Página Principal Alemanha A bela ponte Alte Mainbrücke, em Würzburg

A bela ponte Alte Mainbrücke, em Würzburg

por Carina

Definitivamente a bela Würzburg é uma das principais cidades da Rota Romântica na Alemanha. Sem dúvidas, uma cidade linda e com belas atrações, que tal e qual Praga e outras belas cidades, tem uma ponte que é seu cartão postal. A ponte Alte Mainbrücke em Würzburg brilha suprema sobre o Rio Main, que corta a cidade.

Passear por ela é uma delícia! Não só porque ele é linda e toda construída em pedra, é o conjunto que a torna encantadora. De um lado ela tem a bela cidade de Würzburg a enfeitando, com as torras da catedral ao fundo, Já do outro lado, no alto de um monte recheado de vinhedos, está a Fortaleza Marienberg, cheia de histórias e tornando toda paisagem mais bela ainda.

Alte Mainbrücke em Würzburg

Não esqueça de fazer o seu Seguro de Viagem ao viajar para a Europa! Afinal ele é obrigatório para entrar na Europa.

+ SEGURO VIAGEM É IMPRESCINDÍVEL?

Alte Mainbrücke em Würzburg

Certamente esta belíssima ponte sobre o rio Main é um dos marcos de Würzburg. Em particular, ela é famosa por ser a “ponte dos santos”, já que é decorada com 12 grandes estátuas de pedra de personalidades da vida (não exclusivamente Santos), que foram, em parte, intimamente relacionadas com a cidade de Würzburg. Elas estão ali, decorando a mesma desde o século XVIII.

Construída entre os anos de 1473 a 1543, a Alte Mainbrücke em Würzburg (antiga ponte sobre o Rio Main) é a mais antiga ponte sobre o Rio Main e foi até 1886 a única na cidade.

Alte Mainbrücke em Würzburg ponte

História da Alte Mainbrücke em Würzburg

Até por volta de 1120 qualquer pessoa que quisesse atravessar o rio Main, tinha de fazê-lo a nado ou atravessar com navios ou balsas. Mas Würzburg era um dos principais fluxos comerciais regionais e a falta de uma ponte atrapalhava bastante.

Além dos produtos que eram transportados no próprio rio, a cidade passou a ser uma grande conexão com a área do Rio Reno. Além disso, cruzava pela cidade uma estrada que ligava o norte ao longo da região da Turíngia com o sul e sudoeste. Portanto, o rio passou a ser um obstáculo para o rápido crescimento do comércio no século XII. Uma ponte tinha de ser construída para aliviar o congestionamento do tráfego e melhorar a atratividade de Würzburg.

Primeira ponte

Assim sendo, em 1133 a primeira ponte foi concluída neste lugar. Como ela havia sido feita de madeira, o gelo do inverno e as numerosas e severas inundações nos séculos XIV e XV foram tornando a ponte cada vez mais enfraquecida. Até que na inundação de 22 de Julho de 1342, a ponte foi completamente destruída. Sobretudo, quase todos os arcos ruíram, e uma estrutura de madeira temporária foi levantada.

Os reparos na ponte foram iniciados várias vezes, mas pararam por inúmeras vezes devido à falta de recursos financeiros ao longo de décadas. Até que finalmente o Príncipe Bispo Rudolf von Scherenberg pagou pela construção da ponte de 1476.

No período entre 1476-1488 os pilares foram concluídos e a ligação entre eles foi feita em madeira. Posteriormente, a fim de economizar o custo de manutenção da estrutura de madeira, começou-se a construir os arcos em pedra em 1512. Em virtude de inúmeros problemas durante a construção, a conclusão dos arcos de pedra atrasaram e somente foram completados em 1703. Sendo que por volta de 1730, a ponte foi enriquecida com estátuas barrocas de santos de 4,5 m de altura e que são até hoje sua grande atração e beleza.

De Frankfurt: Excursão de 1 Dia a Rothenburg ob der Tauber

Século XIX em diante

Até a conclusão da Luitpoldbrücke / Friedensbrücke (Ponte da Paz) em 1888 e da Ludwigsbrücke / Löwenbrücke em 1894, a Alte Mainbrücke era a única ponte em Würzburg. Nesse ínterim permaneceu sem mais danos significativos, até a 2ª Guerra Mundial, quando foi destruída.

No dia 2 de abril de 1945, o quarto e quinto arco foram explodidos por tropas alemãs, e junto foram danificados os santos. A invasão do Exército americano quase não foi atrasado pela explosão, já que eles logo ergueram pontes de viga de aço para atravessar o rio, fazendo com que os planos dos alemães ao destruir a ponte tivesse sido em vão, e que foi só uma grande perda pelo patrimônio.

A reconstrução da ponte depois da guerra durou até 1950 e no ano de 1978 todas as estátuas haviam sido minunciosamente restauradas.

Ponte dos santos Alemanha

A Alte Mainbrücke em Würzburg hoje em dia

Hoje, depois de ser reconstruída cuidadosamente depois da guerra, a ponte conta 8 arcos de pedra. Ela tem um comprimento de 185 metros e uma largura de cerca de 7,5 metros, sendo que a parte da rua tem cerca de 4 metros de largura.

A ponte está fechada ao tráfego motorizado desde 1990, e faz parte da rua de pedestres que leva ao centro da comercial da cidade. Desta forma, seguir de um para o outro é muito fácil e tranquilo, já que não existe trânsito. E para melhorar, a visão para quem vai para o centro da cidade a partir da ponte e através do Domstraße dá diretamente sobre a fachada da catedral.

Vista de Würzburg ponte

Eventos e Gastronomia na Alte Mainbrücke

Festivais e atividades acontecem sobre a ponte ou nas suas imediações. Entre elas estão a Corrida de Patos (que acontece anualmente), a Feira de artes e artesanato “Klein Montmartre” (pequena Montmartre), que acontece duas vezes por ano, assim como o Festival da Ponte com Carnaval da Sociedade Elferrat (evento anual). Além destes, acontece as Pescarias (em ocasiões especiais) e ainda uma Maratona (duas voltas sobre as pontes da cidade).

Outra coisa bacana nos arredores da ponte, é que tanto no lado da margem direita, como na esquerda da ponte, existem algumas opções de restaurantes, bistrô, cafeteria, além de lojas. Então o passeio pela ponte pode ser completo, com paradinha para comer e apreciar as belezas da área.

Wuerzburgo

Santos decorativos da Alte Mainbrücke

O contrato para a concepção dos 12 santos foram fechados pelo Príncipe Dom Christoph Franz von Hutten em 1725 com Clemens Anton Lünenschloß, Johann Sebastian Becker e Volkmar Becker. Desta forma eles criaram as seis primeiras estátuas do lado sul, que são St. Totnan, St. Kilian, Patrona Franconiae (como a Virgem Imaculada), St. Kolonat, St. Burkard e St. Bruno.

Após a morte do príncipe-bispo von Hutten, em 1729, Friedrich Karl von Schönborn liderou a continuação das obras. Para o lado norte da ponte ele escolheu Pipinus, St. Fridericus, St. Josef, St. Nepomuk, Carolus Borromeus, e Carlos Magno. Eles foram criados por Claude Curé. Assim sendo, não foram colocadas as estátuas originalmente desejadas por Hutten, como St. Christopher, St. Aquilin e Bispo Arn.

Todas as estátuas são de arenito da Francônia e tem, em média, 4,50 metros de altura. Os pilares das estátuas no lado sul são decoradas com o emblema do Príncipe-Bispo Christoph Franz von Hutten. Cinco bases das estátuas do lado norte suportam o brasão do Príncipe Bispo Friedrich Karl von Schönborn, e um monograma do mesmo está na estátua de St. Josef.

Alte Mainbrücke em Würzburg santo

De Frankfurt pegue uma Excursão de 1 Dia a Nuremberg e Rothenburg

Lado norte:

Frankenkönig Pippin (Rei da Francônia Pippin)

O Rei da Francônia, Pippin, foi o pai de Carlos Magno. Ele teve a mais jovem diocese de Würzburg, que foi financeiramente e materialmente generosamente apoiada após sua fundação.

St. Fridericus

Foi o Patrono do príncipe-bispo von Schönborn.

Joseph mit Jesuskind

José com Jesus criança.

St. Johannes von Nepomuk (São João de Nepomuceno)

Friedrich Karl von Schönborn fez forte campanha pela sua canonização em 1729.

St. Carolus Borromäus (São Carlos Borromeu)

Foi um dos mais importantes representantes da Reforma católica e o segundo padroeiro do príncipe-bispo Friedrich Carl von Schönborn.

Kaiser Karl der Große (Imperador Carlos Magno)

Foi o fundador do Império Franco.

Ponte dos Santos Wuerzburgo

Saindo de Munique: Rota Romântica e Rothenburg

Lado sul estão os Santos:

St. Totnan

Totnan (nascido na Irlanda; † e martirizado em Würzburg em 689), foi junto com Kolonat o companheiro de missão bispo Kilian, por excelência o apóstolo da Francônia. Totnan é co-padroeiro da diocese de Würzburg. Kilian, Totnan e Kolonat têm o seu dia comemorativo em 8 de Julho.

St. Kilianus

Como seus dois companheiros Totnan e Kolonat, Kilian veio da Irlanda e cristianizou partes de Francônia. Ele foi martirizado com Totnan e Kolonat.

Jungfrau Maria (Virgem Maria)

Representada como a Patrona Franconiae (Herzogin von Franken – Duquesa da Francônia).

St. Kolonat

Kolonat (nascido na Irlanda; † e martirizado em Würzburg em 689), ao lado Totnan era um companheiro do bispo missionário Kilian, por excelência o apóstolo da Francônia. Kolonat é co-padroeiro da diocese de Würzburg.

St. Burkard

Foi o primeiro bispo de Würzburg e seu dia é comemorado em 14 de outubro.

St. Bruno

Este foi o Bispo de Würzburg que fundou e foi bispo da atual Catedral da cidade. Atributo: Bíblia. Seu dia festivo é 27 de maio.

Wuerzburgo ponte dos santos

Vandalismo

Infelizmente, num passado recente, vários santos que estão expostos na ponte foram alvo de danos e atos de vandalismo. Por exemplo, eles tiveram os dedos quebrados e utensílios roubados (espada, punhal, auréola). Uma pena que muitas pessoas não tenham a consciência de que este é um bem público.

De acordo com a administração da cidade, para a manutenção das mesmas os custos anuais ficam na casa de vários milhares de euros – e em muito poucos casos os autores puderam ser identificados.

Alte Mainbrücke em Würzburg

Informações Práticas

Horário

A ponte pode ser visitada 24 horas por dia, 365 dias por ano.

Entrada

É um logradouro público e por isto, gratuito.

Endereço

Alte Mainbrücke, 97070 Würzburg, Alemanha.

Fica bem no centro antigo da cidade, sobre o Rio Main, que a corta.

Wuerzburgo mapa

Estacionamento

O local mais central para estacionar o carro é na Marktgarage.

Endereço: Martinstraße 3, 97070 Würzburg.

A hora pode custar entre €0,50 e €1, dependendo a hora do dia, numa tarifa máxima de €8 por dia.

Dicas

Pessoas com deficiência visual podem obter uma impressão da obra através do modelo tátil de ferro que fica na ponta esquerda da ponte (lado da Fortaleza de Marienberg).


Leia mais sobre a Rota Romântica!

+ A FAMOSA ROTA ROMÂNTICA, NA ALEMANHA

+ VISITANDO A CIDADE MAIS FAMOSA DA ROTA ROMÂNTICA: ROTHENBURG OB DER TAUBER

+ TAUBERBISCHOFSHEIM, NA ROTA ROMÂNTICA – ALEMANHA

+ DONAUWÖRTH, NA ROTA ROMÂNTICA – ALEMANHA

+ OS CASTELOS NEUSCHWANSTEIN E HOHENSCHWANGAU NO SUL DA ALEMANHA


Vale a pena comprar antecipadamente:

LEIA TAMBÉM:

Fale com a gente!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

O Viajoteca usa cookies para tudo funcionar direitinho no seu browser, tudo bem? Aceito Leia mais

Privacidade & Cookies