Logo

Aquário de Auckland na Nova Zelândia

Aquário de Auckland: Kelly Tarlton’s Sealife Aquarium

by / 3 Comentarios / 26 de novembro de 2015

Localizado às margens da Okahu Bay no bairro de Orakei e a cerca de 5-6 kilômetros do centro de Auckland, o Kelly Tarlton’s Sea Life Aquarium de Auckland  pode não ser um dos maiores e mais completos aquários do mundo, porém é um aquário único e pioneiro em diversos sentidos e que merece ser visitado na Nova Zelândia.

Aquário de Auckland

Oficialmente inaugurado ao público em meados de 1985 depois de 10 meses de construção, ele é fruto da visão do mergulhador e arqueólogo marinho Kelly Tarlton que transformou uma antiga estação de tratamento de esgotos, que fora desativada alguns anos antes, num interessante e inovativo showcase de vida marinha.

Aquário de Auckland (7)

Aquário de Auckland

Segundo o que andei pesquisando, o Aquário de Auckland além de aproveitar uma obra de infra-estrutura já existente e desativada desde a década de 60 na cidade.  Foi o primeiro aquário do mundo a utilizar túneis e painéis de acrílico curvados em seu interior. Além disso, foi o primeiro aquário do mundo a utilizar o conceito de esteiras rolantes em seu interior, conceito este, extremamente difundido em outros aquários pelo mundo nos dias de hoje.

Aquário de Auckland (10)

Localizado ao lado do Royal Akarana Yatch Club, o aquário de Auckland encontra-se localizado a pouco mais de 5 km do centro de Auckland e num primeiro pode facilmente passar facilmente desapercebido por quem trafega pela belíssima Tamaki Drive (avenida beira mar que liga o centro de Auckland às praias/bairros do leste da cidade). Eu mesmo, quando mudei para Auckland, passei pelo pelo local pelo menos umas 5 vezes  sem me dar conta de sua existência.  Isso se dá ao fato dele ser praticamente camulflado na paisagem já que ele é um aquário digamos “subterrâneo”, e obviamente, por estarmos distraídos por conta da vista que se tem da Waitemata Harbour ao trafegarmos pela Tamaki Drive.

Aquário de Auckland (11)

Enfim, depois de termos visitado diversos outros aquários pelo mundo, tenho que ser sincero e dizer que o Aquário de Auckland por fora não parece nada de especial. Bem ele só entrou de fato em nossa lista de interesses depois que ele foi muito bem elogiado durante a visita de quem sabe tudo sobre aquários e oceanos, nossa querida amiga Lucia Malla.

Aquário de Auckland (9)

Bem depois dela falar bem do local, tratamos de ir conferir pessoalmemte o lugar e, apesar de realmente pequeno comparado aos aquários de Atlanta e Cingapura por exemplo, ele se mostrou uma grata surpresa. Sim o aquário é relativamente pequeno, mas é muito bem montado e bem completinho. No final acabamos gostando tanto, que viramos membros e voltamos pelo menos uma dezena de vezes para ver os animais.

Aquário de Auckland (24)

Na minha opinião pessoal, os grandes diferenciais do aquário de Auckland, são justamente as 2 primeiras atrações do local. Além do fato de todo o complexo onde ele está inserido ser uma antiga estação de tratamento de esgoto urbano desativada e ter sido pioneiro em conceitos adotados em vários outros aquários pelo mundo.

Aquário de Auckland (25)

Visitando o Aquário de Auckland

 Logo depois de comprar o ingresso na bilheteria do aquário, o visitante entra  para visitar as várias atrações do Kelly Tarlton’s Sealife Aquarium. Na primeira delas, o visitante é levado a conhecer uma réplica da Scott’s Hut. Uma réplica fiel à estação britânica de exploração antarctica de 1912 utilizada pelo capitão Robert Falcon Scott, e que tinham como um de seus objetivos conquistar o polo sul. Nesta trágica expedição, além de chegarem 33 dias depois que a expedição norueguesa liderada por Amundsen, Scott e os seus 3 companheiros acabaram perecendo no caminho de volta para a base.

Scotts Hut Auckland

Seus relatos, fotos e corpos seriam encontrados congelados cerca de 8 meses mais tarde ao fim do inverno antartico por uma missão de salvamento. Apesar de não terem sido os primeiros a chegar ao polo sul e terem perdido vários integrantes ao longo do trajeto, a expedição britânica chamada de Terra Nova, pode ser considerada um sucesso do ponto de vista científico.

Aquário de Auckland (2)

Apesar de a trágica etapa final de conquista do polo sul tenha sido executada por apenas 4 integrantes, a expedição Terra Nova como um todo 65 participantes. Destes 12 eram cientistas que entre outras coisas, recolheram cerca de 40.000 exemplares de rochas e animais, que posteriormente renderiam mais de 400 novas espécies para a ciência. Além disso, graças aos fósseis lá recolhidos foi possível provar, anos mais tarde, que o subcontinente antarctico num passado distante fez parte do supercontinente Gondwana .

Aquário de Auckland (14)

Enfim, a réplica da Scott’s Hut no Aquário de Auckland, foi inaugurada em comemoração aos 10 anos do Kelly Tarlton’s Sealife Aquarium e apesar de hoje, parecer um pouco empoeirada, é bastante interessante e fiel (creio eu). E inevitavelmente ao observá-la, paramos para pensar um pouco o quão difícil era, ou melhor ainda é, explorar a antarctica.  Ao final desta exposição, ainda podemos aprender um pouco sobre a Scott’s Base e o programa antarctico neozelandês.

Aquário de Auckland (6)

A partir daí, entramos no aquário propriamente dito através de um cilindro rotatório imitando gelo. Apesar de o piso ser plano a sensação de ter tudo se movendo ao seu lado é digamos um pouco diferente e deixa qualquer um tonto. Enfim, uma experiência não muito recomendada para quem sofre de labirintite.

Aquário de Auckland (3)

Ainda no clima antártico, chegamos ao Antarctic Ice Adventure onde o visitante pode ver de pertinho (separado apenas por um vidro) uma colônia de quase 100 pingüins antárticos. Os pingüins existentes no aquário de Auckland são 2 das 17 espécies de pinguins existentes no mundo.

Aquário de Auckland (5)

Os maiores e mais imponentes deles são os Pinguins Reais Aptenodytes patagonicus. Eles são da segunda maior espécies dentre todas as espécies de pinguins existentes no mundo, perdendo apenas para os Pingüins Imperadores

Aquário de Auckland (20)

Já os pinguins menores e mais curiosos são os Pingüins Gentoo Pygoscelis papua . Estes por sua vez são conhecidos por suas habilidades debaixo dagua, sendo a espécie mais rápida de todas as 17 espécies.

Aquário de Auckland (4)

Outra coisa interessante desta parte com os pinguins no Aquário de Auckland é que eles tem um programa super bem sucedido de reprodução de ambas espécies em cativeiro. Morando em Auckland e visitando o Aquário em diversas oportunidades foi interessante observar os pinguins montando seus respectivos ninhos com pedras, chocando os ovos e depois cuidando de seus filhotes até os mesmos ganharem independência.

Aquário de Auckland (18) Aquário de Auckland (19)




Deixando a parte dos pinguins para trás, chegamos ao NIWA Southern Oceans Discovery. Esta parte do aqúario é dedicada àquelas criaturas que vivem nas águas geladas (geralmente cobertas por uma camada de gelo) próxima ao continente antártico e de onde partem as correntes geladas do Atlântico Sul, Pacífico Sul e Oceano Índico. Um dos destaques desta parte do aquário é uma Lula Gigante conservada em formol. Além de águas vivas e o Southern Spider Crab (Por sinal único aquário que visitei até hoje com este animal do hemisfério Sul).

Aquário de Auckland (27)

Chegando a parte central do aquário, encontramos uma área de recreação para crianças com piscinas onde as crianças podem tocar em estrelas do mar e afins, enquanto os pequenos brincam, os pais podem aproveitar para tomar um café com vista para uma grande janela de vidro que dá em direção à Okahu Bay. Dependendo da maré, a água da baía chega a bater no vidro e no verão, é comum ver gente de Stand Up Paddle e Caiaque passando por alí dando tchauzinho para quem visita o aquário.

Aquário de Auckland (23)

Por alí na área infantil também existe um aquário repleto com mais de 250 peixes palhaços, o Nemo, que fazem a alegria da criançada. Além de uma “cabeça” de tubarão branco para tirar as famosas fotos jacus de viagem.

Aquário de Auckland (17)

Por alí, fica também o Stingray Bay, um tanque de acrílico de 350.000 litros que contem 2 espécies de arraias e outros peixes, entre eles o Kingfish e Hapuka. Alí moram também alguns Blue Mao Maos e algumas raias de rabo curto com mais de 250 kg cada e que possuem uma envergaduda de mais de 2 metros. Phoebe, uma dessas arraias, vive no aquário desde que ele foi inaugurado em 1985 e hoje com quase 30 anos já teve mais de 65 filhotes que podem sem encontrados em outros aquários pelo mundo, inclusive no Aquário de Atlanta.

Deixando as arraias para trás, entramos no Shark Túnel e no Ocean Discovery. Estes dois tanques são visitados através do primeiro túnel de acrílico do mundo. Com cerca de 110 metros de comprimento no total, além de várias espécies de tubarões encontrados nas águas da Nova Zelândia, vemos pelo menos umas 50 diferentes espécies de peixes que vivem por essas bandas.

Aquário de Auckland (26)

Depois de visitado o túnel de acrílico, chegamos ao Fish Gallery, onde encontramos diversas criaturas marinhas e de rios  interessantes. Nesta parte do aquário os animais são em grande maioria de áreas tropicais.

Aquário de Auckland (9)

Adjascente ao Fish Gallery encontramos o Seahorse Kingdom, uma parte do aquário inteiramente dedicada aos intrigantes cavalos e dragões marinhos. São pelo menos umas 30 espécies diferentes, entre elas o raríssimo Spiny Sea Dragon e o curioso Cavalo marinho Barrigudo. Esta porção do aquário me lembrou bastante o Aquário de New Orleans.

Aquário de Auckland (13)

E como em todo aquário que se preze a visita acaba numa simpática lojinha de souvenirs.  Enfim fui visitar o aquário sem grandes expectativas, e me surpreendi com o que ví. Um excelente programa para famílias visitando Auckland com crianças, e perfeito para aqueles típicos dias chuvosos em que não há muito o que fazer do lado de fora.

Aquário de Auckland (15)

Informações Úteis:

O Aquário de Auckland abre diariamente das 09:30 as 17:00 horas. Sendo que a última entrada é as 16:00. Os ingressos mas podem ser comprados na hora, devem ser preferencialmente comprados com antecedência via Internet (geralmente tem promoção online) .

A visita ao aquário leva de 1 a 1 hora e meia dependendo de seu interesse.

Para conferir os horários de alimentação e palestra sobre os animais clique aqui

Para conferir disponibilidade e os preços dos Ingressos e passes acesse aqui.

O Aquário de Auckland oferece algumas experiências exclusivas, como o mergulho com tubarões, encontro com os pinguins no gelo e o tour pelos bastidores. Para maiores informações clique aqui.

Para quem está de visita na cidade, o aquário disponibiliza um Shuttle (Shark) Bus gratuíto que sai de meia em meia hora do 172 Quay Street (outro lado da rua em frente ao Ferry Bulding) entre as 09:30 e 15:30.

Coordenadas GPS

Latitude Longitude
S 36 50.788 E 174 49.031

CONTINUE PLANEJANDO SUA VIAGEM AQUI:


Você lembrou do seguro viagem? Ele é um dos itens mais importantes da sua viagem. Ele é obrigatório nos países da Europa que fazem parte do Tratado de Schengen e também em Cuba e na Venezuela. Nos demais países em que ele não é obrigatório também é recomendável a contratação, já que infelizmente não podemos prever acidentes. Nos Estados Unidos, o custo médico diário de uma internação é muito caro (uns U$2.000). Não esquecendo que o seguro é muito útil nos casos de cancelamento de viagem, extravio de bagagem e assistência odontológica. Você pode cotar com a Real Seguro Viagem sem compromisso e, caso decida pela contratação, você poderá parcelar o valor do seguro em até 6 x sem juros no cartão de crédito, ou pagar com desconto de 5% no boleto bancário.

Seguro viagem oceania 728x90

CONTINUE PLANEJANDO SUA VIAGEM AQUI :

–  Reserve seu hotel no Booking.com ( sem taxa de reserva e a maioria dos hotéis oferece cancelamento grátis)

–  Compre seu seguro de viagem na Real Seguros (faz cotação em 10 seguradoras)

–  Agende suas excursões e passeios com a Get Your Guide

–  Alugue seu Carro com a RentalCars

–  Índice com todos os posts do Viajoteca

Se você fizer sua reserva através dos links aqui da Viajoteca, a gente ganha uma comissão, mas você não paga nada a mais por isso. Essa é uma forma de apoiar a Viajoteca a continuar escrevendo sempre ótimas dicas para você. Obrigada!

TAGS: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

CATEGORIAS: .Novos posts na Viajoteca, Aquários, Auckland, Destinos, Experiências, Ilha Norte, Nova Zelândia, Oceania, Passeios e Atrações Turísticas

3 Comment

  1. Legal!!

  2. […] Kelly Tarlton’s Sealife Aquarium: O simpático Aquário de Auckland […]

Comente Aqui