Logo

Coastal Pacific - Viagem de trem na Nova Zelândia

Coastal Pacific: Viajando de trem entre Mar e Montanhas na Nova Zelândia

by / 18 Comentarios / 16 de fevereiro de 2016

Em decorrência dos fortes terremotos de 13 de Novembro de 2016 na região de Kaikoura e Seddon e seus significativo impacto na infra-estrutura da estrada de ferro, o Costal Pacific encontra-se fora de operação. Para updates mais atualizados acesse este link.

Uma das melhores formas de apreciar as belezas naturais de um país privilegiado por paisagens absolutamente incríveis como é o caso da Nova Zelândia, é viajar de trem. Nos poucos mais de 3 anos que vivi na Nova Zelândia, tive algumas oportunidades para explorar a terra dos Kiwis sob trilhos. No post de hoje, compartilho com vocês a minha inesquecível experiência à bordo do Costal Pacific da KiwiRail Scenic entre Christchurch e Picton pelo litoral nordeste da ilha sul da Nova Zelândia.

Coastal Pacific Nova Zelândia

Foto Divulgação : KiwiRail

Foto Divulgação KiwiRail

Fiz essa viagem de trem pela costa da ilha Sul da Nova Zelândia aproveitando um final de semana prolongado durante o feriado da páscoa. A rota escolhida, foi o Coastal Pacific entre Christchurch e Picton. Com 348 kilômetros de extensão, o Coastal Pacífic é a única das 3 ferrovias cênicas da Nova Zelândia e turisticamente exploradas pela KiwiRail que viaja parte de seu trajeto, de fato boa parte dele, literalmente pela costa de Canterbury e Marlborough.

Costa de Kaikoura

Além dos incontáveis quilômetros de praias desertas, falésias e impressionantes costões de pedras que avançam sobre o oceano pacífico e de onde muitas podemos avistar centenas de focas e golfinhos. O Coastal Pacific, ao longo dessa viagem, atravessa também 2 das regiões vitivinícolas mais importantes da Nova Zelândia, Waipara e Marlborough.

Marlborough Nova Zelândia

Aliás, quando o Coastal Pacific não esta viajando junto à costa ou atravessando os inúmeros vinhedos do trajeto. Ele esta viajando através de vales, rios e fazendas que por horas são emolduradas pelas majestosas montanhas do Southern Alps de um lado e/ou pelo Oceano Pacífico de outro. Fazendo dessa jornada ferroviária uma das mais bonitas do mundo.

Montanhas e Rios no Coastal Pacific na Nova Zelândia

Como o trem do Coastal Pacific sai cedinho de Christchurch, pontualmente as 07:00 da manhã. O recomendável é que você pernoite na cidade, até porque se você pretende chegar de avião, o primeiro vôo à chegar em Christchurch só chega na hora que o trem está saindo.

Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific na altura de Grasmere

Nós acabamos pegando um vôo saindo de Auckland na noite anterior ao passeio e pernoitamos em Christchurch para não perder o trem. Quando fizemos o check-in no nosso hotel, descobrimos que a Kiwi Rail disponibilizava um Free Shuttle de quase todos os hotéis de Christchurch até a estação de Addington, local de onde o Coastal Pacific parte em Chrustchurch. Fizemos a reserva do Shuttle junto à KiwiRail e fomos dormir, afinal de contas às 06:00 da manhã estaríamos de pé prontos e ansiosos para o nosso périplo ferroviário de ida e volta até Picton.

Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific

Como nosso hotel, ficava bem pertinho da estação, fomos um dos últimos a serem apanhados pelo Shuttle e chegamos na estação de Christchurch cerca de 20 minutos antes da partida do trem. Lá trocamos nossas reservas pelos bilhetes físicos e logo embarcamos. Como o trem não estava muito cheio, quase todos os passageiros puderam ser alocados do lado direito do trem (lado com as melhores vistas no sentido Christchurch => Picton). E como, já havíamos ligado antes reservando nossos lugares, conseguimos uma mesa pertinho do vagão observatório (melhor lugar para tirar fotos durante a viagem).

Marlborough sounds Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific

Coastal Paciific: Viajando de Trem entre o Mar e as Montanhas entre Christchurch e Picton na Nova Zelândia

Quando deixamos Christchurch o dia estava mesmo amanhecendo, e o tempo infelizmente estava meio feio. O dia havia amanhecido nublado e com neblina. Porém, felizmente, ao longo do dia o tempo foi melhorando substancialmente como vocês podem observar nas fotos que ilustram este post.

Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific

Alguns minutos após deixarmos a estação de Addington em Christchurch o vagão restaurante / café do trem começou a funcionar e logo fomos lá pegar algo para nosso café da manhã. Acabamos optando por um Moccachino e um Chocolate Quente acompanhados por um Eggs Benedict e uma Meat Pie, ambos muito saborosos e a preços razoáveis.

Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 22

Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 2 Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 1

Apesar da visibilidade parcialmente comprometida nesta primeira parte da viagem, viajamos pelo norte de Canterbury cruzando inúmeras fazendas de ovelhas (que disparavam feito malucas quando o apito do trem tocava). Cruzamos também alguns rios que nascem no Southern Alps e que correm em direção ao Oceano Pacífico.

Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific

Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 5 Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 24

Como os verões estão cada vez mais quentes e secos nas últimas décadas na Nova Zelândia, muitos destes rios e riachos que dependem diretamente do degelo da neve das áreas mais altas do Southern Alps, estavam completamente secos. Os únicos com uma vazão d’agua considerável eram aqueles que drenam partes mais elevadas dos Alpes do Sul como o Waimakariri River e o Ashley River.

Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 102 Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 105 Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 121

Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 119 Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 76 Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 39

Por outro lado, por estarmos no início do outono, apesar de pouca água nos rios muitas árvores (Álamos e outras Salicáceas) estavam começando a trocar de cor e ficando amarelas com a eminente chegada do Outono. Apesar de poucas espécies de árvores nativas terem esse comportamento caducifólio, o efeito na paisagem das plantas exóticas é muito bonito. E ficou ainda melhor durante a viagem de volta, no sentido Picton => Christchurch com o tempo bom e luz mais baixa no final do dia.

Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific

Cerca de 50 minutos após nossa saída de Christchurch entramos na região do Waipara Valley. Reconhecida uma das 15 regiões produtoras de vinhos da Nova Zelândia. Com aproximadamente 85 vinícolas de pequeno e médio porte, esta região produz ótimos vinhos brancos das uvas Sauvignon Blanc, Chardonnay e Pinot Gris. Com aproximadamente 1.200 hectares de videiras plantadas, por alguns minutos o trem atravessa algumas destas plantações. Nesta época do ano (Março/Abril) parte dos parreirais encontram-se protegidos com tela branca para evitar com que os passarinhos ataquem as uvas que estão quase prontas para serem colhidas.

Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 65

Depois de quase duas horas de viagem, o Coastal Pacific finalmente se aproxima do litoral na altura da desembocadura do Conway River. E a partir dalí, segue cerca de 98 km margeando o pacífico por mais de 1 hora até a altura de Wharanui num dos mais bonitos e cênicos trechos da viagem.

Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 111 Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 114 Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 115

No dia do nosso passeio, tivemos a sorte de avistar do trem um grupo de mais de 100 golfinhos (Dusky Dolphins) nadando e brincando nas águas geladas da South Bay da Kaikoura Coast a pouco mais de 100-200 metros de onde o trem passava.. Simplesmente incrível. Em outra oportunidade visitando Kaikoura, tive a chance de nadar entre eles como vocês podem conferir nesse post aqui.

Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 15 Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 10 Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 14 Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 11

Antes de chegarmos na primeira parada do trem, ainda passamos por inúmeros dos 22 túneis e 175 pontes existentes ao longo do trajeto entre Christchurch e Picton. E cada curva que o trem ia fazendo pela costa, novas surpresas iam aparecendo pelo caminho deste magnífico litoral de Kaikoura.

Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 33 Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 113

Na estação de Kaikoura (primeira parada ao longo do caminho) alguns passageiros desembarcaram e outros embarcaram. Esta foi nossa terceira vez passando em Kaikoura, e como nas duas vezes anteriores o tempo não estava lá uma maravilha.. Apesar de a visibilidade ter melhorado e muito ao longo da manhã, o céu não estava limpo a ponto de conseguirmos enxergar os picos das montanhas geralmente nevados que se elevam abruptamente a partir da costa em Kaikoura. Depois disso tive a chance de passar por Kaikoura em outras oportunidades e tenho que dizer, quando você pega Kaikoura num dia com céu azul de brigadeiro, esse lugar é mágico. Principalmente se este dia for no inverno com as montanhas com neve chegando até o mar.

Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 36 Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 40 Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 26

Se você nunca ouviu falar de Kaikoura, esta região é considerada um dos melhores lugares do mundo para a observação de mamíferos marinhos do mundo. Nesta costa existem centenas, talvez milhares de leões-marinhos (New Zealand fur Seals), muitos golfinhos e baleias.. Entre as espécies de baleias encontradas na costa de Kaikoura temos as Orcas e as Cachalotes. E é dali que parte inúmeros passeios voltados para a observação destes animais. A concentração destes animais nesta região se dá principalmente pela fartura de alimentos encontradas nas águas da região que esta intimamente ligada a geografia do local.

Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 29 Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 30 Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 31

Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 107 Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 112 Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 101

O trem do Coastal Pacific pára em Kaikoura por cerca de 10-15 minutos antes de continuar a viagem em direção à Picton. Depois de deixarmos Kaikoura o trem continua sua jornada em direção ao norte e pelo caminho, é possível avistar outras centenas de leões marinhos nas pedras existentes ao longo do caminho.

Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 32 Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 108 Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 109

Basta treinar o olho para encontra-las visto que elas e as pedras tem praticamente a mesma cor. Mas você certamente irá enxergá-las nas imediações do Ohau Point. Um local que se você estiver de carro na região de Kaikoura não pode deixer de visitar, como conto nesse post aqui.

Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 116 Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 20 Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 25

Seguindo viagem em direção ao norte, desviando um pouco do litoral chegamos ao Lake Grasmere, a maior região produtora de Sal Marinho da Nova Zelândia.. Por alí existem enormes tanques, onde a água do mar é colocada para evaporar e onde o sal e processado.




Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 51 Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 58 Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 59 Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 57 Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 52 Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 54 Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 55

Passando o lake Grasmere seguimos então em direção a Blenheim no coração da maior e mais importante região vitivinícola da Nova Zelândia, Marlborough. Pelo caminho cruzamos a ponte sobre o Awatere River que no passado costumava ser uma ponte de dois andares onde no andar superior passavam os trens e no andar inferior os carros. Hoje a ponte metálica recebe apenas o transito ferroviário visto que uma ponte de concreto e de mão dupla foi construída na última década.

Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 64 Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 62 Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 63

Nesta parte da viagem o trem ganha um pouco de altitute e atravessa várias colinas com vegetação meio ressecada por conta da seca. O local conta com inúmeras fazendas de ovinos e cervídeos (Venisson) e quando menos esperamos estamos chegando ao coração de Marlborough, a terra do famoso Sauvignon Blanc neozelandes.

Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 67 Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 68 Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 88 Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific

Conhecida mundialmente pelos seus excelentes vinhos da uva Sauvignon Blanc, esta é a região com a maior área vitinifera plantada da Nova Zelândia. No horizonte além das montanhas e o mar, encontramos muitas vinícolas com seus inúmeros tonéis de aço inox e parreirais a perder de vista. O trem faz ainda uma última parada em Blenheim, cidade localizada no coração da região produtora de vinhos de Marlborough antes de partir em direção à Picton.

Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 94 Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 90 Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 85 Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 84

Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 71

Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 46

Seguindo adiante, nos últimos 30 – 40 minutos da viagem o trem viaja por uma paisagem dominada por um relevo acidentado dominado pela silvicultura e pecuária leiteira e quando percebemos estamos literalmente no meio do Marlborough Sounds em Picton.

Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 78 Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 79

Picton é uma pequena cidade em meio ao Marlborough Sounds que na verdade, apesar de se parecer muito com uma espécie de fiorde, o Marlborough Sounds é na verdade, um braço de mar formado por ação de placas tectônicas e não resultado de erosão glacial.

Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 77

Graças a suas águas protegidas, Picton é o local de onde partem os ferries que ligam a ilha sul à Wellington na ilha norte da Nova Zelândia.

Coastal Pacific - Viagem de trem na Nova Zelândia 2

Pontualmente às 12:13 o trem chega à Picton e por lá permanece por cerca de 45 minutos enquanto o trem é preparado para a viagem e volta para Christchurch. Em Picton mais de 80% dos passageiros desembarcam, a grande maioria deles segue com o Interislander das 13:15 em direção à Wellington numa travessia de cerca de 3 horas e 10 minutos pelo estreito de Cook.

Coastal Pacific - Viagem de trem na Nova Zelândia 1 Coastal Pacific - Viagem de trem na Nova Zelândia 3

Nós fizemos parte dos menos de 10-15% que acabam voltando para Christchurch no mesmo dia. Na volta, um número ainda maior de passageiros que chegaram em Picton com o InterIslander (ferry) vindos de Wellington embarcou no trem.

Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 6

Nos 45 minutos que tivemos em Picton aproveitamos para pegar nossos tickets para viagem de volta e ainda passamos num Subway existente na estação e em nossa padaria favorita na Nova Zelândia para pegar algumas guloseimas para a viagem de volta e ainda aproveitamos para tirar algumas fotos do Interislander no porto de Picton..

Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 83

Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 41 Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 42 Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 43 Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 47

A partir daí sentamos no lado esquerdo do trem (melhores vistas no sentido Picton => Christchurch) e iniciamos a viagem de cerca de 5 horas e meia de volta até a maior cidade da ilha Sul da Nova Zelândia.

Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 49 Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 53 Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 60 Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 74 Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 87

Na viagem de volta vimos apenas alguns poucos golfinhos, porém o tempo estava bem melhor que acabou rendendo várias outras fotos bonitas da viagem. E aproveitando que estávamos viajando pela maior região vinícola da Nova Zelândia, aproveitamos para comprar uma garrafa de Sauvignon Blanc no trem para curtir a paisagem tomando uns #bonsdrink.

Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 96 Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 100 Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 124 Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 126

Eu particularmente gostei bastante dos dois trechos, mas para quem visita a Nova Zelândia e tem pouco tempo, mas tem vontade de curtir esse visual, ir de Wellington para Christchurch ou vice e versa de trem é certamente um passeio memorável e altamente recomendável.

Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 127 Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 128 Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 129 Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 130 Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 131 Viagem Trem Nova Zelândia - Coastal Pacific 132

Informações úteis sobre o Coastal Pacific:

O Coastal Pacific opera diariamente, mas Infelizmente em função da queda do número de turistas visitando Christchurch em decorrência dos terremotos de 2010 e 2011 o Coastal Pacific deixou de operar durante o inverno. A partir de 2013 o trem passou a funcionar apenas entre os meses de Setembro e Maio. O que é certamente uma pena pois esta viagem com neve deve ser fantástica também. Embora as chances de tempo nublado sejam maiores.

Cada passageiro tem um allowance de bagagem de 2 peças de até 20 kg cada. Malas com até 30 Kg podem ser despachadas sem maiores problemas pelo próprio passageiro diretamente no vagão de bagagens. Malas acima de 30Kg não são aceitas. Itens como bicicletas, pranchas, skis e Snow Boards podem ser despachados mediante o pagamento de 10 NZD por item. Aparentemente quem viaja com malas combinando o InterIslander + Coastal Pacific só precisa despachar a mala uma única vez..

Para maiores informações e promoções sobre o Coastal Pacific e para visualizar o menu visite o site Kiwi Rail Scenic Journeys.

Ao todo a nova Zelândia possui 3 diferentes rotas cênicas de trem explorados pela Kiwirail. O Northern Explorer é o único do gênero na ilha norte. Já o TranzAlpine e o Coastal Pacific ficam na ilha Sul. Porém existem outro passeios de trem interessantes pelo país como é o caso da Taieri Gorge Railway nos arredores de Dunedin.

Endereços úteis:

Estação Coastal Pacific em Christchurch

Endereço:

20 Troup Drive, Addington – Christchurch New Zealand

Coordenadas GPS:

Latitude Longitude
S 43 32.381 E 172 36.465

Estação Coastal Pacific em Picton

Endereço:

3 Auckland Street, Picton  New Zealand

Coordenadas GPS:

Latitude Longitude
S 41 17.285 E 174 00.206

CONTINUE PLANEJANDO SUA VIAGEM AQUI:

Toda vez que você reserva algo por algum link aqui do blog, recebemos uma pequena comissão. Você não paga nada a mais por isso e ainda ajuda o blog a se manter sempre atualizado e com novas dicas de viagem. Obrigado!!


Você lembrou do seguro viagem? Ele é um dos itens mais importantes da sua viagem. Ele é obrigatório nos países da Europa que fazem parte do Tratado de Schengen e também em Cuba e na Venezuela. Nos demais países em que ele não é obrigatório também é recomendável a contratação, já que infelizmente não podemos prever acidentes. Nos Estados Unidos, o custo médico diário de uma internação é muito caro (uns U$2.000). Não esquecendo que o seguro é muito útil nos casos de cancelamento de viagem, extravio de bagagem e assistência odontológica. Você pode cotar com a Real Seguro Viagem sem compromisso e, caso decida pela contratação, você poderá parcelar o valor do seguro em até 6 x sem juros no cartão de crédito, ou pagar com desconto de 5% no boleto bancário.

Seguro viagem oceania 728x90

CONTINUE PLANEJANDO SUA VIAGEM AQUI :

–  Reserve seu hotel no Booking.com ( sem taxa de reserva e a maioria dos hotéis oferece cancelamento grátis)

–  Compre seu seguro de viagem na Real Seguros (faz cotação em 10 seguradoras)

–  Agende suas excursões e passeios com a Get Your Guide

–  Alugue seu Carro com a RentalCars

–  Índice com todos os posts do Viajoteca

Se você fizer sua reserva através dos links aqui da Viajoteca, a gente ganha uma comissão, mas você não paga nada a mais por isso. Essa é uma forma de apoiar a Viajoteca a continuar escrevendo sempre ótimas dicas para você. Obrigada!

TAGS: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

CATEGORIAS: .Novos posts na Viajoteca, Blenheim, Christchurch, Destinos, Ecoturismo, Enoturismo, Estilo, Experiências, Ilha Sul, Kaikoura, Lua de Mel, Luxo, Marlborough Sounds, Montanhas, Natureza, Neve, Nova Zelândia, Oceania, Passeios de Trem, Passeios e Atrações Turísticas, Picton, Pontes, Praias, Viagem, Viagem com Crianças, Viagem em Casal, Viagem em família, Viagem Solo

18 Comment

  1. Fantástico!!! Toda a Paisagem é muito bonita neste país.

    • Haydee

      Verdade.. Viajar de trem pela Nova Zelândia é uma experiência incrível.. Super recomendo.

  2. Belo post, parabens!

    • Ernesto

      Obrigado…Esse deu trabalho.. Mesmo assim ficou com mais de 120 fotos… ?

  3. Ótimo relato e fotos maravilhosas! Passeio muito legal pelo visto!

    • Kely

      Obrigado… a Viagem foi mesmo fantástica. Só o fato de vermos os Golfinhos nadando na costa já tinha feito a viagem valer.. Quando voltamos de Picton para Christchurch com tempo bem melhor a viagem e as paisagens foram ainda mais inesquecíveis..
      Legal saber que você gostou e curtiu as fotos.. Quando tiver a oportunidade de visitar a Nova Zelândia recomendo e muito considerar uma ou todas as viagens de trem no seu roteiro

      Abraço

  4. Segura o queixo, que caiu!!

    Muito massa Oscar, que passeio de trem alucinante. Trem é um passeio de apreciação e contemplação, com uma paisagem desta e com um dia como vocês pegaram é imbatível.

    Abração aos amigos!!
    @GusBelli

    • Gustavo
      Com certeza.. Bem quem já encarou a Transiberiana uma viagem dessas é brincadeira.. o fato é que os trens novos da KiwiRail são extremamente confortáveis o que transforma a viagem numa experiência ainda mais gostosa.. O tempo poderia estar melhor na viagem de ida.. Felizmente fizemos o Bate e volta e assim pegamos tempo bom digamos que em toda a viagem

      Abração

  5. […] Coastal Pacific: Viajando de trem entre Mar e Montanhas na Nova Zelândia […]

  6. Oscar,
    Parabéns pelo relato, detalhes e fotos!!!
    Baseado no seu post, estou pensando em incluir esse passeio e o Tranzalpine na viagem marcada para Austrália em Novembro. Então, vou dar uma esticada à NZ.
    Veja meus planos: de Sydney ir para Christchurch e fazer o Tranzalpine (ida e volta) num dia e no dia seguinte o Coastal Pacific (somente ida) até Picton e de lá pegar o ferry para Wellington (para voltar a Sydney). Você acha que ficará cansativo 2 dias seguidos de passeio de trem?
    Outra coisa, considerando que não sei quanto tempo gastaria entre a descida do trem (vai que atrasa) e o deslocamento até o porto (não sei se é perto), por gentileza, você saberia informar se podemos comprar o ticket do ferry (Picton a Wellington) na hora?
    Muito obrigada,
    Abraços,
    Tereza.

    • Oi Tereza, tudo joia?

      Obrigado pela visita e comentário!!
      Então, respondendo as suas dúvidas:
      Assim, vou dizer que talvez não seja o ideal fazer um passeio seguido do outro, mas dá para fazer sim.. Como você deve ter percebido nos posts, a viagem de trem é muito bonita e as paisagens são diferentes entre uma viagem e a outra. O trem é bem confortável e a viagem de certa forma é muito tranquila. Se você eventualmente tiver mais 1 ou dois dias extras pode muito bem fazer o TranzAlpine num dia, descer em Greymouth lá alugar um carro e ir conhecer Hokitika (Hokitika Gorge) ou Punaikaki (Pancake Rocks) e voltar no dia seguinte para Christchurch.. Acho interessante fazer desse jeito que se por acaso você der azar de pegar um dia de tempo ruim, vai viajar pelo mesmo trajeto duas vezes no mesmo dia.. Entre as duas opções de passeios que sugeri saindo de Greymouth a Pancake Rocks / Paparoa National Park é a mais próxima e eu recomendo esse hotel aqui. Depois joga ai no Google esses lugares para você ver o que estou falando.

      Em Picton a estacão de trem fica praticamente dentro do terminal do ferry. Tanto que os vagões do trem são transportados de uma ilha para a outra com o ferry. Como passageira (sem carro), creio que você não terá problema algum em comprar a passagem na hora. Só verifique que você não está viajando num feriadão na Nova Zelândia.
      A única diferença pode ser que comprando antecipadamente a passagem do ferry saia um pouco mais barata. Como a empresa que opera os trens é uma das operadoras do ferry, se você comprar ticket com o Interislander, caso o Coastal pacific por algum motivo atrase eles deveriam realocar você para o proximo barco sem custo adicional algum.. De uma forma gera, nas 8-10 vezes que viajei de trem com eles nunca tivemos atrasos significativos de mais de 5-10 minutos.

      Outra coisa que você pode considerar é comprar um Scenic Rail Pass que abrange o InterIslander ferry e os 3 passeios de trem operados pela Kiwirail..Dê uma consultada neste link e faça as contas para ver o que melhor funciona para você.

      Abs,

      Oscar

  7. Oscar,
    Agradeço imensamente sua atenção e dicas preciosas!
    Pretendemos estar na NZ no período de 04 a 07/nov. Se precisar de algo do Brasil, avise-me pelo e-mail.
    Grande abraço.
    P.S: não sei alterar o ícone da careta, mas se for um indicador de satisfação, considere uma careta super feliz, obrigada mesmo!!! 🙂

  8. Ola Oscar.
    A gente pode levar comida a bordo? Ou so pode ser o do restaurante. Valeu!

  9. Obrigado. E por fim, Voce confirma que o trajeto “Coastal Paciific” está em reparo, não é?

    • Exatamente!! Em função da série de terremotos que atingiu a região de Kaikoura no final do ano passado, boa parte da linha ferroviária foi seriamente danificada. O Departamento de transporte da Nova Zelândia e a KiwiRail estão trabalhando na estabilização do terreno e reparo da linha, mas a expectativa é que o Coastal Pacific só volte a operar no final de 2018.

  10. Li todas as conversas e vi (achei) que voce mora ai. É isso? Trabalha com o que? to precisando de um suporte. meu email é eiderpessoal@hotmail.com
    Abc
    Obrigado

    • Eider.. Morei na Nova Zelândia por 3 anos, mas desde Setembro de 2015 moro na Ásia.

Comente Aqui