desbravar os meandros das morainas glaciais em manobras agéis e arrojadas. O frio na barriga começa e só vai aumentando à medida que o Jet Boat vai fazendo seu caminho a montante.

Jet Boat Dart River no Mt. Aspiring National Park (5)

Bem, e isso não poderia ser diferente estando na Nova Zelândia, particularmente na região de Queenstown. Se você nunca ouviu falar em Jet Boat, bem trata-se de um barco sem hélices com propulsão “à jato” que atinge velocidades de até 80-90Km/h e que além de extremamente ágil, consegue navegar numa lâmina dágua de apenas 15-20 cm.

Jet Boat Dart River no Mt. Aspiring National Park (16)

Uma invenção neozelandesa de meados da década de 60 que originalmente permitiu que os fazendeiros da região de Canterbury pudessem manejar seus rebanhos de ovinos em suas gigantescas fazendas no contrapé dos alpes do sul. Tecnologia que a partir da década de 80, passou a ser empregada em atividades de turismo de aventura. De forma que hoje, existem passeios de JetBoat em qualquer canto do país. Seja através de desfiladeiros, rios estreitos, e rios com incontáveis bancos de cascalho ou até mesmo fazendo manobras radicais na Waitemata Harbour em Auckland.

Jet Boat Dart River no Mt. Aspiring National Park

Por ser um parque nacional e uma área de grande significado cultural e espiritual especialmente para os Ngāi Tahu, o povo Maori da ilha sul da Nova Zelândia, uma vez que no interior do parque encontram-se algumas jazida de Pounamu, a Jade Neozelandesa. A única operadora comercial licenciada pelo departamento de conservação a operar no Dart River é controlada pela Ngāi Tahu Tourism. Sendo assim, além do visual e da aventura do jet boat, existe um lado mitológico Maori super interessante explorado ao longo de algumas partes do passeio.

Jet Boat Dart River no Mt. Aspiring National Park (24)

Explorando o Mount Aspiring National Park de Jet Boat

O passeio começa no escritório da Dart River Wilderness Jet na simpática cidadezinha de Glenorchy na porção setentrional do Wakatipu Lake. Alí, além de o pagamento do passeio e formalidades, os participantes recebem seus respectivos coletes salva-vidas e uma espécie de poncho para evitar alguns inevitáveis respingos resultantes de algumas manobras “mais radicais” ao longo do passeio.

Jet Boat Dart River no Mt. Aspiring National Park (8)

Depois disso, todos os participantes embarcam num pequeno micro-ônibus que em menos de 3 minutos deixa os integrantes na marina de onde saem os Jet boats. Neste passeio, acabamos escolhendo ficar bem na frente da lancha junto com o piloto para contemplar bem a paisagem e tentar tirar algumas boas fotos. No entanto, é geralmente onde a gente mais se molha. Ou seja, a máquina fotográfica ficou no dry bag a maior parte do passeio.

Jet Boat Dart River no Mt. Aspiring National Park (10)

Antes de deixar a pequena marina, o piloto dá algumas instruções de segurança e então o passeio começa para valer \o/. Com algumas monobras ainda no Lago Wakatipu que incluem uns giros de 360 graus, começamos a nos divertir enquanto nossos olhos comtemplam um visual que te deixa sem palavras e que só mais melhorando a medida que subimos o rio.

Jet Boat Dart River no Mt. Aspiring National Park (1)

A partir dai começamos a subir contra a correnteza num delta com diversas ramificações que mais se parecem com um labirinto que qualquer outra coisa. Os experientes pilotos já estão acostumados e sabem exatamente onde ir e onde não ir, mas para quem não está acostumado com um Jet Boat ficar observando a profundidade do rio em alguns pontos que o piloto vai a mais de 60-70 km/h te deixa um pouco apreensivo no começo. A medida que vamos subindo o rio, você vai relaxando e o visual ficando ainda mais impressionante.

Jet Boat Dart River no Mt. Aspiring National Park (21)

Como o traçado do rio está em constante mudança, algumas vezes você até consegue perceber o casco do barco batendo nas pedras e cascalho do rio e o piloto dando uma desaceleradinha básica, mas este tipo de embarcação foi feito justamente para isso e uns raspõezinhos no casco fazem parte do programa.

Jet Boat Dart River no Mt. Aspiring National Park (15)

A água que desce no Dart River por ser de origem glacial é bastante turva. Isso se deve ao silte dissolvido nela, mas dependendo do ângulo do sol a agua acinzentada fica levemente azulada. E é justamente esta água glacial com silte dissolvido depois que as partículas mais pesadas sedimentam que dão as cores maravilhosas que os lagos de degelo alpino geralmente tem.

Jet Boat Dart River no Mt. Aspiring National Park (7)

Depois de mais de 45 minutos subindo rio acima, o piloto entra num tributário cuja água é absurdamente azul e completamente transparente. A diferença entre a água transparente e a água turva se dá basicamente pelo fato de a primeira ser de nascentes subterrâneas de águas filtradas pelo solo e pela floresta. Enquanto a segunda é oriunda do derretimento das geleiras das montanhas que no processo de degelo causa intemperização na rocha que acaba carregando sedimentos.

Jet Boat Dart River no Mt. Aspiring National Park (2)

Se o passeio de Jet Boat pelo Dart River já estava sendo o máximo, depois deste rio de água mineral. Ele ficou então absolutamente memorável. Tanto que coloquei uma foto no meu Instagram dizendo “That’s the real @Purenewzealand” em alusão ao slogan do departamento de Turismo da Nova Zelândia. No final das contas acho que eles gostaram da foto também e minha foto foi parar na conta do Instagram deles ganhando quase 3000 likes.

Jet Boat Dart River no Mt. Aspiring National Park (3)

Seguimos um pouco mais adiante por meio de uma floresta virgem de Nothofagus que faz você literalmente se sentir na Terra Média. Por sinal a existência desse gênero de planta é uma das razões que comprovam que a América do Sul já esteve ligada à Nova Zelândia alguns milhares de anos atrás.

Jet Boat Dart River no Mt. Aspiring National Park (4)

No ponto mais alto que subimos no Dart River com o Jet Boat, o piloto faz uma parada de alguns minutos, onde aproveita para falar sobre algumas curiosidades e peculiaridades do parque nacional. Depois disso, começamos então o caminho de volta, desta vez a favor da correnteza. Se na subida do rio o Jet Boat já ia rápido, imagina indo no sentido a favor da correnteza.

Jet Boat Dart River no Mt. Aspiring National Park (6)

Seguindo o passeio adiante, entramos em um outro pequeno tributário de águas estupidamente transparentes que surgiam de uma espécie de canyon de pedras. Quando meu dou conta, vejo várias trutas na água de tão limpa que era. Vai dizer que não é para amar esse país? Segundo o piloto do nosso barco, nesse lugar a profundidade chega aos 10-15 metros e você consegue literalmente enxergar as pedras no fundo.

Jet Boat Dart River no Mt. Aspiring National Park (9)

Depois de mais de 1hora e pouco de passeio de jet boat por algumas das paisagens mais impressionantes que você provavelmente viu na vida, o piloto para o barco num determinado ponto para fazermos uma pequena trilha de cerca de 30 minutos em meio a floresta. Nesta parte do passeio um guia vai falando sobre algumas características botânicas de algumas plantas e comenta sobre a fauna nativa e obviamente fala sobre o Senhor dos Anéis e o The Hobbit. Afinal de contas algumas cenas dos filmes foram gravadas nessa região.

Jet Boat Dart River no Mt. Aspiring National Park (19)

A parte final do passeio, depois de concluirmos a trilha pela floresta de “Lothlorien” não é mais feita de Jet Boat e sim com um ônibus 4×4 que passa pela pequena localidade de Paradise, onde diversas cenas dos filmes inspirados na obra de J.R.R Tolkien foram inspirados. Esta por sinal é uma região que já tinha explorando antes num tour 4×4 pelos cenários do Senhor dos Anéis com a Nomad Safaris.

Mah3rT_crop

Clique na Imagem para ver foto em 360 graus

Depois de cerca de 3 horas por algumas das mais bonitas paisagens da Nova Zelândia, estávamos de volta na simpática Glenorchy, onde passamos o restante da tarde antes de retornarmos para Queenstown. Trajeto esse que, apesar de menos de 50 Km é na minha opinião é uma das 10 estradas mais bonitas da Nova Zelândia.

Jet Boat Dart River no Mt. Aspiring National Park (25)

Informações Úteis:

O Dart River Wilderness Jet é uma atividade de cerca de meio dia que é oferecido tanto pela manhã, como no período da tarde. Nós fizemos o passeio durante da tarde num lindíssimo dia de Sol em Dezembro.

Glenorchy está a 46 km de Queenstown. Nós fomos de carro, mas o Dart River Wilderness Jet oferece transporte gratuito à partir do Queenstown Visitor Centre para aqueles que já compraram seus respectivos ingressos.

Durante o verão (1 de Outubro a 30 de Abril) o Shuttle deixa Queenstown às 08:00 e 12:30 e está de volta em Queenstown por volta das 13:30 e 18:00 respectivamente.

Durante o inverno (1 de Maio a 30 de Setembro) o Shuttle deixa Queenstown as 08:00 e 12:00 e está de volta em Queenstown por volta das 13:30 e 17:30 respectivamente.

Para quem decide fazer o passeio a partir de Glenorchy, o passeio começa 1 hora depois e termina 1 hora antes.

Como falei anteriormente, a viagem de carro entre Queenstown e Glenorchy é na minha opinião uma das mais bonitas da Nova Zelândia. Se for de carro, reserve pelo menos 1 hora pois com certeza você irá parar nos inúmeros mirantes ao longo da estrada. E mais uns 10-15 minutos para a parte burocrática do início do passeio.

Colete salva vidas são obrigatórios, a única coisa que você pode não usar é a “capa de chuva” caso queira ficar molhado 😛

No verão é recomendado levar óculos de sol, boné, protetor solar e uma jaqueta corta vento. Você pode até ir sem protetor solar, mas em hipótese alguma deixe de levar um bom repelente. Toda essa região, como em Milford Sound é infestada por Sand Flies que te devoram vivo sem repelente.

No inverno além de roupas quentes 2 ou 3 camadas, recomenda-se levar um gorro, óculos de sol, protetor solar, luvas e jaqueta corta vento.

Para a caminhada é recomendável usar calaçado firme e fechado. Mas se quiser você teoricamente poderia até andar descalço, já que na Nova Zelândia não existem cobras ou outros animais peçonhentos.

Numa próxima oportunidade, adoraria experimentar o passeio de dia inteiro que inclui passeio de Jet Boat e descida do rio em Kayaks infláveis. Infelizmente no dia que iríamos fazer o Funyaks estava lotado. Posso estar enganado, mas esse é o tipo de atividade que você quer fazer apenas em dias bem ensolarados e quando está mais “quente”.

Para maiores informações sobre preços, combos, promoções e afins consulte o site do Dart River Wilderness Jet ou do Funyaks.

Veja Isso!!

Endereço:

Dart River Wilderness Jet

45 Mull Street

Glenorchy 9372

Coordenada GPS:

Latitude Longitude
S 44 50.966 E 168 23.160

 

Veja também:

Todos os posts sobre a Nova Zelândia

Todos os posts  sobre a ilha sul da Nova Zelândia

Todos os posts sobre Queenstown


Você lembrou do seguro viagem? Ele é um dos itens mais importantes da sua viagem. Ele é obrigatório nos países da Europa que fazem parte do Tratado de Schengen e também em Cuba e na Venezuela. Nos demais países em que ele não é obrigatório também é recomendável a contratação, já que infelizmente não podemos prever acidentes. Nos Estados Unidos, o custo médico diário de uma internação é muito caro (uns U$2.000). Não esquecendo que o seguro é muito útil nos casos de cancelamento de viagem, extravio de bagagem e assistência odontológica. Você pode cotar com a Real Seguro Viagem sem compromisso e, caso decida pela contratação, você poderá parcelar o valor do seguro em até 6 x sem juros no cartão de crédito, ou pagar com desconto de 5% no boleto bancário.

Seguro viagem oceania 728x90

CONTINUE PLANEJANDO SUA VIAGEM AQUI :

–  Reserve seu hotel no Booking.com ( sem taxa de reserva e a maioria dos hotéis oferece cancelamento grátis)

–  Compre seu seguro de viagem na Real Seguros (faz cotação em 10 seguradoras)

–  Agende suas excursões e passeios com a Get Your Guide

–  Alugue seu Carro com a RentalCars

–  Índice com todos os posts do Viajoteca

Se você fizer sua reserva através dos links aqui da Viajoteca, a gente ganha uma comissão, mas você não paga nada a mais por isso. Essa é uma forma de apoiar a Viajoteca a continuar escrevendo sempre ótimas dicas para você. Obrigada!

TAGS: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

CATEGORIAS: .Novos posts na Viajoteca, Aventura, Cachoeiras, Destinos, Ecoturismo, Esportes Radicais & Adrenalina, Estações do Ano, Estilo, Experiências, Floresta, Geleiras, Glenorchy, Ilha Sul, Lagos, Luxo, Montanhas, Natureza, Neve, Nova Zelândia, Oceania, Parques Nacionais, Passeios de Barco, Passeios de Jet Boat, Passeios de Kayak, Passeios e Atrações Turísticas, Queenstown, Rios, Verão, Viagem, Viagem Aventura, Viagem em Casal

3 Comment

  1. Wow!!! Esse lugar existe mesmo?!! Que lindo!!

    • Lindo né?!
      Na minha opinião esse foi o melhor passeio de Jet Boat que já fizemos na Nova Zelândia até o momento.
      Obrigado pela visita

      Bus

  2. […] Antes mesmo de fazer a trilha da Routeburn Track, tive a oportunidade de ter uma pequena amostrinha do que essa inesquecível região do Routeburn Valley poderia nos oferecer quando, alguns meses antes da percorrer a trilha, fiz o passeio de Jet Boat pelo Dart River explorando as belezas do Mt. Aspiring National Park à partir …. […]

Comente Aqui